108 comentários sobre “About & Contact

  1. ((((((((((((URGENTE)))))))))))) Olá Paulo, descobri seu blog hoje e já amei. Meu nome é Joanna e eu curso o segundo periodo de arquitetura, mas penso em trancar e fazer design de interiores. Acontece que aonde eu moro (Aracajú) só tem disponível o curso tecnólogo, e eu não tenho como ir estudar em outra cidade, pois vim para Aracajú justamente para estudar arquitetura. Agora eu ando nesse dilema, não por ter dúvida sobre querer design, mas por ter medo de o fato do curso ser tecnólogo me atrapalhe no mercado de trabalho. Por favor me ajude. Eu só queria saber de você se é furada ou não. A urgência é por conta do periodo de inscrições. Grata desde já.

    • Olá Joanna.
      Bim, se você realmente gosta e deseja atuar em interiores a melhor opção é o curso de Design de Interiores, mesmo que tecnológico.
      Apesar de ser um curso mais curto o diploma é de nível superior.

  2. Boa tarde Paulo, eu estudo há 4 anos Design de Interiores, sou formada no curso técnico e atualmente faço graduação também em Design de Interiores. Gostaria de saber, como posso ser mais ativa nas decisões tomadas pela ABD, meus colegas de classe e eu, gostaríamos de ser mais ativistas, uma vez que é nosso futuro ainda mal começado que está em jogo.

  3. Oi Paulo Oliveira.
    Gostaria de saber o seguinte: Para cursar o curso de design a nível superior é preciso ter curso de desenho? Qual curso terei que buscar para fazer?
    Obrigada. *–*

  4. Oi Paulo Oliveira.
    Esse seu site, é extraordinário ! Meus Parabéns. Nele contive muitas informações. (:
    Sou uma apaixonada em Design e gostaria de saber quais livros de Design de Interiores você me recomenda adquirir?

    Att, :)

    • Jéssica, literatura nacional sobre a área ainda é pouca.
      Mas uma boa pedida entre os nacionais são os livros da Miriam Gurgel.
      abs

  5. Paulo, como vai?
    Descobri seu blog fuçando a internet, e posso dizer que adorei!

    Sou Designer de Interiores, fiz vários cursos técnicos e, posteriormente, senti a necessidade de me aprimorar cursando uma Universidade.
    Mesmo já trabalhando da área à bastante tempo, através do seu blog, pude tirar duvidas, ter esclarecimentos e informações muito importantes, de uma maneira bem explicita, direta e, acima de tudo, clara.

    Queria te pedir o favor de responder as seguintes perguntas :
    . A pergunta acima do Bruno Ramalho, pois ela certamente diz respeito à várias pessoas que já trabalharam, ou ainda trabalham em escritórios de terceiros.

    . Como lidar com as “épocas de seca”, quando os clientes somem e não conseguimos captar novos clientes?

    . O que fazer qdo os clientes paralisam os projetos, durante algum tempo, e você fica sem receber honorários… Devemos colocar uma clausula contratual referente à este item, a fim de nos resguardar?

    Fico aguardando suas respostas….

    Parabéns pelo blog, pela iniciativa e pelo desempenho profissional.
    Abraço, Marisa Figueiredo

    • Oi Marisa, vamos por partes:
      – sobre a questão do Bruno, vou fazer um post sobre o assunto ok?
      – épocas de seca é sinal que você está com seu foco em apenas um nicho de mercado. Diversifique. Um bom caminho são as vitrinas de lojas.
      – sim, coloque em seu contrato uma cláusula sobre isso. Se a paralização for curta mantenha a taxa de administração de obras. Se o período for mais longo acrescente um percentual do valor como “multa”.
      Espero ter ajudado.
      abs
      ;-)

  6. Boa noite! Paulo…
    Meu nome é Paula, sou arquiteta e me especializei em Iluminação na arquitetura. Gostei muito do seu blog, tem muitas informações interessantes, Tenho acompanhado também suas matérias pela revista Lume, a qual sou assinante a anos. Ultimamente estou desenvolvendo uma monografia sobre ‘iluminação Sustentável em espaços comerciais”. Você tem algum material para disponibilizar? Eu vi que você fez um Workshop sobre este tema, mas infelizmente não tive tempo hábil para participar do curso. Como faço para adquirir este material? Achei o programa muito interessante. Bom… se você puder me ajudar agradeceria muito. Desde obrigada. abraços. Paula Malta

  7. Olá Paulo, é a primeira vez que acesso seu blog e devo parabeniza-lo pelo conteúdo dos posts!! Tenho uma dúvida que pode até mesmo servir para um novo post seu.

    É o seguinte. Minha namorada se formou há apenas 2 anos em Design de Interiores. Após formada, já trabalhou como designer em 2 escritórios de médio porte aqui no RJ. Contudo, é chegada a hora de traçar algumas metas para, enfim, alcançar o negócio próprio. Nessa busca, logo se torna clara a necessidade de ter um portfólio para divulgação dos trabalhos. É justamente nessa fase de transição que encontramos a seguinte dificuldade: como se lançar na carreira autônoma sem ter tantos trabalhos para fazer uma divulgação? Alguns artigos que li sugerem fazer trabalhos fictícios e tudo mais.

    Como sabemos, a maioria dos escritórios não divulgam o nome de todos que participam da equipe que realizou determinado projeto, ou seja, os créditos pelo projeto ficam somente em nome do arquiteto que é o dono do escritório. Isso torna a divulgação do profissional de interiores ainda mais complicada.

    Enfim, a dúvida que fica é:

    Pode um designer utilizar trabalhos realizados no escritório que atua como contratado em seu portfólio particular? Qual é a melhor forma de fazê-lo?

    Se puder me ajudar com essa, agradeço.

    Mais uma vez, parabéns pelo blog!

    Abraços,
    Bruno.

  8. Olá Paulo, estou no 3º colegial,tenho 17 anos e pretendo fazer Design de interiores…por onde devo começar?quais cursos devo fazer antes de iniciar a faculdade? acho esta profissão apaixonante, mas não sei desenhar muito bem..então devo fazer um curso de autocad ou de desenho? desculpe tantas perguntas, mas estou louca pra começar ano que vem rsrs
    Um abraço.

  9. Olá Paulo,
    Através de pesquisas voltadas para esta área, conheci seu blog e achei excelente. Clareou muito minhas dúvidas e idéias.
    Sou formada em Rádio e Tv e a algum tempo, voltei meus olhos para ambientes. Não que eu queira seguir o ramo da cenografia (quem sabe), mas me apaixonei pelo setor e quero muito me aprofundar no universo do design de interiores.
    Há 1 anos, estou num curso livre de D.I., já fiz CAD, frequentei feiras e exposições ligadas ao setor e a fim de me qualificar, estou pesquisando cursos, dentre eles Panamericana e IPOG. Qual seria o ideal? Ou se houver, em outra Instituição?
    Grata,
    Camila

  10. Olá Paulo oliveira,
    Estou aqui para elogia seu site.
    Sou um blogueiro iniciante e volta e meia eu estou por aqui, para ler seu post que diga de passagem são muito bons…
    O meu blog, fala dessa grande área DESIGN DE INTERIORES.
    Como já disse seu site é muito bom…
    Abraços…

  11. Olá Paulo,
    Sou formada em Psicologia, contudo, no momento, dedico-me ao curso de formação na área de Design de Interiores na cidade de Salvador/Ba. Conheci o seu blog através da minha professora de Comunicação e, tão logo, interessei-me pelo seu artigo postado “É… estamos ferrados???”. Ainda estou cursando o primeiro semestre do curso e, desde já, gostei da reflexão que você trouxe neste artigo. Já estava me questionando o motivo da cordenação do meu curso de Design ser administrada por uma pessoa da área de arquitetura. Inevitavelmente, não pude deixar de pensar: será que os designers de interiores da cidade de Salvador não estão fazendo valer a sua profissão? Não estão se especializando em sua formação profissional a ponto de assumir cargos de importância como esta, cujo objetivo é a formação de outros profissionais na área de DI? Ou está havendo grande resistencia de outras partes para esta inserção? Ainda não sei como é esta realidade em outros estados. Saberia me dizer?
    Abraços
    Mariana Costa

  12. Olá Paulo,

    Sempre q posso acompanho seu blog,

    Gostaria que vc levantasse um assunto que estou com dificuldades de achar conteúdo, e está um pouco de lado… É sobre a área de Design de Móveis, eu sei que pode ser feito especializações, pós, etc… Pelo menos aqui na minha região que tem mais de 200 Fábricas de móveis, e não se tem instituições de ensinos capacitadas… e específicas para este ramo que vem crescendo absurdamente nos últimos anos.

    Grato,

  13. Boa tarde Paulo!

    A minha situação é mais ou menos parecida com a da Mariane aí em cima, porém não sou formada. Tenho 24 anos, decidi fazer Engenharia Civil aos 23 e comecei a procurar emprego em costrutoras e tal. Consegui um emprego na área de compras. Fiz o curso de AutoCad durante esse tempo e me apaixonei. Trabalhando em uma construtora, acabei tendo bastante contato com os profissionais de arquitetura e foi daí que minha dúvida surgiu: fazer engenharia ou arquitetura? Sei que, por mais que as duas áreas estejam ligadas, uma é bem diferente da outra. Mas antes de me arriscar na arquitetura, pensei em fazer um tecnólogo de Design de Interiores. Por não conhecer tanto essa área, gostaria de saber se você acha que fazer o curso de arquitetura depois é interessante como forma de “complemento” ou se um curso não está, necessariamente, ligado ao outro.

    Agradeço desde já a atenção.

    Bruna Monteiro

  14. Olá Paulo

    Será que você me permite abusar mais um pouquinho de sua experiência e pedir sua opinião em uma questão pessoal? =/

    Eu tenho 24 anos de idade, me formei em Administração de empresas e há alguns anos trabalho com Projetos na área de Compras.

    Estou interessada em migrar para Design e trabalhar com este novo tipo de projeto, que sempre foi tipo um sonho. Do ponto de vista profissional, eu me considero madura. Mas na área de Design, tecnicamente eu começaria do zero.

    Minha primeira pergunta seria se, francamente na sua opinião, já está tarde para isso. Pergunto pois hoje já estou colocada no mercado, e preciso avaliar bem o risco desta minha escolha. Será que o mercado de trabalho me aceitaria bem?

    E se por acaso der certo, e eu atingir um nível médio de designer (bem inferior aos seus trabalhos por exemplo), ainda assim um dia eu vou conseguir sustentar minha família com este trabalho? rs

    Desculpe o tipo de pergunta, mas eu ficaria muito grata se pudesse me dar um feedback!

    E parabéns pelos trabalhos!!!!!!!!

    Obrigada!
    Mariane

    • Mariane,
      eu comecei na área com mais de 25 anos de idade. Tudo bem que na época eu dividia meu tempo entre a música e o design. Aos poucos fui migrando e hoje vivo apenas do design.
      Nunca é tarde para se fazer o que quer e gosta. Vá a luta!
      Sobre sustentar a familia, assim como em qualquer outra área, só vai depender de seu empenho pessoal e ética profissional.
      abs e sucesso
      ;-)

  15. Olá Paulo ,conheci seu blog hoje e gostei muito dos seu posts.Sou futura estudante de design de interiores pela escola técnico Geração (começo as aulas em março)
    a minha duvida é:qual a diferença entre curso técnico e faculdade?A faculdade é mais completa ?E qual delas tem o um enfoque maior em design de móveis?

    Obrigada !

    • Olá Juliana,
      Sim, os cursos superiores (universidades) são bem mais amplos e completos que os técnicos.
      Sobre o enfoque em mobiliário, todos os cursos oferecem esta disciplina, umas com maio peso e outras com menor.
      É bom informar-se direito com a instituição em que fará o curso.
      abs e sucesso
      ;-)

  16. Prezado Paulo.

    Conheci seu site a algum tempo, e admiro-o muito pela franqueza, dedicação ao design e, principalmente, pelo fervor em busca de um mundo mais justo para o designer.
    Sou formado em Design de Produto e me interesso muito pelo light design.
    Queria dar os meus parabéns pelo ótimo trabalho desenvolvido e pelo blog.
    Gostaria muito de ler seus comentários a respeito dos dezáiners 3D, área em que atuo, onde 90% são micreiros, sem conhecimentos essenciais de qualquer área de design, e que usam a nomenclatura a nós atribuída para se auto-nomearem.

    Grato!

    Renan Monesi

  17. volto a mencionar Paulo, gostava de saber a sua opiniao sobre tirar o curso de design interiores no Senac Rio, se acha que vale a pena ou esses cursos tecnicos nao me vao ajudar futuramente.
    Abraço

  18. Olá Paulo, adorei seu blog e venho aqui todos os dias pra ler os posts mais antigos e os de hoje.

    Sou estudante de Arquitetura e Urbanismo pela Unic (Universidade de Cuiabá) mas recentemente estou querendo abandonar o curso para me focar apenas em Design de interiores. Muitos me disseram que é “burrice” fazer isso pois o arquiteto pode se especializar depois, porém vi que as grandes faculdades que oferecem a pós-graduação em design não oferecem nem 70% da grade curricular de uma faculdade especifica em design.

    Estou no caminho certo? Devo continuar arquitetura ou se amo especificamente a parte interna de ambientes devo ir para ela?

    Ainda há preconceito como designers de interiores por parte dos escritórios de arquitetura?
    Outra pergunta, vale a pena abrir um escritório ou trabalhar como freelancer futuramente? Penso em abrir um quando fizer “nome” em minha cidade em sociedade com um colega arquiteto.

    Grato desde já e desculpas pela grande quantidade de texto haha. Obrigado.

    • Olá Kenji,

      bom, realmente nem mesmo as especializações são capazes de fornecer a mesma formação que o designer recebe no curso de nivel superior.

      O que você tem de ter em mente é:
      quer construir? Faça arquitetura
      se não quer construir, faça interiores.

      Não é que exista um preconceito, o que existe é uma acirrada disputa pelo mercado e, por ser design de interiores uma área nova e desconhecida ainda, alguns arquitetos usam – com má fé – deste desconhecimento para sobressair-se.

      Inicie sua vida como autonoma… deixe para pensar num escritório quando você já tiver certo nome no mercado, exatamente como vc colocou.

      Abraços e sucesso!!!
      ;-)

  19. oi Paulo, gostava de saber a sua opiniao sobre tirar o curso de design interiores no Senac Rio, se acha que vale a pena ou esses cursos tecnicos nao me vao ajudar futuramente.
    Abraço

  20. Paulo,

    Parabéns pelo seu blog, me ajudou a sanar algumas dúvidas e estou cada vez determinada começar o curso de design de interiores.
    Moro em Porto Alegre e curso Administração, na verdade começei a faculdade se saber exatamente que caminho seguir, e os trabalhos profissionais acabaram seguindo na mesma linha por anos.
    Mais nada que me desse motivação, eu trabalho de forma “mecânica” e isso esta me deixando angustiada e desmotivada.
    Desde já , obrigada! Danielle.
    Já a algum tempo percebi que passava horas e horas do meu dia olhando e procurando novidades de decoração, móveis planejados, lendo milhares de revistas destes assuntos … em fim me toquei que talves essa seja minha verdadeira dedicação;
    Comecei a procurar alguns cursos para ter certeza que é este o caminho a seguir.
    Em março começo meu primeiro curso e estou muito impolgada!
    Andei olhando a grade de disciplina de algumas universidades de Porto Alegre, e gostaria de uma sugestão sua quanto à elas. Poderia ter encaminhar por e-mail para você verificar?

  21. Oi paulo , adorei seu blog , mto bom…é uma troca de informaçãoes maravilhosa , bom deixo me apresentar , sou estudante de desing de interiores ..por que é tão dificil . pra nós estudantes conseguir estagio….parábens pelo trabalho…bjãoo.

    • Simone,
      porque não temos um órgão de classe sério e que atue verdadeiramente à nosso favor e fiscalizando as universidades que oferecem cursos na área.
      Por sermos uma classe desunida onde os profissionais não estão nem aí para questões trabalhistas, mercadológicas e éticas onde a única coisa que importa é o $$ no bolso e prostituir-se profissionalmente dando projetos em troca de comissões de lojas…
      Simples assim.

  22. Bom dia, Paulo.
    Estou precisando de uma ajuda para escolha da faculdade.
    Não sei se fasso Arquitetura ou Design de Interiores.
    Gostaria de saber as qualidades e os contras de ambas.

    Obrigada.
    Thaila Auanna

  23. Gostei muito do teu blog, pena que vi alguns comentarios desnecessarios, como o fato de chamar de preguiçosos os que buscam cursos a distancia. Cada pessoa é um mundo e cada um tem suas necessidades e limites, o que talvez faça com que procure um curso a distancia, eu nunca fiz um, mas nao discarto a possibilidade de fazer. Os comentarios a respeito dos pedreiros creio q nao deveriam ser expostos dessa forma, pq possivelmente uma pessoa pouco ajustada pode passar a ver os pedreiro como seres inferiores aos que estudaram e as coisas nao sao bem assim, pq os que nao estudaram tb tem muito o que ensinar.

  24. Olá Paulo!
    Entrei hj pela primeira vez em seu blog e adorei tudo!!!!Sou cirurgiã dentista, tenho 6 anos de formada, sou especialista, mas tenho percebido que não estou feliz. Sinto falta do lado belo, da criatividade, das cores…Gosto muito da minha profissão, mas preciso procurar algo que possa conciliar com o consultório e que me deixe animada, sabe?Tenho pensado muito em fazer DI, e vc me ajudou muito com seu blog…. Pretendo começar ano que vem o curso de DI, em uma das universidades de vc recomenda ….Faap, IED ou Panamericana. Quais cursos poderia fazer este ano para me preparar melhor para o curso? Para este nível de curso (desenho, auto cad, paisagismo), vc recomendaria a ABRA?
    Muito obrigada MESMO!!!!!
    Sorte sempre!!!!!!!

    • Luciana,
      agradeço os elogios.
      Bom, você pode levar as duas “carreiras” aomesmo tempo se quiser e, aproveitar o seu conhecimento num nicho bem específico: projetos para consultórios odontológicos ;-)
      Dos cursos citados por você, sem sombra de dúvida FAAP e IED. Mas, já que você tem condições de optar por estes mais caros, indico sem qualquer receio o da Belas Artes em primeiro lugar.
      Você pode fazer cursos livres de desenho antes de entrar na faculdade até porque, muitas delas exigem o THE (Teste de Habilidades Específicas) no vestibular. E também porque já tendo alguma noção e domínio sobre desenho, vai facilitar bastante a sua vida acadêmica.
      Os cursos da ABRA são técnicos (nivel médio). Opte sempre por curso de maior titulação ok?
      abraços e sucesso!!!

  25. Muito bom o seu espaço aqui.
    Quando vier a S.Paulo participar de enventos ou feiras, não esqueça de comunicar.
    Quero conhecer melhor seu trabalho.
    Gde.Abraço.
    Carlos Zhara

  26. Olá Paulo!
    Estou muito feliz de ter encontrado seu site.

    Sou uma designer de interiores um pouco frustrada porque ninguém, nem mesmo meus familiares entendem minha profissão. Todos sempre me apresentam as outras pessoas como arquiteta quando eu digo “nao nao sou designer!” ai vem o pior a resposta “mas nao é a mesma coisa!”. Agora posso explicar com mais detalhes minha profissao através de seu blog.

    Obrigada mesmo

  27. Boa Noite,
    Paulo!

    Adorei o site.
    Gostaria de uma orientação.
    Penso em fazer o curso técnico de Desing Interiores pelo SENAC RIO, mas sou quase leigo na área, mas curto muito essa vibe.
    Mas estou com receio de está fazendo numa instituição que não seja legal.
    Pode me ajudar?

    • Olá Francisco,
      grato pelos elogios e fico feliz que tenha gostado do trabalho desenvolvido por mim aqui neste espacinho da web ;-)
      Bom, sobre seu questionamento:
      O SENAC é uma instituição bastante séria e, especialmente nos grandes centros, oferece cursos de qualidade.
      Porém o curso oferecido pelo SENAC é técnico (nível médio). Apesar de ser muito bom, é técnico.
      Seria muito melhor você investir o seu tempo e dinheiro num curso superior não acha?
      Dê uma olhadinha aqui neste post que tem uma lista de cursos superiores espelhados pelo Brasil, inclusive aí no RJ.
      Abs e sucesso

  28. Prezado Paulo,

    Gostaria que soubesse o quanto a sua dedicação a esse blog é importante para tantas pessoas. Eu o encontrei numa busca sobre cursos de Design de Interiores que é uma paixão antiga mas que só agora vou poder realizar. Lendo os seus posts pude esclarecer as minhas dúvidas e ter a certeza de que essa é a minha paixão e quero me dedicar ao máximo para me tornar uma profissional.

    Obrigada!
    Poliana Eugenio.

    • Olá Poliana,
      que bom que gosta do trabalho por mim desenvolvido aqui neste blog.
      Fico super feliz quando vejo que estou ajudando muitas pessoas à medida que busco INFORMAR corretamente sobre a área.
      Seja então desde já bem vinda ao mundo do Design!!!
      abs

  29. Oi Paulo, tudo bem adorei seu blog..Gostaria q vc mim desse uma dica, estou querendo fazer um Tecnólogo em Designe de interiores a distancia vc mim indicaria uma instituição de confiança q seja de renome tbm…muito obrigado…

    • à distância Eliane?
      Não indico pois não concordo com esta modalidade numa área técnica como é o caso do Design de Interiores/Ambientes…
      abs

    • Olá Vanessa,
      eu estava viajando de férias, por isso demorei para responder.
      Isso depender da região/cidade onde você mora.
      Mas de um modo geral, os profissionais estão sendo bem aceitos no mercado ok?
      abs e sucesso.

  30. Ola Paulo

    Adorei o seu blog, alem de achar ele chiquerrimo.
    Ate pouco tempo nao sabia nada sobre design de interior, mas sempre admirei e fui muito observadora sobre o assunto como toda mulher. Entao agora resolvi por em pratica essa paixao.
    Venho pesquisando os cursos tecnicos e resolvi pela Panamericana, mas os valores me assustaram,
    8 parcela de R$ 756,00 o primeiro modulo de 4 meses.
    Entao pensei em algo mais em conta como o ABRA, mas talvez com um ensino a desejar.
    Minha real preocupacao quanto a valores e que pretendo economizar para que num futuro bem
    proximo eu possa fazer alguma especializacao na area fora do pais.
    Esse e meu dilema, cursar uma boa escola ou uma nao tao boa e fazer um curso na europa.

    Obrigada e parabens pelo seu trabalho.

    • Marcia,
      você não precisa sair do país para fazer uma especialização de excelente nível.
      Caso queira uma com reconhecimento internacional faça a do IED.
      Sobre os cursos, eu sempre indico a todos os leitores que se vão fazer algum curso, que optem sempre pelo de maior titulação, no caso os superiores. Por mais que digam que não tem diferenças, ou que estas são poucas, isso não é verdade. As diferenças são enormes até mesmo entre os cursos técnicos e os superiores sequenciais. Quiçá entre um técnico e um tecnólogo ou bacharelado. Mesmo sendo mais “salgada” a mensalidade acredito que valha a pena pagar mais por um curso superior que pagar menos por um curso técnico.
      abs e sucesso!

  31. Paulo.
    Sou aluna do curso de design e estou no ultimo ano realizando meu trabalho de conclusão de curso,onde o mesmo irá abordar o tema ligth design(volrado para ambientes de restaurante).Acho o assunto muito interessante e me identifiquei muito com ele mas não conheço muito.Precisaria que vc me indicasse alguns importantes livros,artigos,sites para melhor ajudar no conhecimento do assunto.

    desde ja agradeço.

    parabéns pelo seu otimo trabalho.
    pÂMEla ribeiRO

    • Pâmela,
      tem um post aqui no blog de bibliografia sobre LD.
      É uma área nova e com pouca bibliografia, mas já encontra-se na web vários artigos acadêmicos sobre o assunto.
      Não busque apenas livros, vá em cima dos artigos também ok?
      abs

  32. Paulo, somos uma industria atuante ha 20 anos no mercado de tecnologia.
    O Led hoje é uma realidade , atendemos muitas empresas de iluminação e alguns amigos aruitetos diretos.
    Gostaria de um e-mail seu para te mandar detalhes de nossos produtos.

    Obrigado, abraços!

  33. oi!!Paulo Oliveira
    sou Thaina Pelucio,estou cursando o ultino semestre do curso de Design de Interiores e estou fazendo um trabalhor que seria encontrar um proficional de Design e pesquisasse sobre sua vida e obra achei muito interesante seu trabalho e gostaria de compartilhar o q eu vi sobre vc com meus companheiros de sala e professora!gostei muito do seu trabalho gostaria de estar sempre acompanhando seus projetos e poder tambem aprender!!!
    obrigada!

  34. Olá Paulo,
    Gostei muito das informações apresentadas sobre desing,das várias vertentes que o profissional em designer pode ter, você esta de parabens.
    Minhas dúvidas, vale apena fazer um curso técnico em edificações com aulas 2x na semana 3hs aulas no perído de 21 meses. tenho loucura por desing, arquitetura, iluminação tudo pertinente a essa profissão.por favor não demore a responder minha mensagem o curso esta com isncrições abertas ate o fim do mes.

    • Elberth,
      o curso de edificações é voltado para outra área complementar a arquitetura e interiores. Com este vurso você poderá tirar o seu CREA e assinar plantas. Porém, para atuar em interiores não é a melhor opção pois o foco é outro.
      abs

  35. Oi Paulo, tenho visto seu blog com freqüência. Trabalho com design de interiores há cerca de três anos. Como já tinha mestrado em outra área e precisava tomar coragem para seguir a vocação e mudar completamente de profissão, resolvi fazer um curso técnico na ABRA-Alphaville- SP e não outro curso superior. Acho que valeu à pena, complementei com outros cursos e consigo desempenhar bem minha profissão. A prática também é sempre uma boa escola. Quando comecei, por inexperiência na área, não sabia direito como cobrar. Em Alphaville, bairro de classe média alta, tem muito arquiteto cobrando os “olhos da cara” por um projeto de design. Se vc cobra mais barato que eles, acham que vc não é bom. Se cobra a mesma coisa, preferem pagar a marca. Seguir tabelas fica muito difícil. Alguns valores são ultrajantes, ou para mais ou para menos. Aqui, o valor por projeto, sem adm. varia de 30,00 a 350,00/m². Mas tem designers de outros bairros, cerca de 30 km de distância, que enfrentam trânsito pesado até Alphaville, cobram os mesmos 30,00/m² com adm. porque a RT vale mais a pena, já que os móveis e objetos tendem a ser mais caros aqui. Estou satisfeita com o nível e clientes que tenho. Trabalho sempre para conseguir mais clientes bons, sem depender tanto de indicações de projetos anteriores, mas o mercado aqui na minha região está ficando bastante complicado. Tem muito “profissional” “prostituindo” o design de interiores. Depois de tudo exposto, pergunto: em sua cidade, ou de um modo geral, com sua experiência e contato com outros designers, qual tem sido o valor médio cobrado / m², hora técnica, consulta, etc?
    Bom, se puder me ajudar, fico muiiito agradecida.
    Um forte abraço e parabéns pelo blog.

    • Daniela, por aqui e em outros lugares que tenho conversado, percebo que a média está a mesma e a situação do mercado idem.
      As RTs vieram para ferrar de vez o mercado, sou totalmente contra as mesmas, especialmente da forma indecorosa com a qual tem sido usadas: sem o conhecimento do cliente que acaba pagando duas vezes aos profissionais: pelo projeto e através das RTs.
      Tem um post aqui no blog onde falo sobre isso:
      https://paulooliveira.wordpress.com/2007/11/19/o-paradoxo-das-rts/
      Sobre hora técnica, tá cada dia mais dificil cobra-las e quando se consegue, os valores são medonhos (mal cobrem a gasolina).
      Bom, acho que é isso
      abs

  36. Olá Paulo,
    Vou, primeiramente quero parabenizar o seu trabalho. É lindo e o blog maravilhoso para quem é ou quer se tornar um design de interiores. Agora, preciso de alguns esclarecimentos. Vou começar meu curso de design de interiores no segundo semestre de 2010, estou pesquisando vários cursos – SENAC, PANAMERICANA, BELAS ARTES, ANHEMBI MORUMBI. Ainda não sei se faço o curso tecnológico ou se a graduação. Já tenho uma graduação, em Letras, e trabalho como revisora de texto, mas estou encantada com a área de DI. Moro em São Paulo e fiz um curso básico de desenho, o que me deu algumas noções, mas bem básico mesmo. Me ajudou a soltar a mão no papel, apenas. Sei que você responde essas dúvidas sempre. Mas no meu caso específico, o que você indicaria. E já aviso que vou acompanhar seu blog sempre. Adorei, como disse antes, seus trabalhos, parabéns.
    Taís

    • Taís,
      indicar entre um tecnologico e uma graduação, como educador que sou fica óbvio que vou indicar a graduação.
      Dos citados por você indico
      1- Belas Artes
      2 – Panamericana
      Fico feliz que goste de meu trabalho e que me acompanhe. Ainda estou com problemas sérios com minha agenda e não estou conseguindo manter o blog atualizado como gostaria. Mas enfim, são coisas da vida e sei que meus leitores compreendem isso.
      abs e sucesso.

  37. Olá Paulo!

    Estive lendo o que escreves em teu blog
    e vou ser bem sincero, me ajudou demais, estou pensando em iniciar
    a faculdade de design, e trabalhar com interiores.
    Gostaria muito de poder falar com alguem do ramo, para poder me esclarecer algumas coisas.
    Será que você poderia me enviar algum e-mail, msn, ou até mesmo orkut?
    Ficaria muito grato

    Um grande abraço!
    Sucesso!

  38. Katia,
    geralmente essas empresas oferecem treinamentos para seus funcionários, mas uma boa dica também é você começar a “fuçar” nos blogs sobre Design e nos sites de outras empresas concorrentes para entender melhor sobre isso. Mas, o ideal mesmo seria você fazer sim o curso superior.
    abs e sucesso!

  39. Olá Paulo!!!Gostei muito do seu currículo. Sou piauiense e tenho 26 anos. Irei trabalhar com vendas de móveis(cadeiras e sofás) Classe A …meu público principal será arquitetos, uma vez que trabalharei com a venda institucional para projetos ainda na planta, além de restaurantes e hotéis. Porém, não terei tempo para investir em um curso de Desin de interiores, sou leiga quanto ao assunto, minha formação é Administração de empresas e fiquei apaixonada pela proposta de trabalho. Como conquistar este público alvo abordando meu produto sem que pareça uma desinformada? Você tem alguma dica quanto a leituras e cursos de preparação(não superiores)?
    Obrigada!!!
    Abraço!!
    kátia

  40. Luciene,
    certamente que podem sim bastando que para isso você se forme em algum curso superior, de preferência.
    Assim você conseguirá atuar nas duas áreas ao mesmo tempo sendo que, uma acabará por ajudar outra.
    abs e sucesso!

  41. BOA NOITE,PAULO ESTOU BASTANTE INTERESADA EM SE TORNAR UMA DESING,JA ME INFORMEI EM ALGUMAS ESCOLAS,MAS GOSTARIA DE SUA OPNIAO;SOU CORRETORA DE IMOVEIS,VOCE ACHA QUE PESSOAS QUE ATUAM NESSA MINHA AREA PODE ATUAR COMO DESING TAMBEM?OU SAO COISAS DISTINTAS?ATT.

  42. Caro Paulo, não sei se você lembra de mim.
    Como te falei na mensagem anterior, vou fazer o curso de Design de Interores na Belas Artes, mas só começarei no ano que vêm.
    Só que não quero ficar parado nesse próximo semestre, pretendo fazer alguns cursos.
    Será que você pode me dar umas dicas do que devo fazer, como autocad,iluminação na philips ou qualquer outro, para quando chegar á faculdade ja ter alguma noção de algo, o que você acha dos cursos do senac e da impacta.
    Te agradeço pelas dicas Paulo.

    Claudio Cintra

    • Claudio
      procure começar com cursos de desenho a mão livre – aqueles mais artisticos mesmo – que te darão uma excelente base artística e treinarão bem o seu traço.
      Depois parta para outros mais tecnicos como autoCAD, iluminação (Philips e Osram), paisagismo e o que você conseguir encontrar disponivel.
      abs e sucesso no curso.

  43. OLÁ PAULO…ESTOU CURSANDO PÓS GRADUAÇÃO EM DESIGN DE INTERIORES E DEVO COMEÇAR MINHA MONOGRAFIA.ESTOU UM POUCO CONFUSA QTO AO TEMA,JA QUE A MAIORIA DAS DISCIPLINAS ME FASCINAM… ME DÁ UMA LUZ POR FAVOR!DESDE JÁ AGRADEÇO. UM ABRAÇO

  44. Oi Paulo! Estou fazendo um curso tecnico em design de interiores com duração de 3 anos. Sou apaixonada por iluminação, queria algumas dicas p/ entrar nesta área, como por ex.indicação de alguns cursos(tirando Osram e Philips)q já me inscrevi. Acho esta área muito interessante e difícil, são poucos profissionais q entendem mesmo, a maioria ‘QUEBRA GALHO” rsrs.E olhando seu blog percebo como é imperdoável errrar na iluminação. Se puder me dar algumas dicas quero me iniciar nesta área. Obrigada.

    • Kathlein, existem outros cursos de iluminação, mas o melhor mesmo é você, durante seu curso buscar aprofundar-se sobre o assunto. Ir em lojas e xeretar mesmo em tudo que puder. E não pare apenas com este curso técnico, busque novos cursos depois que terminar este. Curso superior, especialização. Além da prática, iluminação exige muita teoria também ok?
      abs e sucesso.

  45. Paulo, passei para deixar meu elogio aos seus trabalhos. São maravilhosos. O bom gosto e o requinte estão presentes em qualquer trabalho seu. Parabéns!
    Beijos
    Telma Alcazar

  46. Luciane,
    se você estiver se referindo àquela do post que fiz, o ideal é que você adesive. As tintas não “funcionam” muito bem com a luz ok?
    Abs

  47. Oi,parabéns pelos seus posts ! Quero fazer uma luminária(aquela com tela e luzes de natal)que adorei a idéia !Poderia me dizer se posso pintar a tela de rosa ou verde,ficaria legal?

    Obrigada pela atenção

  48. Valeu Luizi
    obrigado pelos elogios!!!
    se é incompleto o teu conhecimento, nunca é tarde para correr atras não é mesmo?
    Ah, não queira ser como eu ou ninguém, apenas queira ser você, com projeções pessoais sadias ok?
    grande abraço

  49. …Em algum que nem imagino onde, pessoas se reúnem e resolvem juntar suas habilidades e dons profissionais. Então, dessa união,nasce umn site assim, Charmoso, requintado,texto gostoso de ler…Legal essa coisa de afinidade,não?
    Ainda farei parte de um grupo assim…Meu conhecimento é incompleto, mas estou na busca.O tempo todo.Quem sabe quando for gente grande,poderei ser como vocês,heim?…rs
    Parabéns pelo site! Ficou ex-ce-leeen-te!

    Um forte abraço,
    Luizi Vianna

  50. Olá Marcia,
    obrigado pelos elogios!
    Bom, sobre a sua duvida inicial, costumo sempre falar o seguinte:
    você quer construir casas, etc? então faça arquitetura
    se vc quiser trabalhar os espaços adequenado-os e ajustando-os às necessidades dos usuários, faça design.

    Sobre as outras questões:
    – não completamente. nos cursos de arquitetura são passadas algumas noções do que vem a ser Design, porém não forma um arquiteto designer. Isso não existe.
    – era pra nao ser assim, mas devido à dificuldade mercadologica vemos muitos arquitetos invadindo a área de interiores especialmente, mas também outras áreas do design… até moda.. acredite.
    – infelizmente a profissão Designer ainda não é regulamentada aqui no Brasil (bananolândia), mas as empresas já estão ajustando e igualando pois estão percebendo o valor que um profissional de design tem. Que estes profissionais não deixam nada a desejar de qualquer outro.
    – ainda não, como disse, estamos nessa luta ja ha muito tempo. Mas as coisas estão caminhando e parece que dessa vez a coisa sai.

    abs

  51. Olá, Paulo!
    Gostei bastante do seu site, parabéns!
    Por favor, gostaria de saber a opinião de alguém que já atua na área sobre uma dúvida que tenho.
    Em 2009 pretendo iniciar outra graduação (já tenho uma) e estou em dúvida entre duas opções: Arquitetura e Urbanismo X Design de Interiores.
    Espero que possas me dar uma ajuda sobre o seguinte:
    – A formação de arquiteto habilita também ao design?
    – O campo de trabalho desses dois profissionais é comum, ou há uma demanda específica para cada um?
    – Com relação a salário, há diferenças muito grandes em virtude da formação?
    – Há algum órgão específico que regulamente a profissão de designer?
    Muito obrigada.

  52. Olá Eliane,
    pelo que percebi você é de São Paulo não é mesmo?
    Não entendi sobre que tipo de profissional vc deseja, se da área de Interiores ou de Light.
    bom, em interiores aí em Sampa te indico a minha colega já de longa jornada, e tbm colunista deste blog, Adriana Diniz ( adrydiniz@hotmail.com ).
    Se for alguém específico em Light Design posso fazer essa parceiria com você uma vez que tenho clientes aí em São Paulo e vou bastante até aí.

  53. Ola Paulo! Vi seu site e gostei muito. Tb trabalho com iluminação aqui em São Paulo. Com gesso e iluminação. O que você precisar estamos ‘a sua disposição ok?
    Nos podemos vender as peças q vc especificar e instalar. Entre em contato!
    Ate mais,
    Atenciosamente, Simone Klein
    11-3071-2030

  54. Fazia tempo que não lia nada sobre regulamentação, fiquei super contente quando li sobre o caso no nordeste, que conseguiu “a força” a sua aceitação !
    Será que não podemos “aproveitar” o processo concluido para conseguirmos nossa aceitação também ?

  55. Prezado Paulo,

    Você deixou uma mensagem em minha caixa postal no ADFórum mas não deixou forma de contato. Vim ver seu blog, também não encontrei um e-mail. Se desejar uma resposta de minha parte, por favor me informe um e-mail.

    Grata
    Maria Alice Miller

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s