Tudo que você precisa saber sobre Design de Interiores e Ambientes

…e que não tinha a quem ou vergonha de perguntar. *

ATENÇÃO:  antes de postar um comentário, leia os comentários e respostas já postados. Perguntas já respondidas não serão mais respondidas pois isso toma muito de meu tempo além de demonstrar que você é preguiçoso e quer tudo mastigado. Portanto,

LEIA OS COMENTÁRIOS TAMBÉM!

O que é Design de Interiores?
Design de Interiores é uma evolução técnica e estética da Decoração. Com a necessidade urbana de espaços cada vez mais detalhados e personificados aliado aos avanços tecnológicos em equipamentos, materiais e uso destes espaços, o profissional de decoração foi ficando para trás por não ter competência, conhecimentos e nem habilidade técnica para projetar. Com esta nova realidade surge então o Design de Interiores, uma área bem mais ampla e vasta com vários segmentos onde o profissional aprende em seu curso conteúdos multidisciplinares de Design, Arquitetura, Engenharia, Artes entre outras áreas que formam o todo.
Com esta formação o profissional está apto a realizar alterações no layout, trabalhar gesso, iluminação, projetar móveis, trocar revestimentos enfim, tudo o que for necessário para que o seu projeto seja inovador, contemporâneo e correto dentro das Normas Técnicas.
Através de toda a sua carga de conhecimentos aliada às informações obtidas junto com o cliente através de entrevistas e briefing ele tem materiais em mãos para projetar estes espaços de forma ou a simplesmente fazer ajustes usuários/uso até mesmo propor alterações gerais dos espaços, incluindo propondo novas aberturas e/ou fechamentos.

O que é Design de Ambientes?
Design de Ambientes é uma nomenclatura mais ampla para Design de Interiores que, por ranço, melindre ou vício de outros profissionais de áreas correlatas, insistem em afirmar que o próprio nome do curso limita a área de atuação do profissional de Interiores às áreas internas da edificação. Isso entra numa tentativa mascarada de reserva de mercado pois os mesmos que pregam este tipo de coisa sabem perfeitamente que um cliente dificilmente contratará dois profissionais: um para a área interna e outro para a externa. Logo quem faz os dois tem mais chances.
Mas em sua formação acadêmica, o profissional de Design de Interiores absorve e aprende conteúdos que o habilitam tecnicamente para efetivar alterações no exterior também seja em fachadas, paisagismo, eventos, etc.

Quais as áreas de atuação do Designer de Interiores/Ambientes?
Design de Interiores:
Todos os ambientes internos residenciais, comerciais, industriais, estandes, etc
Design de Ambientes:
Paisagismo, fachadas, eventos externos, etc
Transportes:
Interiores de automóveis, aviões, embarcações, etc.
SET Design:
Cenografia teatral, estúdios de foto/TV/vídeo, etc
Moda:
Desfiles, vitrines, produção de catálogos e editoriais, etc.
Games:
Produção em conjunto com os desenvolvedores dos ambientes internos e externos para jogos.
Produto:
Móveis, acessórios, luminárias, etc
Educação:
Lecionar em faculdades e universidades, produção de textos, artigos, livros, palestras, cursos, seminários e outros pertinentes ao Design.
Existem ainda outras áreas em que o Designer de Interiores/Ambientes pode trabalhar. Basta você perceber os ninchos de mercado e entrar.
Qual a diferença entre “design” e “designer”?
Design é a profissão, designer é o profissional. Ou seja, você faz design e você é um designer.
Desconfie quando ouvir um “profissional” dizendo-se design e que trabalha com designer. Isto demonstra claramente o quão a sério ele levou o seu curso, se é que fez algum.

O que um Designer de Interiores/Ambientes precisa saber para atuar profissionalmente?
Dentro da formação acadêmica o Designer de Interiores/Ambientes cursa disciplinas como:
Ergonomia
Desenho de expressão e de observação
Desenho técnico arquitetônico
Leitura e análise de projetos arquitetônicos, estruturais e elétricos
Desenho e detalhamentos de objetos (moveis, acessórios, luminárias, etc)
Psicologia humana
Acessibilidade
Cor
História da arte, arquitetura e design
Semiótica
Paisagismo
Ética
Gestão e marketing
Materiais e revestimentos
Estética
Projeto luminotécnico, hidraulico e elétrico
Normas técnicas
Entre vários outros conteúdos pertinentes.
Todos estes conhecimentos são necessários para que o Designer possa vislumbrar todas as possibilidades projetuais e realiza-las de forma a atender e satisfazer plenamente o cliente.

Já no âmbito profissional, o designer tem de ter conhecimentos sobre o mercado de trabalho, sociedade na qual está inserido, parcerias e prospects entre outros.
Apesar de saber fazer corretamente a leitura das plantas estruturais, quando da necessidade da derrubada de alguma parede para melhorar o espaço o Designer deve recorrer à parceria junto a um engenheiro civil que ficará encarregado desta parte. Da mesma forma quando se fizer necessária alteração no projeto elétrico (engenheiro elétrico) e outras situações. Isto não tem absolutamente nada a ver com sombreamento profissional mas sim com parcerias provocadas pela própria multidisciplinaridade do Design de Interiores/Ambientes.

O que é design de produto? Onde ele está presente no trabalho do Designer de Interiores/Ambientes?
É o designer que trabalha com o desenvolvimento de produtos: embalagens, móveis, eletrodomésticos e qualquer coisa usável. Já o Designer de Interiores/Ambientes, em sua formação, aprende como se deve projetar corretamente os produtos mais utilizados em seus projetos e que são, normalmente, a maior carga de trabalho projetual: móveis.
Nem todos os móveis que vemos em revistas ou em lojas cabem, dentro dos espaços cada vez mais reduzidos portanto, o Designer tem de projetar peças e mais específicas que serão produzidas em marcenarias. Aqui também entram vários outros conhecimentos que um leigo nem faz idéia: ergonomia, materiais, resistência dos materiais entre outros. Há também casos de produção de acessórios, objetos decorativos e luminárias. Por isso é importantíssima a formação do profissional.

Como um designer cria um ambiente?
Primeiramente, é preciso que o cliente preencha um briefing – um documento explicando o que ele quer. O briefing contém informações pertinentes ao designer, como desejo principal do cliente, sonhos e vontades, cores que lhe são agradáveis, fluxograma (uso) diário dos espaços, composição familiar/empresarial entre vários outros elementos. Depois, ele junta todas as informações que ele puder sobre o cliente, traçando um perfil psicológico/social. Após isso, o designer faz um brainstorming ou um painél de semântica com tudo relacionado ao assunto: imagens de móveis, imagens de equipamentos e materiais, conceitos, etc. Em seguida, ele analisa todas as informações e começa a gerar rascunhos alternativos de layouts. Não há nenhuma regra para o número de alternativas. Alguns geram 3, outros geram 300. Esta é a etapa mais demorada do processo, pois o designer precisa levar em conta todas as informações que ele juntou e todo seu conhecimento. Quando o designer acredita que já gerou soluções o suficiente, começa o processo de eliminação no qual ele descarta as alternativas até reduzir até no mínimo 3 alternativas. Com isto feito, ele aperfeiçoa os esboços (em um software, ou no papel mesmo) já com as cores que ele definiu no processo de rascunho. Em seguida, o designer apresenta alternativas ao cliente (muitos preferem apresentar apenas uma alternativa). Caso o cliente desaprove, abre-se uma discussão entre os dois lados para verificação de ajustes no projeto, onde estão os objetos indesejáveis (pontos de rejeição), pontos de acertos, possíveis soluções, etc. Isto implica voltar à mesa de desenho e re-projetar algumas ou muitas coisas. O processo se repete até o cliente finalmente aprovar o trabalho. Depois ainda é aconselhável criar um manual de uso para o cliente saber como lidar com equipamentos e materiais (lâmpadas, limpeza, etc).

Quanto um designer ganha?
Ah, a pergunta que vale ouro.
O correto seria o cliente perguntar: quanto um advogado, um médico, um arquiteto ganha? E depois de tomar consciência disso, perceber que o profissional de Design investiu tanto quanto qualquer outro profissional em sua formação e carreira.
Depende muito. E esse “depende” inclui vários fatores: onde ele trabalha, em que cidade ele trabalha, como é o cenário do design na cidade dele, quão bom ele é, se é estágiário ou já é formado, etc.

O que é melhor: ter um emprego fixo ou trabalhar como profissional autônomo?
Muito designer decide ser freelancer (profissional autônomo) para ganhar mais. Alguns destes ganham mais, outros não. O bom de ser freelancer é que você não gasta dinheiro com impostos (na teoria), você define seu próprio salário, não precisa responder a ninguém exceto ao cliente, têm horários flexíveis, etc. Em contra-partida, o freelancer não têm carteira assinada e não pode se aposentar, não têm renda comprovada e pode passar por um período de “seca”: aquele mês onde você não consegue nenhum cliente novo e suas contas a serem pagas começam a atrasar. Então depende muito de como você quer trabalhar. Freelancing funciona para alguns, não funciona para outros. O jeito, é testar ambos e ver qual que lhe cai melhor.

Vale a pena fazer faculdade de design?
Sim. Claro, existe algumas faculdades ruins por aí. O jeito é conhecer alunos destas faculdades e perguntar como são as aulas, como são os professores e como é a infra-estrutura. Existe algumas coisas que você simplesmente não aprende em livros ou em posts de blogs sobre design na net. Experiências reais de professores que atuam no mercado é uma destas coisas: é sempre bom saber como que o profissional vai lidar com determinado problema na vida real. Sem dúvida, existe muita coisa que você não vai poder aplicar na vida real devido a velocidade em que corre o mercado do design. Mas é sempre bom saber, pois se você acabar encontrando-se preso em algum lugar saberá como se safar usando uma técnica que requer mais tempo porém fará com que o trabalho seja feito. Pessoalmente, sou 100% a favor do ensino de design em faculdades. Afinal de contas, você pode facilmente aprender a construir casas através de apostilas na internet e livros: mas isso faz de você um engenheiro civil? Você contrataria uma pessoa que nunca fez uma faculdade de engenharia civil para construir a sua casa? Pense nisto.

Existe faculdade de Design de Interiores/Ambientes?
Sim, existem várias hoje em dia no Brasil.
Aqui em meu blog postei uma breve relação de algumas que fui encontrando pela web em minhas pesquisas. Não conheço todas elas porém vale ressaltar que quem faz o curso e o futuro profissional é o próprio acadêmico quando leva a sério a sua formação.

Onde posso arranjar trabalho na minha cidade?
Primeiramente, crie um portfólio: seja online ou seja impresso. Se você nunca fez nenhum serviço real, inclua trabalhos acadêmicos. Inclua sempre apenas aquilo que você gostou do que fez, esqueça os seus trabalhos “medianos” e “ruins”. Depois utilize o Google para procurar por termos como escritório de design, loja de móveis, decoração, escritório de arquitetura e outros. Em seguida, é só enviar o endereço do seu portfólio online ou enviar o seu portfólio (e currículo) via correio (ou deixar lá pessoalmente) e esperar. Se você tiver bons trabalhos e se mostrar competente, quem sabe o dono não te chame.

Onde que posso encontrar modelos de contrato e briefing?
Este é um ponto bastante confuso pois cada região do país funciona de um jeito.
Pode parecer que não mas as características regionais influenciam na formatação dos documentos.
O ideal é você tentar conseguir modelos com outros profissionais e ir adequando-os às tuas necessidades profissionais. É aquele joguinho de quebra cabeças: uma pecinha daqui, outra dali, mais outra de acolá e assim por diante e, quando você menos esperar, terá os seus documentos prontos.

É interessante participar de concursos?
Não, e vou explicar por quê*: de acordo com o capítulo III, Artigo 12º do Código de Ética Profissional do Designer Gráfico da Associação dos Designers Gráficos (ADG): “O Designer Gráfico não deve, sozinho ou em concorrência, participar de projetos especulativos, pelo qual só receberá o pagamento se o projeto vier a ser aprovado”. Pense neste exemplo: você é engenheiro civil e um cliente entra em contato com você e pede para que você construa uma casa para ele. Ele não diz onde, nem quantos quartos, nem nada. Só diz “Construa!”. Mas você não é o único: outros cinco engenheiros foram contactados e estão fazendo o mesmo. No final, o cliente vai escolher uma das casas e pagar por apenas esta. Você, que gastou dinheiro com mão de obra e materiais vai ficar no prejuízo. Mas e se você fosse muito muito muito bom e fizesse a melhor casa de todas, você ainda corre o risco de não ganhar e sabe por quê? Porque o cliente nunca falou quantos quartos queria, se queria uma casa grande, pequena, com piscina ou sem, etc. Não houve o “briefing”, então por melhor que tenha sido talvez não caiba nas necessidades do cliente. Os “concursos” são predatórios e trazem prejuízos ao mundo gráfico, então deveremos resistir e não participar!
* Na ausência de normas específicas em Interiores/Ambientes resolvi manter o texto original. Porém ressalto que não sou contra os concursos de Design Universitário pois acho estes uma grande oportunidade para quem está ingressando na área e força a pesquisa no meio acadêmico de forma positiva.

Quais os softwares que o designer de interiores/ambientes precisa dominar?
Primeiramente é preciso deixar bem claro que nada substitui o bom e velho desenho à mão.
Mas, em meio aos vários softwares disponíveis, os melhores e mais comumente usados são:
AutoCAD (2D e 3D)
3DMax
Virtual Designer
DIALux
Estes são os básicos mas existem vários outros. O uso vai depender da adaptabilidade do profissional à interface.

Tenho outras perguntas a fazer. Onde que pergunto?
Deixe sua pergunta nos comentários abaixo e visite o blog regularmente para conferir a resposta. Se for uma pergunta boa, eu adicionarei-a ao post.
* Eita ferro… peguei esta idéia de algum blog que visitei, copiei o texto e fui fazendo as alterações. Porém fui apagando e reescrevendo e acabei ficando sem a fonte rsrsrsrsrs coisas de quem tem virado as noites trabalhando… Se o autor do original ver isso aqui, por favor poste nos comentários pois nem dentro de meu reader consegui localizar.

About these ads

Sobre LD Paulo Oliveira

Designer de Interiores Light Designer Professor Questionador Analítico Crítico.

835 thoughts on “Tudo que você precisa saber sobre Design de Interiores e Ambientes

  1. Olá!Comecarei em agosto o curso de design,na Ulbra -RS.Foi esclarecedor ler os comentários,do que será minha nova profissão.Estarei sempre por aqui.

      • Lenita,
        Se é a única opção possivel, faça. Mas tenha em mente que suas atribuições e conhecimentos serão bem menores o que exigirá de você a participação em cursos complementares ok?
        abs e sucesso.

      • Olá. Fazem mais ou menos uns 8 meses,que leio tudo que é possível sobre este curso, como no momento estou sem grana par pagar uma faculdade, vou fazer um curso tecnico. Moro em Poa-RS, e a escola se chama escola tecnica ernesto dornelles, qual a sua opinião em relação a esta escola??? Acha válido um curso tecnico apenas para iniciar a carreira???

        Achei ótima a sua pagina, e muito bem explicada. Estarei ligada sempre.

    • oi Paulo,gostei muito do blog sempre quis saber sobre dising de interiores…me ajudou muito obrigado,eu tenho 15 anos e quero ser arquiteta,e tô estudando para entrar em uma escola técnica e quero fazer dising de interiores….sempre vou dar uma passadinha aqui ..vlw

      • Olá Lari,
        você quer ser arquiteta ou designer de interiores/Ambientes?
        Não queira ser as duas coisas, quem tenta abraçar o mundo acaba de braços vazios….
        ;-)

  2. Olá Oribe,
    bom, só posso desejar a você boa sorte em teu curso e que você aproveite-o ao máximo!
    Obrigado pela participação!!!

    Saudações!!!

      • Olá sou designer de interiores e posso lhe afirmar que uma deficiencia em calculos não irá defasar o desenvolvimento de projetos. Calcular áreas é extremamente fácil inclusive por 2 motivos: 1o. os ambientes em geral são quadrados, basta multiplicar e 2o. pq existem softwares que calculam automaticamente sem vc precisar perder tempo, pois, em um escritório tempo é sagrado!!!

        Para fazer arquitetura seria mais complicado pois é necessário fazer materias de cálculo estrutural!

        espero ter ajudado!

      • Não tenho certeza,mas acredito que sim.Pois você está trabalhando com um interior, e é necessário que você tenha pelos o menos o básico do que é preciso e necessário para a resolução,de qualquer coisa que o seu trabalho englobe.

        Exemplo pra você saber,qual é a medida total de uma sala,você precisa fazer contas de multiplicação,(que o mais usado nesse caso).

        Os dois itens mais importantes para a medida de uma interior:altura e comprimento,que se transformaram em metragem.

        Mas Design de Interiores,não é só Matemática engloba:Artes,desenhos arquitetônicos,engenharia,história da arte,paisagismo,decoração,urbanismo,estética,materiais,revestimentos,cor,
        ergonomia,psicologia humana e entre outras coisas.Bom espero,que eu tenha esclarecido as suas dúvidas,mas não tenho total certeza do que eu escrevi,afinal eu ainda ainda eu não sou uma designer de interiores.

        Dica:Acho que esse curso combina muito com pessoas,que amam a arte gostam de desenhar,gostam de decoração,arquitetura.engenharia,projetos arquitetônicos e entre outros.

        Faculdades,que oferecem esse curso, e que são bem vistas

        Anhembi Morumbi
        Senac
        Belas Artes
        Paranamericana
        Anhenguera…nem tanto,mas não é uma faculdade ruim

        Procure saber mais e mais,sobre a profissão que quer seguir no futuro!

        Lóren Jade

      • Alessandra,
        SENAC é sinônimo de qualidade, porém é um curso técnico.
        Se puder optar por um de nível superior é melhor.
        abs e sucesso.

      • Mais não é melhor ter augo em mente antes de fazer a graduação? sei varias coisas como a historia, usar programas e fazer perspectiva a mão,que é o básico do básico mais tudo isso eu aprendi sozinha e pela a internet Estava pensando em fazer um curso técnico no Senac pra ter uma ideia pq as pessoas me falam que c eu for fazer a graduação sem ter idéia eu não vo conseguir!!

  3. Olá Rose,
    contratos são coisas bastante pessoais e que também devem levar em consideração as características de cada obra.
    Realmente é bastante complicado encontrar modelos de contratos disponíveis pela web e, sinceramente não entendo o porque disso.
    Antes de cooperar com os colegas, o pessoal prefere trancafiá-los à sete chaves como se fossem de ouro ou pedras preciosas ou ainda, como se fosse lhes causar algum problema alguém usar um contrato nos mesmos termos.
    Tudo bem que quem tem modelos (assim como eu) teve um árduo trabalho de pesquisa e junto à juristas para acertos até chegar ao modelo final, mas não julgo ser isso motivo para tamanho egoísmo.
    Mande um e-mail pra mim (ldda.paulooliveira@sercomtel.com.br) que te envio um modelo base do meu para interiores.
    Saudações!!!

  4. Parabéns, pelas informações importantes expostas aqui, pretendo começar meu curso na ulbra-de canoas-rs, no próxomo ano, ai fiquei pesquisando muito sobre o curso, de interiores, adorei suas iunformações ,são acesiveis, e de facil entendimendo! Abração obrigado pelas informações, cada vez estou mais certo ,que fiz uma boa escolha profissional, já sou formado em Pedagogia, mais sempre gostei muito de desenhar e criar!Poe isto acredito que tenho forte potencial, para me transformar em um designer de interiores! Valeu!!!!!!!!!!!

  5. É isso aí Eduardo!!!
    Fico feliz que tenha esclarecido algumas coisas a mais para você!
    Bom curso e, precisando, entre em contato.
    Abs

    • paulo deixa eu fazer uma pergunda bom eu quero muito fazer ése curso mais agent ver mais mulheres esercendo é sa profisao
      sera que pra nois homens tambm para o mercado de trabalho????

      • Ola,me chamo Junior ,tenho 20 anos e a muito tempo tenho vontade de fazer essa faculdade porem não sou bom em desenhos ,ate gosto de desenhar porem não sei desenhar,você acha que obrigatoriamente eu deveria fazer um curso para aprender desenhar antes da faculdade ou eles ensinam na faculdade e já saber só ajudaria ?
        OBS:eu já passei no vestibular para esse curso e comeco no proximo semestre entao so queria tirar esta duvida antes !
        agradeço desde já

  6. Olá Édipo
    Bom, se você já tem um curso superior as coisas ficam mais fáceis dependendo da área de seu curso pois poderá eliminar algumas disciplinas do curso.

    No entanto, tendo ou não um curso superior, é imprescindível que você faça um curso superior em Design de Interiores/Ambientes, pois só através deste você estará munido dos conhecimentos, competências e habilidades necessários para o exercício profissional.

    Já que você VAI começar o curso, e isso pressupõe prestar vestibular ainda, indico a você buscar cursos livres de desenho de observação, perspectiva, etc para que, durante o curso você possa cursar estas disciplinas de forma mais tranquila e com isso, ter mais tempo para as outras disciplinas mais técnicas e teóricas.

  7. Obrigado pela dica,mas tenho outra pergunta a fazer; Moro em Ferraz de Vasconcelos zona leste da capital de SP,qual o melhor lugar e mais próximo de minha casa que eu poderia fazer este curso? E se esse é um curso ou ja uma facudade?….

    Obrigado pela atençâo

  8. eu tenho 16 anos e estou terminando o segundo grau,moro em Belo Horizonte MG…eu opitei ser uma designer de ambientes, mas antes quero conhecer “melhor” (pessoalmente) a profição.Entao eu quero saber como e onde posso realizar esse deseijo?

  9. Gente!!! que site é esse, estava procurando assuntos sobre Design de Interiores e de repente cai aqui, Puxa Valeu!!!….
    Tudo o q. sempre quis, Parabéns, nunca mais vou saiu daqui.
    Sou Designer de Interiores e vi q. também tem outra Rose q. precisou de um Modelo de Contrato, olha faz tempo q. também estou com esse problema e não consigo resolver, outra coisa é como faço um Questionário para q. Eu possa conhecer melhor meus Clientes.
    Grata,
    Rosemeire S.Braga

  10. Oi Paulo, Bom Dia!!!!
    Adorei o Blog, com certeza o melhor que já visitei. Tenho algumas perguntinhas. Por que tem faculdades com quatro anos e outras com dois ou três? Tem muita diferança de aprendizado? Outra coisa um um curso básico de desenho me ajuda a ter melhor desempenho ou não é necessário? Como procurar por este curso, qual nome? Mais uma vez Parabéns pelo Blog e fico grata pela atenção!!!

  11. Lorraine,

    obrigado por sua participação em meu blog!!!
    Bom, com relação à sua pergunta, creio que seja legal você fazer uma visita à UEMG para buscar conhecer melhor o curso. Junto à coordenação, solicite uma lista de alguns profissionais já formados por eles que você possa entrar em contato e marcar uma visita para um bate papo. Apresente-se, explique o que você deseja e certamente eles irão arrumar um espacinho em suas agendas para você ok?
    Abs.

  12. Rosemeire,
    obrigado pelos elogios!!! Isso nos dá forças para continuar com este trabalho.
    Bom, sobre modelo de contrato mande-me um email para o endereço ldda.paulooliveira@sercomtel.com.br que envio o modelo basico que uso.
    Já com relação ao “questionário”, que na realidade chama-se briefing, fica complicado pois não há um modelo padrão para isso e depende muito da região também.
    O ideal é você tentar lembrar-se da época de faculdade de todas as questões que lhe apareciam em mente na hora da concepção dos trabalhos e ir tabulando isso, formatando assim, o seu briefing.
    Uma outra coisa, cada caso é um caso, cada cliente é único logo, um briefing padrão pode ser exagerado para alguns e falho para outros.
    Resta a você na hora da entrevista estar super atenta a tudo o que o cliente lhe diz, e o que ele não diz, você não ter vergonha de perguntar. Faz parte do trabalho.
    Bom, espero te-la ajudado de alguma forma.
    abs.

  13. Olá Paula,
    obrigado pela força!!!
    Bom, vamos por partes.
    Realmente existem algumas modalidades de formação Superior. Mas todas tem o seu valor tanto no curriculo quanto no mercado. Todas são reconhecidas!
    Sequenciais – 2 anos
    Tecnológicos – 3 anos
    Graduação / bacharelado – 4 anos

    Se bem que TODOS são graduação de nível superior.

    O aprendizado difere-se nas matrizes curriculares que são mais amplas nos de bacharelado e um pouco mais restrita nos outros.
    Por vezes a diferença fica apenas nas cargas horárias das disciplinas.
    Porém, como em tudo que diz respeito a conhecimento, vai do interesse do aluno a sua formação. De nada adiantará um aluno folgado e festeiro entrar num bacharelado enquanto um aluno sério poderá ter excelentes resultados num sequencial…

    Sobre o curso de desenho, se você puder entrar numa faculdade já dominando isso será excelente pois você poderá direcionar o tempo que gastaria aprendendo a desenhar para outras áreas.
    Desenho de observação
    Perspectiva à mão livre e com equipamentos
    Cor
    entre outros.

    Saudações!!!

  14. Olá!
    Meu nome é Andrea, tenho 32 anos….tenho um grande desejo de fazer um curso de Design de Interiores…adoro…e lendo seu blog, estou mais encantada…mas moro em uma cidade pobre, dormitório (Carapicuiba) por isso, gostaria de pedir a sua ajuda me indicando o melhor local para fazer este curso e mais próximo.
    Gostaria de saber o que eu preciso saber para uma iniciante de primeira viajem e se estou começando tarde, na sua opinião?

    abraço..aguardo ansiosa

  15. Parabéns pelo blog! Sou formada na área de processamento de dados, mas gostaria de mudar de profissão. Como seria radical essa mudança, preciso estar decidida sobre essa nova escolha. Não sei desenhar nada, qual seria o pré-requisito necessário para me tornar uma designer, já que não possuo essa habilidade, seria possível? Tem algum livro ou material para me orientar se me adéquo dentro dessa profissão?

  16. Karla,
    o desenho é fundamental tanto o feito a mao quanto o informatizado.
    Porém é comum termos de esboçar algumas coisas à mão livre na frente dos clientes. Então, faz-se sim necessario.
    Seria interessante você buscar um curso em algum ateliê de desenho a mao livre, perspectiva… isso ja vai te ajudar bastante no curso.
    abs

  17. Gostei mto do seu blog esclareceu mtas coisas q eu ainda não sabia.Vou começar o curso de desing, já trabalho na área de decoração com móveis, só que tá faltando me aperfeiçoar…
    Parabéns pelo seu trabalho!!!
    Um abraço!!

  18. Valeu Ludmila!!!
    Obrigado pelos elogios e fico feliz que meu trabalho tenha te ajudado de alguma forma.
    Desejo um excelente curso pra você!!!
    Abraços!

  19. boa tarde, na verdade quero deixar aqui uma duvida que ha algum tempo me incomoda no que diz respeito a ergonomia de automoveis, e o pouco estudo realizado em cima do assunto. Tenho um automovel Celta, e tenho certeza absoluta que trata-se de um péssimo projeto de ergonomia, e, gostaria de saber se existe algum site ou alguma publicação na qual eu pudesse pelo menos de alguma forma avaliar o quanto isso pode afetar em minha postura e o que isso pode me causar a longo prazo. E é bem isso que vc coloca no assunto ergonomia, um país pouco amadurecido nesse ponto e aceita qualquer “bosta” que colocam no mercado, e eu caí nessa sem saber…, e acabei pagando pela falta de informaçao a respeito.

  20. Gostaria de saber pq há tanto preconceito em relação ao designer, as pessoas preferem contratar arquitetos do que designer para fazer um projeto de interiores mesmo aqueles que não tenham nenhum conhecimento de arquitetura de interiores.

  21. Olá Nidia,
    eu nao vejo bem como preconceito mas sim desinformação e desconhecimento por parte dos clientes sobre a profissão de Design de Interiores/Ambientes.
    É fato de que até mesmo a mídia ajuda nisso ao sempre usar dos arquitetos para falar sobre projetos de interiores.
    Cabe a nós, profissionais, batalharmos por ganhar espaço e sermos respeitados já que a associação que diz nos representar trabalha visivelmente a favor dos arquitetos em detrimento dos verdadeiros Designers.
    No grupo DesignBR do Ning – http://designbr.ning.com – tratamos disso dias atrás e chegamos à conclusão de que a melhor ação é lançarmos notas de repúdio a qualquer veículo de mídia que desprezar os Designers em suas reportagens. POde ser um texto simples, mas que marque bem o porquê do repúdio.
    Isso vale tanto para a mídia local quanto a nacional.
    Ja enviei várias e também destaco a incompetência da associação no texto.
    Vamos em frente!!!
    Se não lutarmos por nós mesmos ninguém o fará por nós.

  22. Olá, ainda tenho uma duvida! Sou péssima em matemática e a odeio também, na faculdade de desing de interiores tem muitos calculos? Gastaria que você me envia-se para mim no meu e-mail a resposta. Obrigada parabéns pelo blog!

  23. Olá Gabriela,
    bom, calculos existem sim mas não é um bixo de 7 cabeças não, pode ficar tranquila.
    basicamente temos algumas operações de adição mas a maioria dos calculos que usamos dizem respeito à área, volumetria, etc, nada excessivamente pesado não.
    também trabalhamos com os cálculos luminotécnicos, isolamwntos acústico e térmico, mas pra tudo tem fórmulas fáceis de serem usadas.
    Pode ficar tranquila ok?
    Abs

  24. Gostei de ter lido as informações contidas aqui pois pretendo fazer o curso de design e é sempre bom acrescentar.Enquanto não faço, valeu a dica, vou treinar desenho.

  25. Ola tudo bem queria uma resposta de vcs….

    Acabei de terminar o ensino médio e quero ser um DESIGN DE INTERIORES por onde devo começar??????

    lembrando que vou começar do zero…….

  26. Oie! Excelente post! Gostaria mmmttt de obter informações sobre livros (revistas tbm) de autores brasileiros relacionados ao assunto, de preferência ilustrados, pois quero presentear um amigo australiano que é designer e cursa Arquitetura…mas não tenho mt noção a respeito, até porque pertenço à área jurídica. Agradeço desde já!!! Aguardo resposta!!!

  27. Olá Belise,
    bom eu sempre busco livros nas editoras 2AB e Senac.
    Infelizmente, na área de interiores ainda temos muito pouco material nacional, mas de arquitetura tem bastante coisa.

    http://www.2ab.com.br/

    já nas revistas só assino das nacionais as sobre light design.
    mas já que você quer algo ilustrado, busque os anuários de arquitetura e de decoração.

    abs

  28. Primeiramente parabéns pelo blog.
    Sou do Rio de Janeiro e estou me formando no final desse ano. Gostaria de saber onde posso encontrar um código de ética profissional para Designer de interores que fosse completo, sei que existem vário sites de instituições que possuem código de ética e existem diferenças entre cada um deles.

    Grato, Fábio Tenorio.

  29. Fabio,
    meu advogado certa vez me disse: código de ética ninguém segue à risca.
    realmente não tem como seguir mesmo pois os que temos à disposição são furados, fracos e erram demais.
    Fiz certa vez uma analise daqueles que encontrei voltados à nossa área e, para minha não surpresa, eram todos muito parecidos e, nenhum deles versava sobre as RTs por exemplo, e como elas deveriam ser trabalhadas designer x cliente e, muito menos, designer x parceiros x designers… enfim, eles não citam ou não querem impor regras e normas às RTs que é o que ultimamente vem destruindo o mercado, prostituindo mesmo.
    Vou ver se encontro em algum backup aqui os estudos que fiz e dar uma mexida pra postar aqui no blog.
    abs

  30. Olá Paulo.
    Sou estudante de direito, tenho 45 anos, mas estou interessada em fazer design de interiores. Sempre gostei de decoração, de tudo que se relaciona à isso. Apesar de não ser muito boa em desenhar, mas acho que tenho potencial e quero despertar isso em mim.Suas explicações sobre o tema foram muito interessantes e de muito ajuda. Estou pesquisando as faculdades que ministram esse curso. Moro em São Bernardo do Campo.Bom, acho que é tempo ainda de começar.
    Um abraço.

  31. Lenise, nunca é tarde para começar algo novo, dar uma guinada na vida.
    Se você gosta realmente de uma coisa, lute por ela. Creio que você irá se dar bem sim nesta área.
    Precisando de algo é so chamar aqui ok?
    abs e boa sorte no curso!!

    abs

  32. Olá! Estou em busca de uma ajuda para me decidir. Sou formada em Marketing, e amo design de interiores. Decidi fazer o curso, e aqui no Rio de Janeiro existem muitas opções. E uma delas, é o curso técnico oferecido pelo SENAC, com a mesma duração da graduação politécnica. A “natureza” do meu diploma interfere na minha formação e nas oportunidades na área?
    O curso técnico é bem mais em conta, e a escola SENAC bastante conhecida. E aí, técnico ou graduação plitécnica?
    Obrigada

  33. Olá Ana,
    Bom, as diferenças dos diplomas interferem bastante se você for fazer pós.
    No caso de sequenciais e tecnológicos, você poderá fazer especializações apenas.
    Já com a graduação, poderá optar por especialização, mestrado e doutorado. Aí vai depender do que você quer.
    Eu não conheço o curso oferecido pelo SENAC aí, mas se ele for de nivel superior, vale a pena sim.
    Aqui em meu blog tem um post com uma lista de escolas que oferecem cursos no Brasil, dê uma olhadinha lá ok?

  34. Paulo, parabéns. Você esclarece pontos fundamentais que muitas vezes nem professores conseguem ou se interessam em fazê-lo para seus alunos. Sou formada em Decoração (Design de Ambientes) pela UEMG e amo minha profissão. Com certeza, o sucesso profissional em grande parte depende do esforço dele próprio e não propriamente do curso ou da faculdade. Na nossa área o bom profissional é também um bom pesquisador e exímio observador. Não li todas as perguntas que lhe foram feitas, portanto se estiver repetindo, pode desconsiderar. O que acha das associações? Vale a pena se associar a Amide, Abd, etc? Abraços e mais uma vez, parabéns.

  35. Olá Marcia,
    obrigado pelos elogios e fico feliz que você tenha gostado deste nosso espaço aqui. Use e abuse!!
    Bom, sobre as associações, não sou contrário não como muitos pensam tanto que sou associado a algumas delas. Desconheço o trabalho da Amide então não posso opinar sobre ok?
    Porém o que não posso concordar é com a forma corporativista, umbiguista e protecionista como é o caso da ABD.
    Esta associação não está nem um pouco preocupada com os Designers de Interiores mas sim, visa somente proteger os arquitetos que trabalham com Decoração de Interiores.
    Já fiz alguns posts sobre a ABD aqui no blog e também no Orkut.
    Aqui no Blog:
    E o tal CONAD???

    http://paulooliveira.wordpress.com/wp-admin/post.php?action=edit&post=306

    Putz….

    http://paulooliveira.wordpress.com/wp-admin/post.php?action=edit&post=302

    ABD – Já deu o que tinha que dar. Basta!

    http://paulooliveira.wordpress.com/wp-admin/post.php?action=edit&post=305

    O paradoxo das RT’s.

    http://paulooliveira.wordpress.com/wp-admin/post.php?action=edit&post=121

    E rasga-se o véu da falsidade e imoralidade: ABD

    http://paulooliveira.wordpress.com/wp-admin/post.php?action=edit&post=120

    ABD e Ilegalidade

    http://paulooliveira.wordpress.com/2007/04/19/abd-e-ilegalidade/

    Porque não me filio à ABD.

    http://paulooliveira.wordpress.com/2007/04/11/por-que-nao-me-afilio-a-abd/

    Em resumo, enquanto esta associação não aprender a distinguir um limão de um morando, ela não tem como ser levada a sério, não te credibilidade alguma.
    Abs

  36. Paulo, gostaria de postar algo sobre a Regulamentação da Profissão. Em 2006 eu busquei no site da Câmara dos Deputados a situação do projeto de lei que regulamenta a profissão PL 5712 / 2001.
    Eu não vou citar os nomes do deputados mas segue os trechos de alguns emails que recebi em resposta:

    “Incumbiu-me o Deputado…de responder sua mensagem, informando-lhe que o reconhecimento de profissões, apesar de estarem sob análise da Comissão do Trabalho na Câmara, e praticamente todos os PLs nesse sentido tem tido aprovação, a questão encontra polêmica maior no âmbito do executivo, principalmente no Ministério do Trabalho. Neste caso específico o PL está na comissão de constituição e justiça. Sugiro que você encaminhe email para todos os membros desta comissão como forma de pressioná-los a favor do projeto.”

    “Acuso recebimento da sua mensagem e informo que o projeto em questão está tramitando na Comissão de Constituição e Justiça e Cidadania da Câmara dos Deputados, tendo como relator designado, o deputado Paulo Afonso (PMDB-SC).”

    “O Projeto está na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJC), em que foi designado como relator o dep Paulo Afonso (PMDB-SC).
    Informo que ficarei atento ao projeto e à reinvindicação.”

    “Cara Marcia: O PL 5712 está na Comissão de Justiça e Redação esperando o parecer do relator. Sugiro que você entre em contato com o relator, o deputado Paulo Afonso do PMDB de Santa Catarina, pedindo que ele apresse o seu relatório.”

    “Prezada Senhora,
    Segue a informação solicitada, bem como a sugestão para que a categoria entre em contato direto com o relator designado pela CCJC, Dep. Paulo Afonso, a fim de que seja exarado o necessário parecer para que o projeto siga em sua tramitação normal.”
    “Recebi sua mensagem relatando as graves dificuldades para a prática legal da profissão de decoração de interiores e paisagismo. Se o registro profissional é negado pelos CREAs, a única alternativa é lutar pela aprovação de um projeto que regulamente a profissão e crie um Conselho próprio. Coloco-me à disposição para orientar no que for necessário.”

    Enfim, a nossa categoria teria que se unir mais e reivindicar em peso no lugar onde o problema poderá ser solucionado… Deveríamos encher a caixa de correio dos deputados da CCJC que se encontram listados no site da Câmara dos Deputados. É uma forma de sermos ouvidos. Na época eu encaminhei todos os dados e respostas recebidas para meus contatos de email que são da nossa área e acredite, só três pessoas (designers de interiores) me responderam. É isso. Desanimei! Acho que há um ano não acesso o site da Câmara para acompanhar os trâmites. Eu cheguei a ir até Brasília em 2005 junto com a Amide (MG) para acompanhar a votação que infelizmente foi negativa para nós. Abraços.

  37. Oi Márcia,
    segue abaixo a mesma resposta que te enviei por email:

    Bom,
    sobre o PL 5712, este PL é fraco, inconsistente, incoerente, falho, etc etc etc…
    ele não vai alterar em nada o mercado, vai continuar a mesma coisa.
    Por isso, tentamos entrar junto no projeto formulado pelo grupo do pessoal da ESDI e outros Designers respeitados no mercado, na formulação de um projeto de regulamentação do Design geral, onde constaria as atribuições por área: gráfico, produto, interiores, web, etc.
    Porém, quando questionamos sobre quem participaria das reuniões em algumas comunidades do Orkut, eles colocaram que seriam as atuais associações.
    Brigamos muito para que a ABD não fosse chamada e que, se fosse, que ao menos chamassem também profissionais autônomos e independentes (nau filiados). Expusemos todos os porquês disso mas eles preferiram não nos dar ouvidos.
    A ABD mandou um representante que ficou sentado num canto da sala, não opinou sobre absolutamente nada, ficou com cara e pose de entojado e enojado e, quando foi questionado respondeu que a ABD tem um projeto próprio de regulamentação e que não precisa daquilo.
    Moral, no projeto de regulamentação do Design não consta a área de Interiores graças à essa porcaria de associaçãozinha.
    O projeto que a ABD diz trabalhar é uma copia do 5712 com algumas alterações quase que imperceptíveis. Vai continuar a bagunça no mercado, todo mundo vai ser Designer de Interiores, eles vão continuar a não saber diferenciar alho de leite e assim caminharemos.
    Porém, a ABD está tentando impor-se como entidade oficial de representação para que, caso aprovado este projeto, ela acabe virando o Conselho Federal… aí, danou-se.
    O que temos de fazer é lutar contra isso, mostrar aos parlamentares os absurdos e abusos da ABD e queima-la o quanto antes para que não corramos este risco.
    Temos de abrir os olhos para as tramitações de projetos no Congresso, pois a ABD não divulga qual é o PL deles. Eu sempre que me sobra um tempinho dou uma vasculhada lá nos sites do Congresso atrás dele.]
    Temos também de ficar de olho para que, assim que seja convocada qualquer reunião nas Comissões previas, que os designers independentes sejam também convocados para que os parlamentares possam ver os dois lados da moeda. E percebam também a forma corporativista com que os arquitetos que trabalham com interiores estão agindo dentro da ABD, onde só arquiteto tem valor e pode tudo. O resto é resto.

    Vou segurar teu comentário um pouco mais pois vou fazer um novo apanhado sobre os projetos de regulamentação no Congresso para postar.

    Abs

    Paulo Oliveira.

  38. olá, moro em São Paulo – Osasco, gostaria de saber qual faculdade de design mais proxima da minha residência (zona Oeste), adorei os seus comentários,parabéns.

  39. Olá! Ando com uma duvida cruel , rss. Queria sua opinião .. Passei na faculdade ( Uninove) para o curso de arquitetura e Urbanismo , pois é isso que fazem meus olhos brilhar .. Mas o probleminha é o seguinte.. O investimento seria de 5 anos .. O curso tem essa duração .. claro que existe a formação executiva e ai eu me formo após 3 anos em Design, assim não precisaria esperar os 5 anos para poder trabalhar com isso . só que eu conheci uma designer , alias muito bem sucedida , que fez o curso de Design no Senac , dae comecei a pensar .. Será que seria mais facil fazer o curso do Senac e então eu teria uma formação tecnica para começar a trabalhar e assim ajudar no pagamento do curso de Arquitetura ? o curso do Senac é bom ? Sera que vc pode me dar uma Luz ?!! haha . Eu tenho meio receio de ter de investir e só gastar dinheiro durante os 5 anos pra só depois começar a ver algum $ sabe ? Muito Obrigada ! Abraço

  40. Olá Adriana,
    bom, primeiro preciso destacar que desconheço e não entendi essa jogada da Uninove sobre a formação executiva e formação tradicional.
    Isso ocorre dentro do mesmo curso?
    Se ficar 3 anos sai Designer (de quê?) e se fizer 5 sai Arquiteto?
    Tem algo seriamente errado aí se as coisas forem desta maneira que entendi pois, sobrariam 2 anos apenas pra formar o arquiteto em sua plenitude (todos os cálculos e outras disciplinas técnicas que envolvem arquitetura especialmente).
    Bom, repito a você o que ja disse a muita gente:
    Você quer construir casas, lojas, etc?
    Se quer, faça arquitetura.
    Se você quer (re)trabalhar e intervir nos espaços já construídos ou recém construídos, opte por Design então. Caso, em determinado projeto se faça necessária alguma intervenção estrutural ou acréscimo de áreas construídas, aí vc deverá lançar mão de suas parcerias profissionais com engenheiros civis e arquitetos que realizarão apenas esta parte.
    Opte por cursos de nível Superior, é sempre melhor pois são mais complexos e o diploma tem mais valor (reconhecimento) no mercado.
    Os cursos do SENAC normalmente são excelentes, mas pelo que vi ha um tempo atras, eles eliminaram o de nivel superior e estão mantendo apenas o técnico e a especialização. Salvo engano meu se eles retornaram com o curso.
    Boa sorte e espero ter te ajudado de alguma forma ok?
    Precisando de mais informações é só perguntar.
    Abs

  41. ola. tudo bem . moro em sidrolandia MS. e tenho uma industria de estofados. e trabalho com muitas coisa de decoraçao. gostaria. de fazer o curso de designer de interiores.
    mais nao terminei 2º grau. mais tenho curso de desenho arquitetonico. estou terminando o curso do coreldraw.
    como faço. poço fazer este curso . ou nao .
    att. marcos

  42. Olá Luis
    a participação masculina nesta área vem crescendo a olhos vistos sim, é só você observar as mostras de decoração pelo Brasil.
    E está sendo muito bem aceita pelo mercado.
    abs

  43. Gostaria de saber, estou fazendo o curso de bacharelado em (DT)logo após terminalo em que posso está me especializando já que a leva do mercado e muito grande, e onde tem mais carencia de grandes profissionais?

  44. Olá,

    Sou do Rio de Janeiro. E decidi fazer o curso de design de interiores, mas queria saber se há algum curso bom? De preferência na Zona Oeste. Você saberia de algum para me indicar?

  45. 0i paulo,que bom que encontrei voce.li seus comentarios e gostei muito das sua forma de apresentar o design e de incentivar quem esta começando como eu; curso o primeiro periodo de design, em BH, minas gerais, no instituto Izabela hendrix.Preciso postar em um trabalho de pesquisa a opinião de um profissional sobre classificaçao de um ambiente clean, sofisticado,modern o. Se puder me ajudar,agradeço muitissimo. obrigada.

  46. Muito bom, meus parabéns, bom eu gostaria de saber o seguinte estou entrando agora na área de Design de Interiores e gostaria de saber onde poderia está me especializando já que se abre um leque de possibilidades si e interiorismo, desenho de moveis, qual? , depende da região a onde nos situamos, bom e só muito obrigado e continue assim meus parabéns!!!

  47. Olá Waldir,
    obrigado pelos elogios.
    Bom, já que está entrando na área, prefiro deixar que você busque o seu foco dentro do curso. Eu, quando fiz o curso superior, já direcionei desde o inicio para o Lighting Design pois era a minha área de interesse e que eu já vinha trabalhando.
    No entanto, Interiores/Ambientes tem um vasto campo de trabalho que você só tomará conhecimento mesmo dentro do curso.
    Também há questões a ser analizadas como a que você mesmo postou: regional. Cada região tem uma característica e um mercado específico, mas também tem nichos abertos e que não existem profissionais atuando. Basta você saber observar, pesquisar o mercado, detectar estes nichos e entrar. Mas lembro que não adianta entrar apenas porque o nicho está disponível e sim que, principalmente, você tem de gostar da área específica.
    Bom, espero que tenha ajudado de alguma forma e desejo boa sorte no curso.
    abs

  48. oi, sou de Vitória no ES, vou começar no próximo ano um curso técnico em design de interiores,
    mas em seguida pretendo fazer arquitetura.tem compatibilidade entre os cursos?
    acha que o técnico vai contribuir pro superior?
    obs; gostei muito da página!
    parabéns!

  49. Oi Lu,
    obrigado e fico feliz que tenha gostado do blog.
    bom, vale aqui para você a mesma resposta que já coloquei aí em cima nos comentários:
    Se você quer partir para a área de construção, projetar e levantar edifícios faça arquitetura.
    Se você quer trabalhar os espaços internos e externos como forma de melhorar a qualidade e bem estar para os usuários, faça Interiores.
    Só não entendi o porque de você optar por um curso Técnico (ensino médio) no lugar de um Tecnológico (Superior). O superior é mais aprofundado e amplo que o técnico e você terá um diploma de nível superior.
    Sobre a compatibilidade entre os cursos, sim há. Mas são áreas distintas e eu não acho legal você – ou qualquer outra pesoa – querer agarrar o céu, terra e mar profissionalmente. É aquela coisa: quem quer fazer de tudo ao mesmo tempo acaba fazendo tudo mal feito.
    Creio que deveria pensar melhor sobre o que você quer realmente fazer e seguir essa linha específica.
    Eu por exemplo, comecei com cenograia e iluminação cênica, parti para a área de moda, fiz Interiores e me especializei em Lighting. É o que eu trabalho hoje em dia em média 80% de meu tempo. Faço Interiores também, mas minha preferência é o Lighting e procuro me manter apenas nele pois assim consigo aumentar a qualidade em meus projetos.
    Espero ter te ajudado de alguma forma.
    Abs e boa sorte no curso.

  50. Oi então adorei suas dicas,estava com muitas duvidas do que fazer ate que decidi fazer design de interiores mas não sabia como era e tal.
    Mas em fim encontrei alguma coisa legal,parabens pelas dicas muito bom mesmo e obrigado por esclarecer minhas duvidas.
    Só que eu tenho algumas ainda,é que tipo não sei nada de desenho,adoro pintar,mecher com cores so não sei desenhar e sei que para essa profissão é indispensavel o desenho a mão livre.E queria saber tambem quanto ganha imedia um designer,ou quanto cobramos para fazer um projeto?

    Brigadão mesmo.

  51. Olá Aninha.
    Fico feliz em saber que consegui esclarecer algumas coisas para você.
    Bom, sobre as dúvidas ainda restantes, vamos lá:
    1 – Sim, o desenho é fundamental para a nossa atuação profissional. Veja por aí se consegue algum curso de desenho de observação, perspectiva à mão livre e similares ok? Isso já te aliviará bastante na hora do curso.
    2 – Fica difícil dizer sobre salários pois estamos em regiões diferentes, com mercados diferentes. A Média nacional está, no caso de lojas, em torno de 700,00 + comissões + benefícios. Já no caso de projetos para clientes também não tenho como “tabelar” isso pois cada projeto é único e tem suas necessidades particulares. Cobrar por m² é incorreto e só ajuda a bagunçar ainda mais o mercado e, principalmente, desvalorizar a nossa profissão.
    Durante o curso você vai perceber os porques disso e também a como orçar um projeto.
    abs e boa sorte no curso.

  52. Ola Paulo poderia me ajudar por favor,amei seu blog é ótimo.Paulo é o seguinte me formei em designer de interiores em janeiro desse ano,mas fiz somente pequenas reformas até agora,mais pintou uma obra maior um reforma completa pra mim nesse final de ano pra ser feita no começo do ano.O problema é que não sei qual valor cobrar sendo uma reforma grande.Po deria me ajudar com um valor + ou -.Bjs

  53. Daniela, vamos por partes.
    Primeiro preciso te dar um puxão de orelhas mas é para o seu bem ok?
    Eu sou Designer de Interiores
    Eu trabalho com Design de Interiores
    Designer é o profissional
    Design é a profissão.
    Com relação à parte orçamental, é muito difícil te colocar alguma coisa.
    Dê uma lida no post que a Maria Alice gentilmente cedeu para este blog “Quanto custa decorar?”.
    Ele vai te dar uma base geral sobre este assunto.
    No entanto vale ressaltar que para liberar um orçamento não devemos nos basear por tabelas pois cada projeto é único e tem suas particularidades, dificuldades, níveis de detalhamentos……..
    O correto é usar do bom senso e ficar bastante atenta ao orçamento disponível, afinal o seu projeto será deduzido deste. Então cuidado para não comprometer a execução.
    Uma boa opção nestes casos é você sentar-se com o seu cliente e abrir o jogo sobre a existência das RTs e como ela funciona. Com isso você pode apresentar um orçamento global (sem RT) e um misto (com RT).
    No global você vai jogar um preço. Que seja R$ 10.000,00 pelo projeto – só exemplo ok?
    No misto, você deverá fechar com seu cliente no contrato que ele só irá realizar as compras nos locais indicados por você – que você tenha certeza de que irá receber as RTs – numa das cláusulas de seu contrato. Assim sendo você deve, ao fechar o orçamento de custos – materiais – verificar qual o valor aproximado que você irá receber em suas RTs. Vamos supor que irá sair por 10% do total de 35.000,00. Então você deduz do orçamento global esses 3.500,00 e terá o valor de 6.500,00 que o cliente pagará pelo projeto. E você receberá as RTs das empresas parceiras.
    Espero ter te ajudado de alguma forma.
    Abraços

  54. Olá Paulo, primeiramente quero lhe dar os parabéns pelo blog, tenho pesquisado bastante sobre a profissão de Design de Interiores, e o seu blog se mostrou muito completo. Bom, vamos lá, tenho formação superior em Turismo, porém não é a área que eu realmente gosto, fiz a faculdade, pois na época do meu vestibular não tinha recursos para um curso mais caro, e como Turismo estava na moda, e o valor era acessível, optei por ela. Porém hoje, com três anos de formada acabei por me tornar uma profissional frustrada na área, por diversos motivos, mas o principal é que realmente não é a minha paixão. E depois de muita pesquisa, estudo, e até mesmo vivência, descobri que Design de Interiores tem tudo a ver comigo, é o que faz meu coração bater mais forte, o que me dá frio na barriga quando me imaginando atuando na área, é realmente o que eu desejo, e desta vez não vou errar, já basta um erro. Moro em Florianópolis, e pesquisei os cursos aqui, o que chamou mais minha atenção é o curso que o SENAC oferece, Técnico em Design de Interiores, são dois anos de duração, com carga horária de 879 horas. Gostei por que me possibilitaria entrar mais rápido no mercado de trabalho, levando em cota que estou fora dele há algum tempo, e eu poderia fazer cursos extras, por exemplo, de decoração de interiores, paisagismo e jardinagem, desenho em perspectivas, e outros tantos, para ir me aprimorando e claro me atualizando. O que eu quero sabe é o seguinte, vale à pena investir em um curso técnico? Aguardo resposta. Muito obrigada pelo espaço.

  55. Oi, td bem?
    tive notícias hj q fui aprovado no curso de design de ambientes na UEMG. Mais tenho algumas dúvidas como:
    – Na verdade qro fazer Eng civil, compensa fazer o design de ambientes?
    – Vou ter alguma coisa no curso relacionado a Eng. civil?

    Parabéns, pela página, esclareceu muitas coisas p mim, e aumentou minhas espectativas em relação ao curso.

    obrigado!

  56. Ola, eu gostaria de saber a respeito do curso de desing de moveis, ele tem haver com decoracao? Qual graduacao eu poderia fazer? Eu quero fazer um curso superior mais ainda tenho duvida a respeito de qual area vou estudar.

  57. Olá Nady,
    bom, eu também comecei a atuar profissionalmente na área tarde apesar de já vir atuando paralelamente ha algum tempo.
    Se você sente realmente isso tudo com relação à DI, jogue-se e acredite, como dizem.
    Tenho certeza de que se dará muito bem na área.
    Bom, com relação aos cursos, se o do Senac é de 2 anos então indico a você buscar algum outro tecnológico ou sequencial pois são bem mais completos, carga horaria bem maior – em média o dobro da oferecida pelo Senac.
    Dê uma vasculhada melhor e procure algum que te ofereça a formação em nível superior. Mesmo você já tendo uma, é bem melhor que uma técnica.

    http://paulooliveira.wordpress.com/2008/06/30/design-de-interiores-cursos/

    neste post tem algumas faculdades que oferecem o curso em nível superior. Quando fiz o post so encontrei uma em Floripa mas creio que hoje já devem ter outras oferecendo.
    Num curso supérior você terá todos estes “cursos extras” dentro da matriz curricular logo, não precisará gastar por fora ok?
    Forte abraço!!!

  58. Carlos,
    primeiramente parabéns pela aprovação na UEMG!!!
    leve bastante a sério pois o curso é excelente!!!
    Bom, de certa forma Interiores e Civil também enquadram-se no que chamamos de áreas correlatas.
    Na verdade, engenharia civil é um curso duro. Duro por causa da frieza dos cálculos e da ausência da parte estética. Ele é bastante ligado à funcionalidade mas peca sobre beleza entre outros.
    Com o curso de DI você certamente fará a diferença entre os engenheiros pois terá uma visão mais ampla que aquela técnica apurada dos engenheiros.
    São questões ergonômicas, forma, estética e estilo, uso entre tantas outras que não são repassadas corretamente na faculdade de civil.
    Você terá algumas disciplinas relacionadas sim à civil como instalações prediais, iluminação, análise e leitura de projetos estruturais portanto, já entrará no curso de civil com algum conhecimento sobre.
    Forte abraço!!

  59. Giovana,
    sim, Design de Móveis tem tudo a ver com Interiores e Ambientes.
    Com os espaços cada vez mais reduzidos faz-se necessário profissionais capacitados na área de movelaria para criar soluções.
    Eu sempre indico, se possível, que as pessoas procurem cursos superiores. Dê uma olhada no site do SENAI. Sei que em alguns pólos eles oferecem este curso em nível superior. Quem sabe tem algum aí pertinho de você.
    abs

  60. Olá,
    Adorei as dicas e gostaria de saber se compensa fazer um curso técnico de Design de Interiores. Não tenho renda o suficiente para fazer uma faculdade, mas adoro essa área. Fico aguardando resposta… Grato.

  61. Paulo,
    Adoro o seu blog, vivo lendo seus posts, já falei dele no meu blog e acabo de colocá-lo na minha lista de links legais (falha minha, pensei que já tinha feito isso e acabei de descobrir que não…).

    Entrei nesta coisa de blog ano passado, estou aprendendo muito com vc ! Obrigada!
    No meu blog coloco muitas fotos de outros blogs e sites mas faço uma pesquisa danada, perco horas.. com certeza vc sabe o que é isso… É que um de meus interesses é que meu blog seja visto também no exterior e tento então escrever pouco e colocar fotos que mostram o que quero dizer… Estou dando uma geral (inspirada por vc) para trazer as fotos para meu servidor, dizer sempre de onde é, estas coisas…
    Sou técnica em eletrônica, analista de sistemas, administradora de empresas (trabalhei muitos anos nestas áreas), artista plástica (pintura) e agora, coisa de 2 anos prá cá veio um interesse louco por decoração e fiz uma pós graduação em design de interiores na PUC.. Estou começando a trabalhar com uma generosa amiga arquiteta.. Portanto, não sei nada e não fiz nada em decoração, mas adoro pesquisar e espalhar prá todo mundo (sempre no bom sentido, não gosto de fofoca do mal, tá? rsrsrs)!!!
    Como gosto de suas opiniões, gostaria muito de uma avaliação sua do meu blog.. (se for para esculhambar muito, manda por mail, tá ? rsrsrs..) Um abraço e parabéns pelo sua seriedade e disponibilidade!

  62. Gostaria de saber qual é a diferença entre arquiteto e designer. Pretendo fazer um curso na área (design de interiores)e o que me fascina é a criatividade de aproveitar um certo material/produto em outra função ou reaproveitá-lo recuperando-o com um custo bem baixo. Outro dia vi um relógio de acrílico, onde os adesivos colados formavam os galhos de uma árvore e reparando bem, compreende-se ser um relógio. Isto foi num hotel e o meu problema no caso de “copiá-lo” seria onde fazer os ítens que o compõe, por exemplo os adesivos. Às vezes tenho idéias, mas não sei como projetá-la, não conheço as empresas que podem me ajudar, fabricar o que precisaria.

    Bianca Araujo

  63. Saudações,

    Minha dúvida é a mesma da postada acima.Vale a pena fazer um técnico?Há possibilidade de se especializar, continuar estudadno somente com o técnico ou especializações só podem ser feitas com Superior.Não acho refer~encias de qualidade dos cursos em Belo Horizonte.Estou à escolher entre Inap e Senac.Sabem me dizer do curso?

    Se puderem me responder também por e0il agradeceria muito.

    eltonmonteiros@hotmail.com

    Abraços e mui obrigado.

  64. olá..
    eu cursei Direito um ano , e estou desesperada a mudar de curso.
    não gostei mesmo .. e sempre tive uma vocaçao pra decoraçao..
    eu queria saber se isso é o bastante pra entrar em um curso de design.
    também não sei desenhar muito bem , queria saber também se já tenho que saber ou se irei aprender na faculdade !

  65. Boa Tarde!

    Acabo em mim formar, em design de interiores.Gostaria de abrir meu proprio escritório qual os primeiros passos que devo seguir, para ter um bom retorno?

  66. Bom dia …..

    Tenho duvidas e gostaria que me de uma luz… gostaria muito de fazer um curso tecnico ou mesmo faculdade de desing de interiores q é melhor vamos dizer assim “um q eu faça e que me ensine mesmo…pesquisei algum cursos e gostaria de saber de vocês quais são os melhores cursos “onde fazer” ex:senac, uninove …Bela artes é bom mais muito cara e a situação nao ajuda muito..qual curso facul é bom de verdade nessa area. gostaria de saber a opinião de voces …se puderem me tirar esta Dúvida ficaria Muito Grata ….Parabéns seu blog é muito legal, interativo …amei …Obrigada mais uma vez !

  67. Amanda,
    se você gosta mesmo da área de Design acho que vale sim a pena investir pois você será uma profissional realizada em seu trabalho pois estará fazendo o que gosta.
    Sobre desenhar, durante o curso terá disciplinas de desenho tecnico e artístico. Mas se você já chegar ao curso com algum domínio em cima disso já é uma grande vantagem.
    .
    Leka,
    A melhor opção no teu caso é buscar informações junto ao Sebrae. Eu poderia te dar algumas dicas mas elas poderiam não funcionar direito para você pois estamos em cidades e regiões diferentes e que tem características próprias.
    O Sebrae está com um trabalho primoroso referente ao Design ok?
    Abraço e sucesso!
    .
    Raquel,
    aqui mesmo no blog tem uma lista de cursos dividida por Estados.
    Em São Paulo opções não faltam e todos os superiores são bons, alguns melhores e outros, como no caso da Belas Artes e IED excelentes.

  68. Ana Carolina
    Eu ainda vou demora 2anos pra começar a fazer faculdademas já estou pensando em que quero fazer…e design de interiores me estimula muito,pois goste da ideia de criar moveis,ver iluminação,cor,etc…
    Entao queria saber aonde tem a faculdades,os cursos de design de interiores?
    E no Brasil qual região tem mais campo de trabalho?

  69. Com 2 anos de arquitetura, tranquei(mas pretendo voltar e continuar), prestei vestibular esses dias para Design de Interiores, e se Deus quiser minhas aulas começarão em Março. Bem, tudo aqui está bastante explicado para mim. Adoooreeei! :)

  70. Diuma,
    tem um post aqui no blog com a relação de cursos por estado:

    http://paulooliveira.wordpress.com/2008/06/30/design-de-interiores-cursos/

    Espero que te ajude.
    .
    Ana Carolina,
    Sobre os cursos, vale a mesma indicação acima.
    Quanto ao mercado de trabalho, todas as regiões estão bombando nesta área, depende do profissional ok?
    Abraços e boa sorte!
    .
    Luana,
    fico feliz quando percebo que consegui esclarecer algumas coisas para as pessoas.
    Boa sorte no curso!
    abs

  71. nossa…amei saber de tudo isso… gosto muito de design de interiores e nao fazia ideia de quantas coisas preciso estudar se for fazer uma faculdade…
    você me ajudou muito…
    valeu…

  72. bom pessoal eu tenho uma grande adoração por decoração, sempre gostei e tive pensando em fazer uma faculdade nesta area. queria saber se na universidade se encontra um curso especifico de design de interiores ou é obrigado a fazer o curso de arquitetura e urbanismo e depois fazer uma especialização na area de design de interiores?

  73. Nossa adorei saber tudo isso sobre desing de interiores, vou começar meu curso agora em fevereiro. Eu sou vendedora de uma loja de moveis planejados e sempre gostei dessa area agora mais ainda. E esse site para mim foi super esclarecedor…
    BJS….

  74. Oi Paulo, minhas aulas de Design de Interiores na FIAM FAAM começam na semana q vem, estou super ansiosa, pq é uma área q eu tenho paixão! Vc tem algo a comentar sobre essa faculdade, é boa?!
    Lendo seu blog, suas dicas, minha vontade aumentou mais ainda! Suas dicas são ótimas, me ajudaram muito em algumas duvidas q eu tinha!
    Obrigada.

  75. Deize,
    existem cursos superiores de Design de Interiores.
    Não precisa fazer Arquitetura não.
    .
    Ana,
    fico feliz em saber que ajudei a esclarecer algumas dúvidas.
    Boa sorte no curso!!!
    abs
    .
    Maira,
    não conheço esta Faculdade, portanto nada posso comentar.
    Mas vale aquela coisa: quem faz o curso é o aluno. Tudo depende da sua aplicação e esforço.
    Boa sorte no curso!
    abs

  76. Olá! Tudo bem?
    Sou recém-formada em Design de Produto e pretendo trabalhar na área de decoração de ambientes. A minha dúvida é: para isso, terei que fazer uma faculdade/curso específico de Design de Interiores?

    Obrigada… e parabéns pelo blog! Muito bom!!
    Abraço!

  77. Olá!
    Sou recém-formada em Design de Produto e pretendo trabalhar como decoradora de ambientes. Minha dúvida é: Para isso, tenho que fazer uma faculdade/curso específico nessa área?

    Obrigada e parabéns pelo blog! Muito bom!!

  78. Daniela,
    trabalhar como “decorador(a)” qualquer um que tem bom gosto trabalha.
    Trabalhar como Designer de Interiores/Ambientes já é uma outra história.
    Eu acho que você deve sim buscar a complementação em algum curso tecnológico em Design de Interiores/Ambientes pois certamente existem disciplinas e conhecimentos que você não teve durante o curso de DI. Esses conhecimentos são aqueles ligados à parte arquitetônica, estrutural, elétrica, hidráulica enfim, disciplinas que vão completar o seu rol de habilidades para que você possa projetar tranquilamente.
    Projetar um produto/objeto é uma coisa, projetar um ambiente com vários objetos é outra.
    abs e boa sorte.
    .
    Pamela,
    eu também não sabia desenhar muito bem quando comecei a atuar na área.
    Durante o curso você terá disciplinas específicas em desenho. Porém se você puder chegar ao curso já com uma boa base em desenho é uma grande vantagem para você.
    Dê uma vadculhada aí na tua cidade que certamente alguém ministra cursos de desenho de observação, perspectiva, etc.
    Fique tranquila que desenhar não é nenhum bicho de 7 cabeças ok?
    abs e boa sorte!

  79. Ola, tenho 29 anos e ja desenho des dos 5 anos tudo o que vejo, Mas sou apaixonada por Arquitetura. Bom estudei Design por nao ter chance para pagar Arquitetura porem nao segui a proficao,mas agora acho que esqueci tudo =I.

    existe algum curso de reciclagem ?

  80. Bom dia ! Parabéns ,vc vem ajudando muito a todos com seus esclarecimentos .A minha dúvida é: Existe algum local que venda os materiais do curso de design de interiores usados se é que podemos compra-los usados ou ainda que façam doaçao?Obs: Sempre gostei muito da área de decoração ,fiz inscrição e ganhei bolsa no senac porém realmente não tenho condições no momento de comprar todos os materiais, e não quero perder o curso . se puder por favor me responder também em meu e-mail agradeço

  81. Cinthia,
    você pode sim fazer uma adaptação/complementação em algum dos cursos de Interiores existentes perto de vc.

    Santiago,
    sinceramente não sei te responder isso. Aqui em Londrina sei que não existe nada assim, o que vejo são os veteranos que às vezes vendem algumas coisas.
    espero quer consiga os materiais.
    abs

  82. Olá PaulO primeiramente Parabéns pelO O seu blOg adOrei
    vc esclareceu minhas dúvidas
    mais ainda estou em dúvida de uma coisa,é eu estiver pensando em fazer arquitetura design,mais bem disser eu não sei muito bem o que
    a arquitetura estuda se é a decoração ou design de ambientes,
    mais eu quero um curso que seja decorações de casa etc.
    mais dentro do ambiente não sei se vc me entendeu o que eu quero disser.
    mais uma pergunta quantos em média um design de interiores ganha por mÊs e qual lugar é melhor trabalhar em uma empresa ou por conta própria?
    bom paulo eu tenho 17 anos ainda to fazendo o 3°ano no colégio e pretendo cursar arquitetura design ou design de interiores
    e qual vc acha melhor eu cursar eu nao sei muito bem desenhar mais eu acho que posso aprender sim e adoro decoração ainda mais decorar casas ver a cor do ambiente que fica melhor adoro ver os movéis que fica melhor na casa.
    e quero atuar em umas dessas areas qual vc acha melhor eu atuar?
    bom o que vc me sugere fazer um cursinho de design para ir aprendendo até chegar na faculdade ou não?
    ha quantos anos dura um curso de design interiores?
    e quantos é a mensalidade por mÊs da faculdade?
    e me da uma dica por onde começar primeiro?
    então é isso ai Obrigada pela a atenção espero sua resposta

    bjOs

  83. Ketyleen,
    Bom vamos por partes…
    Arquitetura e design são áreas totalmente distintas e percebo que você confunde uma com a outra ao usar termos como “arquitetura design”.
    Arquitetura é arquitetura e design é design.
    Se você tem contade de projetar edificações e construi-las faça arquitetura.
    Mas pelo que percebo, o seu gostar está muito mais ligado ao Design de Interiores/Ambientes do que à arquitetura.
    Porém, ainda analisando o teu comentário, percebe-se a confusão entre Decoração e Design de Interiores/Ambientes. Dê uma lida nestes posts:

    http://paulooliveira.wordpress.com/2008/04/30/design-de-interioresambientes-x-arquitetura-de-interiores-x-decoracao/

    e

    http://paulooliveira.wordpress.com/2008/04/30/diferencas-entre-decorador-designer-de-interiores-e-designer-de-ambientes/

    Abs e boa sorte

  84. Karione. floripa..
    Cara este canal resolveu eu descidir minha profissao, peguntas inteligentes e respostas a altura…obrigado e sempre estarei por aqui me atualizando….valew

  85. Olá Paulo,em primeiro lugar eu adoreeeeeeeeei o seu blog, e eu estou para comessar um curso tecnico em design de interiores no próximo semestre, só que eu não sei desenhar praticamente nada, apenas aqueles desenhos que o professoer de artes tenta ensinar para nós no fundamental, como prédios usando linhas de horizonte, rsrsrsrsrs, más por outro lado é inevitável eu me pegar obiservando um ambiente, a pintura de fora de uma casa quando passo por ela (Principalmente algo rústico) na minha mente e no meu coração eu sei que é isso que eu quero seguir mas ao mesmo tempo fico apreensiva e preocupada pelas coisas que não sei, fico pensando se mesmo sem saber desenhar conseguirei ter avanços no curso que escolhi para mim.
    Eu queria saber como vc comessou, vc já sabia desenhar???
    Abraços.

  86. Olá Samila,
    obrigado e fico feliz que meu blog esteja te ajudando a esclarecer varios pontos sobre a profissão.
    Bom, já coloquei sobre isso nos comentários acima mas vamos lá.
    Desenho é uma das ferramentas básicas do designer.
    Durante o curso você terá várias disciplinas sobre desenho que irão te ajudar a desenvolver este lado. Porém sempre digo que se você puder entrar no curso já com uma base em desenho é muito melhor. Busque algum professor para perspectivas e desenho de observação (mão livre). Isso será de grande valia para você não só no curso mas também em sua vida profissional.
    Quando comecei nao sabia desenhar nada além daquelas casinhas e bonequinhos de palitinhos. Mas com a prática e esforço consegui vencer este medo de desenhar.
    abs e boa sorte no curso.

  87. Estou pensando em fazer um curso tecnico de 2 anos no Senac de Design de interiores, o q vc me diz? Qual a utilidade pratica desse curso? E com ele posso atuar como um profissional da area normalmente ou terei limitaçoes???Desde ja obrigada!

  88. Queria parabénizar essa atitude maravilhosa de vc…..achei muito interessante…..
    Tenho certeza que vc é um grande profissional…….”espero um dia escutar isso de alguém”

    Bom,vou começar a minha faculdade de design de interiores em julho e não desenho muito bem, será que poderei usar apenas técnicas no computador?????
    Muito obrigado.

  89. Olá Paulo,tive conhecimento recentimente sobre o IED, mas no propio site do IED não há muitas informações, gostaria de saber quanto a mensalidade, bolsas, grade do curso…
    se puder me informar, fico grata desde já

  90. Elaine,
    observe se o curso é de nivel superior. Se for técnico (nível médio) opte por outro curso de nível superior.
    A utilidade é basicamente a mesma dos superiores, porém com algumas coisas a menos. E também tem a questão de que um diploma universitario tem bem mais valor no mercado de trabalho.
    abs.

    Wendel,
    obrigado pelos elogios!!!
    Não, você tem de saber desenhar à mão livre e desenho técnico – na prancheta – também. Com o passar do curso você vai entender porque.
    abs

    Maíra,
    Não sei essas informações sobre valores, etc.
    Mas entre em contato direto com eles que eles te mandam a Matriz Curricular e todas as outras informações ok?
    abs

  91. preciso de ajuda;faço gestão financeira,mas o que eu quero é fazer facul pra arquitetura, por isso escolhi um curso mas acessivel, porque quando entra no mercado recebendo melhor remuneraçao vou poder pagar minha facul de arquitetura;mas por enquanto gostaria de trabalhar uma loja de moveis e decoração, porem não tenho nenhum conhecimento especifico nesta area. morro em natal e aqui só tem curso de arquitetura, se eu fize-se um desses cursos a distancia me posssibilitaria trabalhar uma loja deste seguimento? esse cursos tem alguma valia no mercado/ porvafor me responda. ATENCIOSAMENTE; deija

  92. Adorei,você conseguiu tirar grandes duvidas sobre esta profissão.Parabéns
    Quero muito fazer Designer de Interiores mas eu não sei qual faculdade seria melhor pois não conheço ninguem que faça este curso.E seria bom eu fazer um curso tecnico no Senac ou já partir para uma faculdade?
    Moro na Região de Guarulhos/SP.
    Tuanny

  93. Deijadieres,
    para se trabalhar em uma loja é absurdo você pensar em fazer um curso de Design de Interiores. É mais rápido você aprender o que se faz necessário para esse trabalho de vendedora no dia a dia dentro da loja.
    Querer fazer um curso de Design de Interiores apenas para ser vendedora é no mínimo um desrespeito à profissão e aos outros profissionais, me desculpe mas esta é a minha visão e de todos os profissionais que labutam diariamente fora das lojas, no mercado direto profissional x clientes.
    Se você quer fazer arquitetura, que faça direto arquitetura então, mas com a ciência de que esta faculdade não irá lhe proporcionar os conhecimentos necessários para trabalhar com Interiores/Ambientes no padrão Design e sim, e apenas, no padrão decorativo.
    Que você opte então por um cursinho de decoração desses de curtíssima duração, já estará de bom tamanho para o que você pretende.
    .
    Tuanny,
    dê uma pesquisada aqui no blog no post sobre cursos. Ali você encontrará uma lista de cursos e certamente um próximo a você.
    abs e boa sorte no curso!

  94. Olá Paulo,
    Muito bom encontrar um blog como o seu.Precisamos muito de trocas de opiniões e ,principalmente,de uma maior união para a formação de um Conselho(ainda não temos,não é?).Sou paisagista e acabo de me formar em Design de Interiores.Estou à procura de uma especialização em Light Design e Design de Mobiliário mas não estou encontrando aqui na minha cidade ( Belém-PA).Voce tem conhecimento de algum?
    grande abraço e parabéns pela iniciativa.

  95. Olá Roberta,
    obrigado pelos elogios.
    Realmente o que está bem difícil de acontecer é abrir os olhos dos profissionais sobre a importância da regulamentação profissional – não a “caca” proposta pela ABD – mas sim uma feita pelos profissionais e não por “pseudos representantes legais” que não respondem na verdade por 10% dos profissionais da área aqui no Brasil.
    Sobre as especializações, desconheço qualquer uma nesse sentido aí na tua cidade.
    abs e sucesso!

  96. Olá, o site tah how e me ajudou muito pois estou fazendo um trabalho na escola a respeito desse curso que mesmo sendo um pouco novo no mercado já está com tudo…
    a minha duvida é que eu queria saber qual o simbolo do curso e a cor que representa o mesmo
    Desde de já obrigadO e parabéns pelo site!!!

  97. Ana Caroline,
    não existe um símbolo padrão ainda para Design de Interiores/Ambientes. O que o pessoal costuma fazer é utilizar imagens de materiais que utilizamos em projetos como esquadros, compasso. Isso ainda não foi formatado pois o curso ainda é recente.
    A cor que a maioria utiliza em suas formaturas é o azul royal.
    abs.

  98. Oi Paulo…

    Então, estou aqui só para disser que seu site me ajudou muito.
    Estou ainda mais empolgada com o curso que começa mês que vem’

    Por favor continue nos ajudando’ rsrs…
    Um grande abraço e obrigada pelas informações.

  99. otimo esse seu site! tirou varias duvidas minhas.
    pretendo fazer esse curso no meio do ano,mas eu tenho uma duvida, eu tambem gosto de designer grafico e os dois tanto o de interiores e grafico anda em caminhos deferentes, queria saber se tem como fazer uma “união” entre eles, pois imagino que pode sair algo legal.

    Pois aqui em goiânia o designer grafico é pouco reconhecido!

    um grande abraço e desde já agradeço!

  100. Juliana,
    obrigado e aproveite ao máximo o seu curso. Sugue o que conseguir de teus professores!
    .
    Xernobyu,
    no Orkut tem uma comunidade chamada Livros de Design – ou algo assim.
    Lá você encontrará uma lista enorme de livros com comentarios de quem já os leu.
    abs.
    .
    Patrick,
    há sim um meio de unir as duas áreas e que eu acho bastante interessante: design de superfícies.
    Com o conhecimento que você trará da área de Interiores, ficará mais fácil visualizar o efeito final de seus projetos de superfícies.
    Dê uma pesquisada sobre isso pela WEB.
    abs e boa sorte nos cursos.

  101. eu denovo aqui só pra agradecer!

    procurei sobre designer de superficie, muito bom!
    era o realmente tinha em mente! unir duas coisas que realmente gosto!!
    valeu mesmo !

  102. Sempre tive vontade de fazer design de interiores/ambiente, fico maravilhada quando vejo revistas de decoração, mas as vezes me bate uma dúvida,porque ue gosto da área porém não sei se tenho dom para isso.
    Gostar da área é o suficiente?

  103. Patrick,
    não tem o que agradecer ok?
    Apenas direcionei o seu foco para onde percebi que era o teu interesse mas que você desconhecia a área.
    Abs e sucesso!
    .
    Cinti,
    sim, gostar já é um grande passo porém Design de Interiores/Ambientes é bem mais que o decorar que vemos nas revistas na maioria das vezes.
    Ir escolhendo móveis e acessórios em lojas e depois ajeita-los de forma “legalzinha” dentro de um espaço é fácil. Design é bem mais complexo que isso.
    abs e sucesso!

  104. Olá, primeiramente gostaria de parabenizar o site que é rico em informações e ajuda bastante áqueles que estão incertos quanto a qual carreira seguir, o que é o meu caso.
    Moro em Brasília e curso o 3º ano do ensino médio. Tenho vocação e paixão pelas áreas artísticas e sou bastante ativa. Penso que onde moro haja um ótimo campo para o curso se tratando da população de alto nível intelectual e com grandes poderes econômico da cidade. Gostaria de saber se estou certa e se possível o que você puder me adicionar sobre o assunto já seria de muita ajuda.
    Grata, Larissa.

  105. Olá tudo bem?
    Nossa esse site é simplesmente MARAVILHOSO. Gostei muito pois tirou a maioria das minhas dúvidas! Bom estou terminando o 3ano do ensino médio e já estou pensando no que vou fazer no futuro, decidi por design de interiores, e no momento vou apresentar um trabalho na minha escola sobre esse profissao,um seminário. Escolhi essa profissao porque amo de coração essas coisas de decoraçao e etc. Só queria te perguntar se voce sabe de algum programa(para computador) que eu possa treinar fazer decoraçoes, planejamentos e etc..?? Já procurei, achei um aki mas nao é bom, vc tem alguma dica?? E onde posso achar esse programa?? Tem na internet para baixar??

    Bom desde já agradeço!! Felicidades e sucesso em sua profissao!!
    Deus o abençoe. Até mais…

  106. Rita, uma boa para aperfeiçoar-se em estilo é começar a visitar antiquários, Apresente-se, demonstre curiosidade e interesse que certamente o pessoal irá te dar maravilhosas aulas sobre isso.
    Trabalhar especificamente com estilo é mais voltado à academia ou antiquarios, no entanto, tenha consciência de que isso estará presente em todo o qualquer projeto que você irá fazer futuramente, diluído junto com os outros conhecimentos ok?
    abs e sucesso!
    .
    Larissa,
    realmente Brasília tem um campo profissional fabuloso. Quem dera as outras cidades serem assim também.
    Essa questão poder aquisitivo x nível cultural facilita e muito o trabalho em nossa área pois como trata-se de uma clientela mais culta, assimilam mais fácil os projetos, estilos, etc.
    abs e sucesso!
    .
    Lahis,
    Programas existem diversos, porém nada substitui o muque. Desenhar à mão é fundamental para nossa profissão. Portanto, antes de entrar direto nos programas, busque aprender a desenhar à mão livre: desenho de observação, perspectiva, luz&sombra, etc.
    Depois disso vá para o computador ok?
    abs e sucesso!

  107. Primeiramente, gostaria de dizer que tudo que foi colocado aqui foi bastante esclarescedor!Muito bom contar com vocês.
    Gostaria de saber o que vocês acham dos cursos técnicos nessa área.
    Obrigada pela atenção!

  108. Gostaria de saber quais sao as vantagens e desvantagens de ser um designer de interiores?? Se existe muita concorrencia e as oportunidades de trabalho sao boas ou nao???

    Obrigada pelo carinho de responder as minhas perguntas!! DEUS o abenções sempre!!

    Abraço tudo de bom pra voce!

  109. Graziele,
    não tenho nada contra os cursos técnicos, apenas sempre procuro ressaltar que os de nível superior são bem melhores por terem uma matriz curricular bem mais ampla e completa.
    Geralmente os cursos técnicos te deixam preso a projetos residenciais e os de nível superior te “abrem os olhos” para outros nichos de mercado onde você poderá atuar – não como técnico.
    abs.
    .
    Lahis,
    vantagens e desvantagens assim como qualquer outra profissão.
    Quem adentra hoje nessa área já encontra um mercado bem mais consciente do papel e importância do Designer de Interiores/Ambientes, bem diferente do que eu e vários outros encontramos quando começamos a atuar de 5 anos para trás.
    Quanto à concorrência, é mais complicada em cidades de porte médio para pequenas mas as oportunidades de trabalho estão aí e cabe a cada um fazer acontecer e correr atrás.
    abs

  110. OLA,

    Estou finalizando o curso de MBA na FGV e o produto a ser apresentado será uma danceteria dos anos 60,70,80,90 que terá os seguintes ambientes, Sebo, Brechó,Pista de dança, local para eventos, bar e estacionamento.
    Seria possível me ajudar com algumas dicas de decoração dos ambientes, cores, iluminação e metragem de cada ambiente, ou se conhecer algum site ou pessoa que poderá me auxiliar.

    No aguardo

  111. ola
    hj é um dia muito feliz pra mim, consegui uma bolsa de 50% paga o curso de designer Decoração de interiores no programa do prouni
    mas eu escolhi esse curso para não deixar sem escolha nas opções!!!
    seu site me ajudou muito!! e me acalmou bastante , so espero realmente gostar do curso!!!

  112. Olá!
    não sei se já foi exposta está pergunta, caso sim desconcidere, tenho interesse na área de Design de interiores e pretendo iniciar o curso técnico, qual seu conselho em relação?
    vale a pena? devo ou não fazer?
    e depois posso encontrar trabalho assencivel? onde?
    abrigado pela atenção e Parabens pelo seu trabalho e sua gentileza em esclarecer duvidas!

  113. Oi!!!!!!!!!!!
    Sou Designer de Interiores e amo minha profissão embora só aos poucos seja reconhecida.
    Você descreveu muito bem em que consiste um bom profissional.
    Parabéns pelo site e muito bom trabalho!!!
    Denise de Castro.

  114. Ainda não curso faculdade, estou muito indecisa. Mas, me interessei muito por um curso técnico oferecido aqui em Petrópolis-RJ de design de interiores. Podendo também complementar com outros cursos como: arranjos florais, autocad 2D, básico em decoração, organização de espaços residenciais, revit architecture básico. Aqui as faculdades não disponibilizam este curso, mas achei pelo Senac conhece?
    Gostei muito do seu blog. Muito explicativo e as fotos são deslumbrantes. O que me apavorou um pouco é que você cita nas disciplinas desenho. E eu sou PÉSSIMA em desenho. Seria interessante entrar para um curso de desenho antes? O que eu teria que aprender em específico?
    Estou encantada com a profissão.
    Aguardo resposta!

  115. >>>Eu sou jovem mas, já estou pensando sobre o que vou fazer quando crescer.
    Eu acho DESING DE INTERIORES uma excelente formaçao e é algo que eu curto:que e transformar ambientes, moda, tendencias.<<<
    E…
    Eu gostei muito desse blog pois abriu mais meus horizontes a respeito dessa profissao!!!
    bjs!

  116. Cristina,
    o melhor é você buscar a consultoria de algum profissional aí da tua região.
    Outra forma de conseguir essas “dicas” é assistir a filmes que mostrem esse período e suas peculiaridades.
    abs e sucesso.
    .
    Josie,
    sucesso em seu curso!
    .
    Flavia,
    opte sempre pela maior titulação.
    cursos técnicos são aqueles do ensino médio.
    cursos tecnológicos são os de nivel superior.
    quanto ao mercado de trabalho, isso depende de cada um. De seu esforço e de sua criatividade.
    abs e sucesso.
    .
    Denise,
    grato.
    abs
    .
    Luciana,
    todo e qualquer curso extra que você puder fazer é bem vndo. Como nossa área sofre constantes “evoluções” com a frequencia com que são lançados novos matewriais e produtos, é sempre bom manter-se atualizado.
    Sobre desenho, eu também só desenhava aquelas casinhas e bonequinhos de palitos antes do curso. No entanto, no seu caso é indicado a você buscar cursos extras de desenho a mão livre também. Desenho de observação, perspectiva, estudo da forma e outros que você certamente encontrará em algum ateliê ai de sua cidade ok?
    abs e sucesso!
    .
    Bárbara,
    siga seus sonhos!
    grato pelos elogios!
    abs

  117. Olá Paulo, sou estudante do colegial e sempre quis fazer design de interiores,mas nunca achei faculdades pra isso.Bom,eu conversei com uma amiga da família que é formada na área, se não me engano,ela estudou na Escola de Belas Artes de São Paulo e gostou muito.Pretendo fazer o curso,mas antes pensei eu fazer Desing na UFPE(Faculdade Ferderal de Pernambuco.) para ficar mais familiarizada com a aréa antes de me especializar em Design de Interiores.Enfim, você acha que vale a pena?

    Abraços!

    • Gabriela,
      todo curso é válido.
      O da Belas Artes é excelente e não erro ao afirmar que é um dos melhores do Brasil.
      Se o curso da UFPE for na área de produtos é uma exelente escolha, se for gráfico, parta direto para Interiores ok?
      abs e sucesso

    • Todas são boas
      agora vai de você escolher a que tem mais o teu perfil.
      Digo isso pois tem muito a ver com a região que você vai atuar profissionalmente, a linha de projetos que pretende focar mais especificamente (residenciais, comerciais, eventos, etc) e outros fatores.
      O mais interessante é você definir isso e ir conversar com os coordenadores e alunos dos cursos pretendidos.
      abs

    • nao é necessário, mas terá de aprender no curso. Portanto, se ja entrar no curso com alguma noção de desenho é bem melhor.
      abs

  118. ola td bem??
    vou começar a fazer o curso técnico do Senac, queria saber de você, uma pessoa que ja esta no mercado, se é reconhecido pelo mercado.
    Muito obrigado pela disponibilidade…

    • Helder, o reconhecimento vem através do teu trabalho e esforço proprio.
      Tudo vai depender unica e exclusivamente de você e sua capacidade empreendedora.
      abs

  119. Olá Paulo, recentemente parei com o curso de engeheria têxtil, e depois de muita análise percebi que o curso que eu deveria fazer seria designer de interiores, pois sempre fui uma pessoa muito detalista e que quando entro em um ambiente diferente já fico logo imaginando formas, cores, móveis. Comecei a perceber também que quando eu entro na internet, logo vou pesquisar e procurar me informar sobre decoração e novas tendencias e as vez me pego imaginado ambientes. Bom depois de ter te relatado tudo isso, tenho vocação? Adorei ter entrado nesta página na web e ter te conhecido e tirados algumas dúvidas.

    Muito agradecida!
    E desejo muito sucesso!

    • Patricia, certamente você tem uma veia forte para a área. Porém gostar e ter um senso estético refinado nao basta.
      Você tem de estar disposta a aprender diariamente, atualizar-se constantemente e entregar-se de corpo e alma à profissão que exige e muito de nós ok?
      abs e sucesso no curso

  120. Olá!esclareci muitas dúvidas aqui, adorei tudo que vi sobre
    designer de interiores,e decidi que é isso mesmo que quero
    fazer!Só gostaria de saber se o curso tecnológico é bom, por
    que moro em cuiabá MT e aqui a unic oferce o curso de designer
    de interiores em 4 semestres. Me enterecei muito por ele,mas
    tenho medo de fazer e não corresponder as necessidades do
    mercado de trabalho, gostaria muito de saber se vale apena fazer…
    Desde já agradeço e aguardo ansiosa por uma resposta.

  121. Raquel,
    tratando-se de um curso superior, vale a pena sim investir.
    Quanto a responder às necessidades do mercado vale lembrar que todos os cursos, seja técnico ou superior, vai depender da dedicação do aluno especialmente. Da mesma forma que a busca constante por atualização através de cursos extras e pesquisa constante também. Atualizar-se sempre!
    Não conheço essa universidade e nem o curso oferecido por ela. Numa analise básica, a lista de disciplinas parecem interessantes, porém faltam os dados como o ementário, que explica individualmente o que vem a ser cada uma delas.
    abs

  122. Boa Noite Paulo!!!

    Terminei recentemente uma graduação em Administração de Empresas, porém, na metade do curso, já sabia que tinha errado na minha escolha.
    Tentei entrar numa gradução de Arquiteura e Urbanismo aqui em Fortaleza-CE, mas por questões financeiras, não pude iniciar essa graduação.
    Para não perder tempo, resolvi fazer uma pós em Iluminação e Design de Interiores na escola IPOG, e só após a conclusão, partir para graduação de Arquitetura ou mesmo a Faculdade Tecnologica na FIC. Gostaria de saber sua opnião sobre meu dilema…

    Obrigada e Parabéns pelo blog

  123. Ah, o detalhe é que as aulas da Pós só iniciarão em Setembro, portanto, ainda daria tempo de inverter os papeis.
    Estou certa que essa é a carreira a seguir, só estou um pouco perdida nas escolha acadêmica entende…

  124. Ola Paulo. Extremamente funcional e elucidativo o seu blog Parabéns! Li detalhadamente as perguntas, cuja as respostas objetivas me deram um norte. Entretanto, em virtude do meu histórico profissional tenho ainda algumas perguntas e conto com vc.
    Sou jornalista há 14 anos e atuei bastante na minha área. Mas com o advento desregulamentação da profissão, estou decidida a mudar de área (coisa que venho considerando há alguns anos). Na realidade, fiz jornalismo pela oportunidade na época e não por paixão à profissão. Sempre adorei profissões relacionadas à moradia. Há anos tenho como hobby a pintura/texturização de paredes, móveis etc, pq adoro e nunca fiz cursos, aprendi tudo sozinha. Assino revistas de design ou arquitetura, mas não assino Veja (rsrsr). Meus programas preferidos são relacionados a isto. Enfim. Respondendo às suas colocações sobre arquitetura e design, sinceramente adoro os dois e por isso preciso entender algumas coisas a fim de decidir. Li num post a revolta de uma profissional relatando que os designers são preteridos ao arquitetos nas contratações dos projetos, sub entende-se que o mercado de trabalho está sendo de certa forma “desbravado” ou que há uma “richa”entre as classes. Afinal de contas, qual a diferença na prática de um arquiteto, especializado em interiores e um designer de interiores? A profissão ainda não foi regulamentada? Se não, qual orgão que fornece a chancela à mesma? Li tb que vc começou “mais maduro”na profissão. Pergunto: como é a aceitação do mercado para pessoas na faixa dos 40anos? Outra pergunta: Existe limite de metragem na assinatura de uma planta/projeto para um designer? OU seja, o curso técnico te permite assinar uma planta até uma metragem e o superior aumenta esta metragem? Vc tb comentou acima sobre o designer que trabalha em loja de moveis, mas de fato, não é isso o que acontece pelo fato do mercado ser um tanto ofuscado pelos arquitetos?
    Desculpe o elenco de perguntas, mas preciso apurar bastante o assunto para decidir-me por qual caminho seguir.
    Obrigada pela paciência
    Abraços

    • Olá Ana Paula,
      agradeço os elogios e fico feliz que meu trabalho tenha te auxiliado de alguma forma.
      Sobre a desregulamentação do jornalismo, resumo em uma palavra: sacanagem.
      Realmente o mercado ainda não absorveu exatamente o que vem a ser esse tal de Design de Interiores/Ambientes. É uma luta diária mas acredite, altamente compensadora e gratificante. Estamos ainda, como você colocou, desbravando o mercado, especialmente nas cidades fora dos grandes eixos. Mas é uma batalha mercadológica, comum à todas as outras profissões.
      Sobre o termo “richa”, não vejo bem assim, ao menos por parte dos designers. O que acontece é que “alguns arquitetos” – não todos – viviam tranquilamente exclusivamente da decoração de interiores e com a chegada de um grupo de pessoas especializadas não em decoração, mas em Design de Interiores, com projetos excelentes em todos os aspectos, acabaram por melindrar-se por perceber que certamente perderiam esse precioso e rentável nicho mercadológico e começaram a nos atacar e denegrir. Nos acusam de coisas absurdas porém desconhecem completamente qual é a nossa real formação, as disciplinas que cursamos e que nos habilitam para fazer o que propomos. Portanto, vejo-os hoje como cães que ladram, mas juridicamente falando, não mordem uma vez que estamos resguardados pela Constituição Federal que é superior a qualquer outro órgão ou vontade/interesse de um grupo.
      O Design aqui no Brasil ainda não é regulamentado infelizmente pois além de nossos governantes confundirem Design com artesanato, eles sofrem “pre$$ões” de entidades de classe que, dizem, tem a mesma formação e atribuição que as nossas.
      Sobre entidade que chancele a profissão de Design de Interiores, não temos nenhuma séria e honesta que mereça ser considerada. Tem uma associação que acredita que um dia será o Conselho Federal, porém é uma que não consegue fazer a distinção entre decorador, designer e arquiteto e que, puxa a sardinha para o lado dos arquitetos.
      Porém vale ressaltar que a própria CF diz que “ninguém é obrigado a associar-se a qualquer associação, entidade de clase, sindicatos, etc…” Eu não vi vantagem alguma até agora para associar-me, muito pelo contrário como pode ver em diversos posts aqui neste blog. É só buscar por ABD.
      A questão da idade é um ponto que depende única e exclusivamente de cada pessoa. Se você correr atrás, batalhar mesmo, tiver força de vontade certamente conseguirá a sua colocação no mercado, presumindo que você pretende ser autônoma. Já se a sua intenção é ir para lojas, tudo vai depender de seus contatos pessoais e profissionais.
      Sobre assinar plantas, a vantagem do trabalho do Designer é que não há essa exigência. Talvez daí a richa contra nós. A questão é que não trabalhamos com estruturas, portanto não há essa necessidade. Mas, caso haja a necessidade de intervenções estruturais para melhorar e viabilizar algum projeto, certamente você encontrará vários arquitetos e engenheiros abertos à parcerias.
      As lojas já estão percebendo a diferença que faz ter entre seus vendedores, profissionais de Design de Interiores. Essa realidade já está bem melhor para nós.
      Um ponto que achei bastante interessante em você é a sua formação em jornalismo. Infelizmente carecemos de profissionais que conheçam realmente o que vem a ser o Design e todas as suas áreas, as diferenças entre Design e Arquitetura e Artesanato enfim… Quem sabe você não consiga casar as duas coisas e venha a ser a primera jornalista especializada em Design, que saiba falar com propriedade sobre o assunto. Só dependerá de você. E todos nós agradeceremos!
      Bom, espero ter conseguido responder às suas indagações. Sinta-se a vontde para questionar mais ok?
      abs e sucesso!!!

      • Obrigada Paulo pelas respostas. Bem qto a ser jornalista com especialização (pós em Design?) É possivel? Não é necessário um bacharelado afim para que eu possa fazer esta pós?
        Qto ao mercado conversei com algumas pessoas e entendi o seguinte: (me corrija por favor, caso eu tenha entendido errado)
        1- O profissão designer de interiores, na prática é exercida preferencialmente em lojas de moveis modulados, onde (infelizmente) o autocad faz a maior parte do trabalho.
        2- Isto acontece porque os arquitetos exercem a função multifacetada de criar o ambiente externo e interno, uma vez que a maioria não tem especialização em Design, mas sabe projetar uma casa, nada impede-os de na prática elaborar o principal de um ambiente (buá buá buá)-
        3- Comprovei isto numa pesquisa de campo. Fui em dezenas de lançamentos de apto e casas e percebi que os decorados, OS são em 90% por arquitetos e o restante por decoradores. Vi apenas uma identificação de ambiente projetado pelo designer tal. verifiquei isto em SPaulo e interior (raio de 100km da capital)
        4- o mesmo procedimento em lojas de moveis e decoração. Lá os “vendedores” são designers ou decoradores (O que eu não sei o que diferencia um do outro rsrs) simplesmente porque não há mercado de trabalho. ORa porque é um mercado eletizado onde os arquitetos predominam, ora porque o BRasil (ainda que na classe média) não tem “cultura”para entender o que é um design de interiores e suas forma de atuação. Só o People and Arts e discovery homer health para explicar com aqueles programas maravilhosos de design.

        Porque os arquitetos tem habilitação para design?
        Desculpe as perguntas Paulo, estou em fase de reengenharia profissional e preciso ter muita certeza do que vou fazerg entende?
        Em suma, estou bem triste

  125. Giselly,
    Sinceramente, apesar dessa pós do Ipoggo ser excelente, não acredito ser a melhor opção para você pelo fato de que você não tem conhecimentos e domínio sobre o que é projetar.
    Layoutar já é complicado, fazer isso com iluminação/elétrica é mais ainda e se você não tiver o domínio em cima de projetos, pouco conseguirá assimilar realmente.
    Creio que a melhor opção para você seja ir direto para um curso superior, seja arquitetura ou Design de Interiores. Depois você entra pra essa ou outra pós.
    No entanto, vale lembrar que você tem de definir muito bem o que quer fazer:
    1 – se quer construir, faça arquitetura
    2 – se não deseja construir mas quer trabalhar os espaços para melhorar usabilidade seja funcionalmente ou esteticamente, parte direto para Interiores.
    Espero ter clareado as coisas para você.
    abs e sucesso!

  126. Olá Paulo, o site é muito interessante e acho ótimo este espaço para tirar algumas dúvidas. Eu tenho uma que está quase me matando.
    Moro em São Paulo e sou formada em Publicidade pelo Mackenzie. A área de design de interiores e decoração me interessa muito. Estou interessada em fazer um curso técnico de Design de Interiores e não consigo me decidir entre o Senac e a ABRA (Assoc. Bras. de Arte).
    As duas escolas são aparentemente boas, mas o curso da ABRA parece ser mais completo.
    Qual das escolas você acha que me dará uma base mais sólida e completa de aprendizado?
    Tem alguma outra sugestão melhor?
    Obrigada.

  127. Olá Paulo gostaria de saber quais as pós disponíveis
    para um designer, aqui onde moro, em cuiaba parece que
    não ha nenhuma.Fiquei sabendo de uma garota que fez
    designer aqui, mas fez pós no rio de janeiro…..
    gostaria muito de ter essa informação!
    abs

  128. Oi Paulo!! Moro em Salvador, e sou formada em Comunicação social. Agora pretendo fazer design e vendo seu blog gostaria de tirar algumas duvidas.
    O mercado esta crescendo muito nesse setor e queria saber qual a facu ou escola q vc me indica para fazer esse curso aqui em salvador??
    Eu ja tenho Autocad 3D, ele ajuda no curso??

    Obrigada!!

  129. Ola Paulo,
    Parabéns mesmo pelo blog,foi maravilhoso ler todas as perguntas e suas respostas sobre a profissão.
    Bem sou técnica de enfermagem,mas não estou feliz,não tem reconhecimento é um area que temos que nos privar de uma vida social apesar de gostar muito de cuidar de pessoa enfim,quero mudar da agua p/ o vinho,estou confusa pois não tenho noção de desenho a mão e estou em duvida entre enfermagem padrão ou design de interiores gosto muito da minha profissão mas sou facinada por decoração ou seja conhecendo melhor a profissão por design de interiores..
    Gostaria de saber sua opinião sobre a faculdade panamericana de artes se é uma boa escola?Obrigada por sua tenção,aguardo sua resposta por e-mail.Solange

  130. Mariana,
    fica difícil dizer qual é melhor uma vez que o Senac não disponibiliza a matriz curricular como a Abra faz.
    Porém, independente de matriz curricular, o que pude perceber é que os valores estão altos. Com esses valores você consegue fazer um curso superior (tecnólogo) que certamente é bem mais completo, só um pouco mais longo.
    abs
    .
    Raquel,
    fz tempo que venho tentando fechar uma pesquisa sobre cursos de pós mas me falta tempo para isso.
    De imediato só sei te informar sobre a pós em Iluminação e Design de Interiores ofertado pelo Ipoggo, é a mesma que está sendo ofertada aqui em Londrina e que consta desse post>

    http://paulooliveira.wordpress.com/2009/08/09/pos-em-iluminacao-ipog/

    espero que te ajude.
    abs.
    .
    Lucy,
    dê uma olhada neste tópico:

    http://paulooliveira.wordpress.com/2008/06/30/design-de-interiores-cursos/

    Sobre CAD3D, sim vai ser bastante útil durante o curso e futuramente em sua profissão.
    sucesso!
    .
    Solange,
    a Panamericana é excelente!
    abs.

  131. Bom, vamos lá Ana Paula.
    Depende muito do foco que você quer dar para a sua pesquisa. Se você quiser apenas entender o que é Design e como é o mundo do Design para poder escrever com propriedade sobre o assunto em suas matérias não se faz necessário o curso superior específico. Se você quiser trabalhar como Designer, aí sim.
    Sobre as suas questões:
    1 – não é verdade. que acontece é que algumas pessoas se fomam e acabam optando por trabalhar em lojas e/ou lojas que estão pagando os cursos para seus funcionários. De qualquer forma, o AutoCAD e o PROMOB fazem gande parte de tudo. Mas isso não acontece apenas com os designers, tem muitos arquitetos tabalhando em lojas também. Creio que seja mais uma questão de escolha pessoal.
    2 – Na verdade, eles tem muito pouco durante o curso sobre ambientação. No máximo uma disciplina específica nisso ao contrário dos Designers que estudam e pesquisam exatamente isso durante todo o cuso. Tanto é verdade isso que é só observar as turmas de especialização em Design de Interiores: estão repletas de arquitetos.
    3 – Sim, as construtoras ainda não perceberam, ou se abriram para, os designers infelizmente. Mas isso depende unica e exclusivamente de nós. Se eles desconhecem, é por falha nossa mesmo que não temos atuado no sentido de conscientizar o mercado. Eu sempre que possível e necessário faço a minha parte, mas não sei dizer dos outros pofissionais.
    4 – como ja coloquei anteriormente, é uma questão de escolha pessoal. Se você quer ser um profissional autônomo, tera de arcar com as consequencias de um mercado altamente competitivo onde os clientes são disputados “na unha”. Aqueles que não tem esse perfil, ou sangue frio para isso, acabam indo parar dentro da segurança de um emprego.
    5 – Os arquitetos NÃO TEM formação em Design. Isso é balela. Poucos cursos de arquitetura oferecem – e quando oferecem – apenas disciplinas como “introdução ao Design” ou “história do Design”. Porém a parte ferrada mesmo de projeto eles não passam nem longe… na verdade ficam bem longe. Portanto, não eles não são Designers, por mais que gritem e esperneiem. É só você observar alguns detalhes típicos do Design nos projetos deles e perceberá que de Design, não tem nada.
    Bom, espero ter te ajudado mais uma vez. Sinta-se à vontade para aparecer mais vezes ok?
    abs e sucesso

  132. Oi, eu adoro decoração. E pensei em fazer um curso de designer de interiores, mas tenho dúvida se só fazendo um curso basta, ou tenho que fazer uma faculdade? Moro em Curitiba e não onde tem curso apenas vi no Senac. Como é a entrada no mercado de trabalho, onde vou achar vagas pra trabalhar ou é um trabalho autonômo.
    Obrigada me ajude

  133. Nossa adorei seu blog… mega completo…
    Tenho muitas dúvidas sobre a profissão e essa é uma das minhas opções para cursar no próximo semestre, quero fazer o tecnológico da UVA no Rio pois dpois posso fazer mestrado e tal, mas queria saber sobre base salarial, concorrência, mercado de trabalho, perspectivas de crescimento dentro da profissão.
    Peço que me esclareça tais dúvidas.
    E tbm vou ter que fazer um curso de desenho pois sou uma negação nisso…kkk

    abçs e obrigada

    • Mayara,
      tecnólogos não podem fazer mestrado ou doutorado, porém as especializações sim.
      Mestrado e doutorado são pós voltadas mais especificamente para o meio acadêmico: pesquisadores e pofessores. Para a atuação profissional, as especializações bastam.
      A base salarial, concorrência, mercado de trabalho dependem muito da região em que você mora. Nesse sentido, seria melhor você conversar com profissionais aí da tua região ok?
      Já a perspectiva, isso depende unica e exclusivamente de cada profissional.
      O mercado está aí e em franca expansão.
      Abs e sucesso.

  134. Olá, faço técnico em desing de interiores no senac. Todos os meus projetos são feitos a mão. Gostaria de comprar o programa promob, que é usado em muitas lojas, para agilizar.
    Porém não acho nenhum tutorial pra que eu possa aprender a usá-lo.
    Você sabe de algum lugar que ensine o programa? Ele é realmente bom?

    Desde já, agradeço.

    • Lilian, não vejo o promob como ferramenta para Designers. É uma ferramenta para vendedores especialmente que limita muito a criatividade e inventividade dos profissionais de Design.
      Não uso e não indico.

      • Olá Paulo, agradeço pela resposta. Mas já que não indica o promob, o que vc acha do sketchup?
        É que depois de aprender um programa que agilize, quero aprender um 3d max ou artlantis.
        Pelo o que eu vi, os projetos ficam muito bons nestes programas.
        Aguardo resposta, obrigada!

      • Lilian,
        tenho visto alguns trabalhos muito bons realizados com o Sketchup, mas confesso que não trabalho com ele.
        Um programa bastante interessante que estou testando é o VDMax 2.0 PE. Bastante intuitivo e possibilita a construção de elementos que não existem na biblioteca. A iluminação ainda não é realística mas o 3D de um modo geral é excelente. Para “agilizar” é “mara”.
        E o melhor: é baratinho.

  135. Olá, andei me informando sobre a profissão e me compatibilizei muito, vi um comentário sobre matemática no design de interiores , gostaria de saber se essa faculdade tem a ver com matemática . Obrigado

  136. Paloma,
    sim e não. Ao menos as operações básicas e geometria são usadas sim com frequência. Depois entram em casos específicos outros cálculos, especialmente nas áreas de conforto ambiental.

  137. Vou prestar vestibular para Design de Ambientes este ano na UEMG. Você não sabe o quanto me ajudou. Respondeu todas as minhas dúvidas, e me fez ter ainda mais certeza de que esta é mesmo a área em que eu quero trabalhar. Valeu!

  138. opa!
    e ai paulo eu denovo depois de tanto tempo!
    poisé , no meu primeiro post escrevi que queria fazer design de interiores.
    mas agora acabei de concluir o curso de web design e estou fazendo alguns trabalho
    na area, mas o gosto pelo interior não acabou srsr.. pretendo me formar nessa area,
    e eu queria uma opinião de um profissional!
    estou afim depois de me fomar em interior , seria possivel montar um estudio
    de web e interior???

    pois eu penso que seria uma otima ideia!!
    e nova ainda!

    valeu e espero retorno

  139. Oi, boa noite Paulo.. cai de para quedas aqui, estava procurando algo que falasse sobre o curso de desingn de interiores e achei esse blog… comecei um curso tecnico de desing de interiores no senac do DF é a primeira turma, tive só três dias de aula, ah mas estou muito anciosa e fiquei mais ainda depois que li sobre o que você diz a respeito do curso.. adorei.. esclareceu bastante minhas duvidas, espectativas e também percebi que tem várias opções e ambientes de trabalho.. o que me motivou a procurar este curso foi conviver no ambiente de fabricaçao de moveis.. achei interessante e vi que posso ter minha participação… Parabéns pelo seu blog, me motivou ainda mais… Sucesso.. Grande abraço.

  140. Olá
    vou entrar na faculdade Senac, e estou muito interessada em fazer designer de interiores. Mais queria saber c precisa muito de matemática? c usa muito contas e etc…
    pq sinceramente, não so boa em contas! rs
    espero a resposta!
    obrigada =]

  141. OLÁ.. estou no 1º ano do ensino médio, e estou bastante preocupado com a minha profissão no “futuro”.. não sou muito bom em matemática.. por isso gostaria de saber se necessita de muita matemática em design de interiores? tipo.. calculos mais complexos..
    Também tenho duvidas quanto ao sálario.. li o que vc escreveu.. mas queria ter mais ou menos um valor… para depois não me arrepender do que fiz…
    P.S.: A cidade na qual moro é Caxias do Sul – RS. acho que aqui me daria bem com esta profissão…

    PEÇO A GENT ILEZA, DE ESCLARECER MINHAS DÚVIDAS..

    AT.
    Rodrigo

  142. Rachel,
    fico feliz que meu blog tenha esclarecido algumas coisas para você.
    Sucesso no curso e na carreira profissional!!!
    abs

    Patrick,
    pode ser sim em excelente negócio afinal você saberá exatamenta quais são as necessidades dos profissionais da área de Interiores/Ambientes no que dis respeito aos sites, maillings, etc.
    abs e sucesso na empreitada!

    Carla,
    grato pelos elogios e desejo sucesso a você em seu curso e ao cirso que é novo.
    No entanto, ressalto que tudo o que eu coloco aqui é o que seria o ideal que um curso oferecesse e, lembre-se que escrevo sempre voltado para os cursos de nível superior (tecnológico e graduação). No entanto, as dicas valem para todos e servem de base para os alunos saberem o que devem cobrar dos professores. Sabemos que tem muitas faculdades oferecendo cursos e que os conteúdos são péssimos. Portanto fica a dica: cutuque e sugue ao máximo seus professores.
    abraços e sucesso!

    Thalia e Digu,
    sim precisa de matemática no curso.
    Não é aquela pesada de cálculos estruturais, mas existen outros cálculos necessários.
    abs.

  143. Oi, Paulo,
    Incrível, mas foi difícil encontrar o fim da fila dos comentários rsrsrsr…
    Parabéns pelo seu espaço. Muito instrutivo.
    Tenho 40 anos e sou professora, formada em Letras, com pós-graduação em Linguagens e Códigos pela Universidade de Brasília. Sempre gostei de decoração e os amigos dizem que tenho muito bom gosto na decoração da minha casa. Por ser curiosa, descobri seu blog e já pensei e penso muito em fazer Design de Interiores (tecnólogo). Seria um curso que me daria muito prazer e uma nova opção para seguir (principalmente depois de me aposentar!!!). O que você aconselha? Não sei por onde começar e não sou boa em desenho. Não tenho nenhuma pretensão de ser “igual a você quando eu crescer”, porém vou me dedicar e trabalhar com alegria.
    Aguardo sua resposta. Obrigada por sua atenção.
    Abraços.

  144. Vc acha q vale apena fazer tecnologo de design,mnoro em curitiba e na minha cidade tem uma faculdade q tem curso tecnologo de desing de interiores e estou mto afim de fazer mas tenho medo de nao valer a pena e nao conseguir estagio ou emprego ne area..
    Essa area me chama mto atencao e quero mto seguir essa proficao,dai vem arquitetura,design grafico em fim tudo q envolve essa area.

  145. Nossa, a cada dia que passa eu vejo que nasci pra isso, tenho 15 anos e a muito tempo sei que vou fazer Design interiores e ambientes, todos meus amigos acham loucura. só pq DIREITO e MEDICINA faz a cabeça do povo. Mais é disso que eu gosto e é isso que vou fazer. literalmente ADOREI esse site, esses comentarios me deram ”gás”. Obriigada Paaaulo Oliveira, Muito grata. Isabelle Spinelli

  146. Olá …
    Eu sou de São Paulo , Eu trabalho com Plantas Artificiais , já tem dois anos quando eu comecei foi assim minha mãe era fornecedora de Plantas Ornamentais Em especial o ” Bambu Mosso ” através disso um dia ela viu no Ceagesp onde ela trabalhava um que era artificial porem tinhas o tronco e os galhos naturais e as folhas artificiais , como eu estava desempregada ela comprou todos os materiais para mim e me explicou como que era feito ( eu nunca tinha visto um ) atravéz da simples explicação dela eu montei o primeiro que não ficou tão bonito (risos) más apartir do segundo fui me aperfeiçoando e hoje faz muito sucesso e meu trabalho é reconhecido , eu amo muito isso que eu faço más já estou com 20 anos e quero ter um curso superior não sei oque eu faço de inicio pensei em Paisagismo , depois arquitetura , eu acho que o ideal mesmo seria o Design de interiores , Estou muito animada quero prestar vestibular para começar no inicio do ano que vem , mas meu maior medo é que eu não sei desenhar e acho que nem tenho dom para isso, e tambem não tenho nem noção no autoCad e tenho certeza que isso vai me fazer ficar perdida na faculdade ??? tenho medo de começar e ter que abandonar o curso , sou muito esforçada … porem insegura!

  147. Oi Paulo,

    Estive dando uma boa olhada no seu blog e me interessei muito em fazer Design de interiores. Sou formada em Publicidade e Propaganda e trabalho muito com desenho gráfico, porém no Corel, Photoshop…Quando baixei o Blender fiquei sem saber por onde começar!!! A linguagem é totalmente diferente de tudo que aprendi, sei que é em ambiente 3D, por isso…help me! Onde posso ter um curso de Auto Cad inicial??? Moro em Cabo Frio e até a pós-graduação na UVA daqui não tem ainda, só no Rio – Barra.
    Obrigada desde já,
    Drika.

  148. olá paulo eu aqui denovo com mais uma duvida sr. mas essa agora é importante!

    queria saber como está o mercado para design de interior, as pessoas realmente estão contratando um ? os designer de interior estão ainda “vivendo” nas sombras dos arquitetos ou estão conseguindo se manter no mercado!
    Eu sei que em todas as profissões tem uma certa dificuldade e tal!

    pois vejo muitas pessoas deixando de fazer DI para fazerem arquitetura afirmando que não tem mercado para esse tipo de profissão, que a maioria das pessoas preferem contratar um arquiteto doque um DI.

    obrigado pelo espaço e aguardo resposta!

  149. wowww, depois de um tempo sem tempo algum, vamos lá, rspondendo:

    Luciana,
    bom, comece pela escolha de um bom curso superior.
    O que você pode fazer antes disso, como já coloqueiem outros comentários acima, é procurar cursos de desenho antes de entrar na faculdade – ou até mesmo durante ela.
    Não queira ser “como eu ou outro alguém”. Seja simplesmente você.
    abs e sucesso!

    Thalia,
    o curso do Senac e técnico. É bom? Sim, muito bom, porém eu sepre indico às pessoas buscar um curso de formação superior. Mais amplo e maior valor do diploma.
    abs e sucesso.

    Emerson,
    isso depende do que você quer para a sua vida profissional.
    Vale a pena para quem gosta dessa área? SIM!E muito.
    Porém isso quem tem de decidir é você.
    abs e sucesso!

    Belle,
    fico feliz que meu trabalho tenha te auxiliado e esclarecido.
    abs e sucesso!

    Daniele,
    Uma outra opção para você seria Artes Plásticas.
    O problema de não saber desenhar e não dominar o autocad vai ser suprido durante o curso e você também tem a opção deja começar a fazer cursos extras dedesenho e autocad fora da faculdade para nao entrar tão crua no curso.
    abs e sucesso.

    Adriana,
    autocad é um curso comum no Senac.Dê uma olhadinha no mais proximo de você ok?
    abs e sucesso!

    Patrick,
    Sim estão contratando. Porém isso varia de região para região.
    Essa história de “viver à sombra” é puro melindre de arquitetos que não se encontraram na arquitetura e vivem de interiores. São pessoas que ainda não entenderam o movimento do mercado e não tem noção do quanto uma PARCERIA entre arquiteos e designers é positiva. Portanto, não dê ouvidos à esse tipo de comentários desprovidos de conteúdo e conhecimento sobre a nossa área.
    abs e sucesso.

  150. Boa tarde Paulo, sou designer de Interiores, mas trabalho há 15 anos como projetista de móveis planejados. Nesse tempo, trabalhei em muitas lojas como consultora. Em 2008 arrisquei trabalhar como autônoma. Hoje faço projetos para marcenarias como freelancer.
    Gostaría de obter um modelo de contrato de prestação de serviços, podería me fornecer?
    Obrigada

    • Juh,
      depende para qual finalidade é este contrato.
      No seu caso me parece que envolve mais que um contrato. Se entendi bem, você teria de trabalhar além do contrato, com um termo que verse sobre os direitos autorais (cessão ou não) além da forma específica de remuneração.
      Descreva corretamente as etapas que você faz nessa “prestação de serviços” para que eu posso ser mais específico ok?
      abs

  151. Oi, eu queria saber se é precisso de habilidades em desenhos para fazer design de interiores..
    porque eu sou péssima em desenho e matemática, rsrs
    obrigado, aguardo resposta! :D

    • Bruna,
      de inicio, para entrar no curso, geralmente não. Mas durante o curso você terá disciplinas específicas em desenho que terá de cumprir/aprender.
      Já com relação à matemática, tem sim mas nada que assuste ok?
      abs

  152. Bom dia, Paulo!

    Estou pretendendo fazer técnologo de Design de Interiores na FIAM/FAAM, porém estou com dúvida quanto à faculdade. Ela é boa? É reconhecida pelo MEC?
    Me falaram também que é melhor fazer bacharelado do que técnologo. Qual é exatamente a diferença entre os dois? O que você me aconselha?

    Obrigada!

    • Olá Rita.
      pelo que pude perceber pela matriz curricular parece ser um excelente curso. Contempla inclusive áreas que a maioria dos cursos não contempla.
      Sobre a diferença entre tecnólogo e bacharelado, a principal é o tempo. Porém, o tecnólogo é mais voltado para o mercado de trabalho, mais prático. Tem a teoria mas predomina a prática. Já no bacharelado, por ter mais tempo, aprofunda-se mais na teoria aliada à prática. Basicamente é isso.
      Quanto à um ser mais reconhecido que o outro, depende de cada profissional. Você pode ser um tecnólogo melhor que muitos bacharéis. Eu sou tecnólogo, porém não me limitei ao meu curso e estou sempre atrás de atualização/aperfeiçoamento. Estou em minha segunda pós, isso sem contar os cursos extras que já fiz.
      abs e sucesso!

  153. Paulo, obrigada pela ajuda.
    Seu blog é excelente. E desde antes de eu começar o curso já vem me ajudado muito.
    Sucesso pra você!

  154. foi muiot esclarecedor a suas respostas , mas gostaria de saber o seguinte,
    eu vou começar a fazer o tecnico de design de interiores em uma etec, para depois fazer faculdade de arquitetura, voce teria alguam sugestão, voce acredita que o tecnico seja uma boa opção para engresar nessa area de design ?

    obrigada

    beiijoos

    • Olá Marina,
      depende do que você quer profissionalmente.
      se quiser trabalhar com Interiores, não precisa fazer arquitetura, porém um bom curso SUPERIOR em Design de interiores/Ambientes.
      Só faça arquitetura se a sua intenção realmente for entrar para o mercado da construção.
      abs e sucesso.

  155. Oi,
    Tenho uma duvida em relação ao curso de Designer de Interiores e gostaia muito que você pudesse me ajudar.

    Vou fazer faculdade de Designer ano que vem, pois decorar é a minha paixão, no entanto eu não sei desenhar nada. Isso influi em alguma coisa na faculdade, eu sou abrigada a saber desenhar???
    Por favor responda minha pergunta pois ainda não conheço nenhum profissional da área para me orientar.

    Obrigado
    OBS: adorei seu Blog.

  156. Tenho grande interesse em estudar design de interiores, já sou formado em Geografia, e cada vez mais procuro entender a profissão de designer de inteirores. sempre gostei de decoração, de tentar modificar os lugares dos móveis nos espaços , dando palpite na decoração da casa da minha mãe. E agora pretendo cursar um curso de faculdade nesta área,porém não sei desenhar muito bem. tenho idéias mas não sei colocar-las tecnicamente no papel. Como proceder?

    • Andre,
      procure fazer uns cursos extras de desenho em alguma escola de arte…
      desenho de observação, perspectiva, luz e sombra.. assim você já chegará ao curso com o traço solto, o que facilitará e muito a sua vida.
      abs

  157. Olá Paulo,

    Como foi comentado várias e várias vezes, parabéns, as suas informações são claras e objetivas. A minha dúvida ou a minha apreensão, é em relação a iniciar na carreira de design de interiores como free-lancer, muitas dúvidas você já sanou, algumas delas persistem. Como por exemplo, devo deixar cartões de visitas junto a imobiliárias para decorar imóveis novos e usados? Como sou iniciante apresentar um portfólio escolar com poucas opções e nada muito concreto não pode acuar o meu possível cliente? Não apresentar nada ou declarar que eu sou iniciante, também não vai incorrer na mesma situação? São dúvidas de quem ainda não iniciou, mas que está pensando em todas as possíveis situações. Como você se mostra bastante experiente, por favor, me passe algumas orientações. E a propósito você menciona a orientação de uma leitora em uma das resposta “como cobrar por um projeto” mas eu não encontrei o texto, por favor, passe também essa orientação.

    • Mariza,
      bom, adentrar no mercado é complicado para qualquer profissão. Porém na nossa temos de levar em consideração um ponto fundamental: ter visibilidade, estar visível.
      Isso pressupõe que devemos sempre estar no meio social, ter uma vida social cheia onde qualquer novo contato é bem vindo. Todos são prospects, até mesmo os amigos.
      Se você não tiver um bom contato com o pessoal da imobiliária, é muito pouco provável que dela sairá algum cliente para você. E assim também é nas relações com lojistas.
      Portanto, aumentar sempre o seu circulo de relações e claro, distribuir cartões. É um investimento necessário.
      Sobre portfolio, realmente para os iniciantes é complicado. No entanto você pode começar fazendo pequenos projetos para amigos, mesmo que de graça, apenas para ter algo real para colocar em seu portfolio. Outra opção é montar espaços em lojas.
      Sobre como cobrar um projeto, isso depende de muitas variáveis. As tabelas existentes nos servem apenas como uma referencia de base pois se as levarmos a ferro e fogo, muitas vezes saímos no prejuízo. Tudo vai depender da complexidade do projeto mas isso com o tempo você vai aprender.
      abs e sucesso

  158. Oi Paulo,
    adorei suas explicações
    sou de BH e estou cursando o encino médio
    sempre gosteio de desenhar e tenho abilidade
    queria saber se este cursom de desaign de ambientes não é desvalorizado por um arquiteto.
    abraço

    • Karina,
      se você for olhar por este lado, o dos arquitetos, é claro que ainda encontrará muita resistência afinal somos concorrentes no mercado. no entanto, já existem muitos arquitetos que perceberam o diferencial do profissional de DA e estão trabalhando em parceria.
      O que você tem de onservar é o mercado, os clientes. E estes já reconhecem e respeitam o profissional de DA.
      abs

  159. gostei de ler sobre isso, mas eu achei estranho nao participar de concursos, meus professores sempre nos incentivam a participar e ainda fazem aulas extras só para isso, vou repensar agora, ver o que realmente é certo, parabens pelo site!

    • Tayana,
      nem todos os concursos são merecedores de descrédito, ainda existem alguns poucos sérios.
      O problema são os concursos menores onde não temos acesso claro aos meios de escolha.
      abs

  160. Olá paulo,
    parabén pelo blog é maravilhoso.
    Em fevereiro de 2010 começo o curso de tecnologia de design de interiores, em Salvador -Ba na faculdade Uni Jorge, gosto muito dessa área mas fiquei muito preocupada com a materia de história da arte, que não tenho nenhuma experiência nesse assunto. Gostaria de saber se com o tempo posso tirar de letra.
    Deus abênçõe!

    • oi Patricia,
      fique tranquila, isso você irá aprender durante o curso e não é nenhum bicho de 7 cabeças.
      Pode paracer complicado de inicio ms depois que você pega o jeito vai ver que é uma disciplina maravilhosa e muito gostosa pois irá perceber coisas sobre as artes que nem imagina.
      abs e sucesso no curso

  161. Oi!!!
    Adorei o blog, me esclarece algunas duvidas mas eu quero saber mesmo se a matematica e uma materia fundamental neste curso pois sou pessima em matematica, mas me enterresei no curso.
    Morro no RS se puder me diga algumas faludades boas e que fiquem aqui no norte do RS.
    Obrigada e bejo!!!!

  162. Oláá
    parabéns pelo site
    é muito bom!
    eu por enquanto só estou pesquisando como é o curso
    pois ano que vem já começo a fazer o curso de Tecnologia em Design de Interiores
    tenho o talento de desenhar e inventar
    pelo geito eu vou amar!
    espero que eu seja uma boa profisional…
    tem alguma dica para um caloura perdida?

    obrigada
    abraços

    • Olá Franciele,
      primeira dica: leve a sério o curso
      segunda dica: estude muito, importune os professores
      terceira dica: sempre tenha a certeza de que você pode melhorar um projeto finalizado.
      abs e sucesso no curso

  163. olá. estou na area de economia quase a ir fazer o curso. Agora estou a interessar muito por decoração de interiores, só que não sei desenhar e nem tenho a menor vocação para o desenho. Vejo sempre programas de decoração, visito sites (a propósito adorei este. acho que é o melhor que já visitei), etc. E tenho sempre ideias como decorar um espaço. Gostaria de uma ajudinha:
    – primeiramente o que fazer?
    – quais as disciplinas?
    Por favor ajuda-me o masi rápido possivel, porque estou prestes a acabar o liceu e ir formar-me. Estou ainda dividida em gestão empresarial e design.
    Obrigado pela sua atençaõ.

    • Olá Mirta,
      bom, desenho é fundamental no curso afinaçl você precisa saber ao menos esboçar uma idéia à mão livre na frente do cliente não é mesmo?
      Aqui no blog tem vários posts sobre o curso. Espero que te ajude.
      abs e sucesso!

  164. Paulo,

    Gostaria de saber se Campo Grande MS, tem um bom campo de trabalho para o profissional dessa área, e se vale a pena fazer o curso de tecnologia em design de interiores pela Unaes – Anhanguera?

    Obrigadoo’

    • Icaro,
      nao sei te responder isso pois não sou dessa cidade. Mas acredito que tenha sim já que é uma cidade grande. Na verdade, em todas as cidades médias e grandes tem mercado de sobra, basta o profissional saber se colocar no mercado.
      abs

  165. olà paulo ,meu nome raissa, moro no rio de janeiro e adorei seu esclarecimento sobre design e desgner, me ajudou bastante! eu ainda tenho duvidas e gostaria que me esclarecesse sò mais essas duvidas. 1 eu nao sei desenhar preciso fazer um curso de geomètria ou desenho para depois começar a faculdade de design? 2 sobre matematica tambem e preciso ser um craque ou so obter os conhecimentos basicos da matematica???? e vc acha como profisional que o designer ele deve ter um dom, ou se uma pessoa que se interessou da pouco pode ser capaz de se tornar um bom designer se dedicando??? obrigado, o seu blog e um maximo!!!!

    • Taissa,
      se você ler as respostas dos comentários encontrará as suas duas primeuras.
      Para a terceira, se tiver dom é excelente. Se não tiver mas for realmente esforçada, a pessoa consegue superar esta “falta de dom”.
      abs e sucesso.

  166. Olá, estou super animada em fazer o curso, estou em dúvida se devo fazer um curso de graduação, ou na EPA (Escola Panamericana), vc poderia me ajudar.Obrigada

    • Andrea,
      se vc puder fazer o superior melhor. Quanto maior a titulação melhor no mercado de trabalho e na formação mais completa.
      abs

  167. Olá Paulo

    Bem, tenho curso superior em Administração de Empresas e estou interessada em fazer um curso de Descoração Prática. Acha que terei mercado ?
    É verdade que o curso de Decoração ficou obsoleto e o espaço é só para o curso de Design ?

    Grata pela atenção.

    Vera

    • Vera,
      tudo depende do que você quer fazer profissionalmente. Se quiser fazer apenas decoração um curso simples (as vezes nem isso pois basta bom gosto e entendimento de alguns assuntos).
      Agora se você deseja entrar para areas mais pesadas como reformas, aí tem de ser design mesmo.
      abs e sucesso.

  168. Olá
    Boa Tarde, Tudo bem?
    Bom no momento penso em seguir a área de Desiger de Interiores gostaria de saber
    qual a melhor universidade para eu está cursando. E se essa profissão tem espaço no mercado de trabalho.
    desde já agradeço.
    aguardo respostas.

    Tamires

  169. Ola Bom Dia, eu pretendo fazer o curso de Design de Interiores sou apaixonada por decoração de casas. Amo tudo que tem haver com construção civil, deste a construção de uma casa até a decoração final, moveis, cores, objetos decorativos, etc. Assisto sempre os programa de calderão do Hurk onde tem o quadro “Lar doce Lar” Programa do Gugu com o quadro “Sonhar mais um Sonho” e o Programa Domingo Legal com o quadro “Construindo um Sonho” fico encantada e apaixonada quando vejo o quando as casas ficaram lindas e tenho muita vantade de estar numa obra fazendo toda parte da planta, decoração.
    E o meu maior desejo trabalhar com Design de casas fazer todas aquelas decorações.
    O primeiro passo eu ja tenho, decoração ja estar na minha veia tenho talento pra desenhar, pra criar coisas, aprendo tudo que vejo na televisão com facilidade e pego toda dica que passa destes programa. Mais se você pode me dar algumas dicas a mais ficarei muita agradecida. Poderia enviar pra meu E-mail. Obrigada.

    • Olá Jussara,
      os primeiros passos você ja deu, agora so falta fazer um curso superior mesmo para aprimorar o seu talento.
      abs.

      • Oi, bom dia obrigada pela mensagem amei quando vir seu recado obrigada mesmo. Com certeza vou fazer esse curso de Design de Interiores estou muito anciosa pra aprende muitas coisas, quem me deu a dica foi uma arquiteta que é amiga da minha prima
        Minha prima falou sobre mim a essa amiga do meu talendo da minha capacidade de fazer as coisas da minha criatividade de enventar, mostrei a ela umas fotos da marquete que montei do trabalho da minha prima que ficou linda. Meu pai foi um grande Engenheiro Civil, por isso eu puxei a ele, como ja disse amo tudo que tem haver com construção de casa, na verdade qualquer coisa que tem que decorar, casas, apartamento, comercios tudo que tem haver com decoração e nesse curso predendo dar tudo de mim, colocar meu amor pelo que faço, minha dedicação, minha paciencia me entregar de corpo e alma por aquilo que amo e que me satisfaz, me dar prazer, alegria. Fico muito feliz quando vejo um trabalho meu pronto e que chama atenção de todos pela perfeição porque gosto de tudo perfeito, organizado.

        Obrigada e beijosss

      • Jussara,
        se joga então. Se é realmente o que você gosta, faça acontecer!!!!
        sucesso!!!!!!

      • Ola Paulo
        Bom dia, poderia me dizer o que de matemática cai no curso de design de interiores, pois sou pessima em matemática mais muito pessima mesmo, mais vou fazer de tudo pra aprender
        mais desistir do curso isso ja mais, vou aguardar sua reposta beijossss e tenha uma otima
        semana beijossss

      • Jussara,
        bom depende da disciplina.
        desenho entra bastante geometria
        conforto ambiental entram cálculos de acústica, térmico, elétrico, etc
        análise de proj arquitetonico e estrutural entram calculos estruturais básicos
        Não são cálculos assustadores não, pode ficar tranquila.
        abs e sucesso.

  170. ola, paulo
    o bruno la no mes de abril de 2009 fes uma pergunta que eu acho que você nao respondeu ele perguntou se é preciso ser bom em matematica em medidas e etc tamben não sou muito boa em contas mas amo design de interior sua resposta vai solucionar meus problemas ja estou quase me matriculando para cursar design talves isso possa mudar tudo pra min nao me interesso por mais nada ja tenho 20 anos e ainda não tive corarem me matricular por favor me diga o que devo faser muito obrigada desde ja …

  171. Ola , Paulo

    Mais eu sou pessima em matemática, porem amo decoração de casa e como vc ja respondeu muito essa pergunta que ja percebir, que vai ter matemática, porem não e um bicho de 7 cabeças. Mais vou fazer esse curso. Porque e uma coisa que eu sempre quiz deste pequena. Eu vou deixar meu orkut pra que vc veja alguns dos meus trabalhos, vai estar na caixa onde vai estar escrito “meus trabalhos artesanais” MorenaSara23@hotmail.com
    Eu faço lembrancinha pra festa em biscuit sei fazer também bordado em ponto cruz, como eu ja disse tenho a capacidade de aprender as coisas facio, amo artesanato baixei varios tipo de artesanato e como minha família sempre diz eu sou uma pessoa muito talentosa, inteligente, criativa.
    Obrigada e beijosss

  172. ‘ ooi , eu achei muito interresante essa profissão.
    estou pensando em cursa-lá. mas primeiro vou fazer o tecnico em designer de interiores.
    eu gostaria de saber se apenas a faculdade de designer te qualifica,ou também tem que fazer outra, tipo arquitetura ou outra no nível ?

    adorei a reportagem

    • Carolina, se vc quiser atuar na area de design de interiortes, apenas o curso ja qualifica. Mas se quiser ir para a área de construção aí precisará de arquitetura ou engenharia.
      abs

  173. oi Paulo
    Mais sou pessima em matemática pode me dar alguma dica do que de matemática cai no curso deste ja agradeço pela atenção. obrigada e beijosss

  174. Gostaria de saber se o futuro nesta área(com relaçõa á retorno financeiro),pode ser bem confortável (lembrando que ralando sempre)E aí o que espera um recém formado em designer de interiores?

  175. Olá Paulo,
    Por um acaso entrei no seu blog e me enteressei muito pelo seu trabalho, achei muito bacana essa ideia de tirar dúvidas da galera que se interessa pelo Deign de Interiores. Eu sou apaixonada por essa profissão a bastante tempo, resolvi fazer o curso e já estou no 3° período e termino meu curso no final do ano. Porém estou bem preocupada, pois está muito dificil conseguir estágio na área e pra eu começar trabalhar por conta própria é preciso ter experência e referências, qual é a melhor solução pra mim, por onde posso começar?

    • Erika,
      tudo depende da região onde você mora/atua…
      Pode ser através de projetos pequenos para amigos/parentes para elaborar o seu portfolio inicial… também usar e abusar da propaganda boca a boca ou investir numa campanha de marketing. Tudo vai depender da realidade da sua região.
      abs

  176. Olá Paulo,

    Vou me formar em Turismo este ano mas recentemente acabei descobrindo essa paixão por Designer de Interiores e me identifiquei muito com o curso e a profissão. Quero saber qual a probabilidade do curso de Turismo se emplementar com o Designer de interiores e se da para consiliar as 2 profissões sem abandonar o Turismo? Andei me informando e vi que tem alguns profissionais de Designer de interiores que modificações e gerar projetos para Hoteis, pousadas, spar e eventos. Gostaria muito que me ajudasse pois estou em duvida.

    Obrigado!!

    Abraços

    • Olá Raul,
      dá para conciliar sim as duas áreas. Especialmente como você mesmo citou, a especificidade em hotéis e pousadas, além de centros de eventos, etc que estão ligadas ao turismo. Outro fator é a facilidade de acesso que você tem com estes empresários por ja trabalhar direto com eles.
      Tem tudo para dar certo.
      abs e sucesso.

  177. Olá,Paulo

    Vc me tirou muitas dúvidas, porém me resta uma, se é preciso ser formada em Arquitetura para cursar Designe de interiores?.
    obrigada!!!

  178. Ei Paulo,
    Sou estudante de Arquitetura e Urbanismo, no momento trabalho como projetista e desenvolvo projetos de interiores. Gostaria de algumas indicações sobre livros ou revistas que possam me ajudar, pois pretendo seguir a carreira de arquiteta na área de interiores.
    Muito obrigada!

    • Pamela,
      tem um post aqui no blog sobre livros.
      Eu particularmente não gosto desses livros apenas com fotos dos ambientes (e que custam fortunas) pois não trazem o que mais precisamos: as especificações.
      Prefiro livros mais técnicos como por exemplo o Arquitetura de Interiores (Ching – Binggeli) que é bastante técnico e outros similares.
      abs

  179. oi,
    vou fazer primeiro engenharia civil este ano, posso fazer designer de interiores depois?
    ou é a mesma coisa,
    adoro criar, decorar…
    me ajude por favor
    xero
    muito obrigada!!!!!!!!!!!!!!!!

    • Mellize,
      não posso dizer que não tem nada a ver uma área com a outra porque ambas lidam com edificações, porém, se fizer engenharia – e até arquitetura – terá de fazer um curso específico em interiores para entender melhor como projetar os ambientes pois em engenharia isso é nulo e em arquitetura básico.
      Indico a você, já que quer trabalhar em interiores, que faça direto um curso superior na área.

  180. Meu nome é Douglas, Tenho 30 anos, sou Pedagogo. E estou querendo mudar de área de trabalho.
    Fui ao guia do estudante e me interessei pela área de Design de Interiores/Ambientes. Porém as informações são poucas e me geraram dúvidas.
    De forma que recorro a vc em busca de uma melhor compreenção sobre a área.
    Desde já agradeço e apressio sua atenção e interesse. E me desculpe pelo post giantesco. rs!

    1 > No mercado atual o que é valorizado mais: o técnico, o tecnologo (superior tecnico – 2 anos) ou A graduação em Design de Interiores (4 anos) ? O pouco conteúdo que achei. Fala que as materias são basicamente iguais. Porém parece que tem um problema junto ao MEC quanto ao curso de Tecnologo ( parece que não é reconhecido e não tem funcionalidade na area. bem como credibilidade).

    2 > Nesta área tem como o técnico fazer nome ou renome no mercado?
    Para adquirir nome, respeito, credibilidade e competitividade no mercado de design. Tenho que logo em seguida ao curso técnico ou tecnologo me graduar em arquitetura ou engenharia?
    Como funciona a diluição do profissional técnico ou tecnologo no mercado?

    Complemento da 2: Uma das coisas que encontrei é que o técnico trabalha em loja de móveis com vendas. Ora, se o mercado está aquecido como todos dizem. Não seria um disperdício de tempo e demanda, tanto para o mercado, como também para o profissional. Um simples trabalho de vendas em lojas? Pergunto, pois seria frustrante para mim investir tempo e dinheiro em uma profissão, que no final das contas se não vender móveis não consigo me sustentar. Como funciona o mercado para este profissinal?

    3 > é verdade q tanto o tecnico quanto o graduado em Design de interiores não podem abrir escritórios, por conta da competitividade com os arquitetos e engenheiros? Se sim, como este profissional se lança ao mercado de trabalho?

    4 > Qual a diferença básica entre a facudade e o curso de técnico?

    Mais uma vez obrigado!

    • bom, vamos lá Douglas…
      1 – sempre a maior titulação pois a sua formação será mais ampla e complexa.
      As matérias levam nomes parecidos, porém o ementário e conteúdos são bem mais aprofundados nos dois superiores (tecnologo e bacharelado). Nos técnicos são bem superficiais. Sobre o reconhecimento, todos são reconhecidos pelo MEC e a credibilidade existe sim. Hoje já somos reconhecidos no mercado de trabalho. O que acontece é uma certa resistencia por parte de alguns profissionais de arquitetura, mas não de todos pois a maioria já percebeu a importância da presença de um profissional de DI nos projetos.
      2 – Não é preciso fazer arquitetura ou engenharia nao. Mas lembro que o técnico é de nível médio e indico sempre os cursos superiores. Realmente a maioria dos tecnicos acabam em lojas mas isso não é uma regra.
      3 – Já podem abrir escritório sim. A partir do momento que a receita federal e outros órgãos federais reconhecem a profissão inserindo-as no rol mde profissões nos cadastros, já podemos abrir escritorio sim.
      Lançar-se no mercado é uma questão recorrente, porém tudo depende da região… cada uma tem as suas caracteristicas e peculiaridades mercadológicas. Mas via de regra, começa-se com pequenos projetos para amigos e parentes para montar um portfolio inicial, alguma divulgação (midia ou boca a boca) ou, caso haja condições, uma campanha maciça e forte na mídia local.
      4 – além do tempo ser maior nos cursos superiores, os conteúdos são muito mais aprofundados e amplos.
      abs e sucesso.

  181. Olá!
    Li as informaçõe postadas para entender mais sobre designer de interiores, e só me interessei mais.
    Na realidade sou publicitária com MBA em Marketing, como não pude fazer arquitetura no ingresso à faculdade por motivos financeiros, penso em fazer um curso técnico de designer de interiores de 1000horas para futuramente ingressar na área.
    Gostaria de saber sua opinião a respeito do curso técnico, se o investimento como profissional é válido.
    Muito obrigada

    • Viviane,
      eu sempre indico aos leitores que busquem sempre a maior titulação possível.
      Os cursos técnicos dão uma base, mas nem de longe são aprofundados como os tecnologos e de graduação que são superiores.

  182. Olá Paulo!
    Tenho 22 anos,trabalho em uma loja de móveis.
    Faço projetos de móveis sob medida no promob Plus 5,amo oque faço, não fiz curso e nem nada parecido, gostaria de saber o que vc me indica para que eu possa aprimorar meus conhecimentos na aerea de móveis sob medida.
    Desde ja agradeço!

  183. Gostei muito das informações que encontrei aqui!! Sou formada em Letras, mas gosto muito da área de design de interiores. Moro em Recife e queria saber se aqui tem área para trabalhar, pois estou com muita vontade de fazer esse curso, mas tenho medo de não ter trabalho depois de formada e não posso arriscar tudo assim!!!

    • Flavia, nao conheço a fundo o mercado daí, mas campo para essa area tem sim em todo lugar, dependerá exclusivamente de você mesma.
      abs

  184. olá ..acabei de cursar nivel tecnico em enfermagem e infelizmente eu detestei ..entao estou pensando em fazer graduação em design ..moro em brasília ,vocêS acham que seria uma boa fazer esse curso aqui? obs:não sei desenhar , odeio matematica , e não sei mexer nesses programas de computador ..kk será que eu tenho futuro?

  185. Paulo… eu nem estudo essa profissão ainda mas já amo d+, sou boa em matematica , cauculos desenhos acho tenho certeza do que eu quero.Mas…..tem aquelas duvidas.
    Eu sei que são muitas as area em q eu posso atuar, mas eu preciso me aperfeiçoar, estudar muito?assim é eu preciso alem de facul e colegio tecnico fazer milhões de curso pra ter um bom reconhecimento no mercado de trabalho?
    Disposição pode ter certeza que não vai faltar, mas eu tenho pressa e quero começar atuar logo..entendeu.
    E tmb eu não nado em dinheiro e queria saber se eu precisarei investir muito alto na facul.
    bom acho q já fiz pergunta d+..please, me responda todas se puder.
    Bjusssssss e obrigada!

    • Debora,
      sim, deve e precisa estudar bastante pois essa área é bastante dinamica e a todo momento surgem novas informações, materiais e tecnicas e quem não se atualiza fica para tras.

  186. Primeiramente quero parabenizar pelo post TOTALMENTE esclarecedor.
    Já terminei o ensino médio e estou fazendo pré vestibular. há algum tempo, essa profissão me encheu os olhos, até pq sempre gostei de ajudar na decoração da casa, mas ultimamente estou um pouco insegura em relação às matérias específicas para ingressar na universidade federal do Rio de Janeiro (UFRJ).
    Quais são as epecíficas para passar pra segunda fase no vestibular da ufrj? você sabe?
    e o curso de DI se encaixa em qual área? humanas, tecnológicas?
    outra perguntinha: não sou boa em desenhar, mas se forem linhas retas até consigo me virar um pouquinho, será que isso me atrapalhará em algum exame classificatório da segunda fase?
    o pior é que já pesquisei em tudo quanto é lugar pra saber essas respostas, mas nunca acho! espero que você tenha algumas dessas informações pra me dar.
    Grata desde já, e parabéns pelo blog.

    • Carolina, vamos por partes…
      o THE da UFRJ exige uma prova de desenho, então isso ja responde outra pergunta sua.
      Design de Interiores ainda está transitando entre tecnologia e humanas. Acho mais acertado que continue assim: tudo que é engessado estanca.
      no site da escola superior de arq e design da federal existem modelos de provas antigas, dá uma olhadinha ok?
      abs e sucesso.

  187. Oi Paulo tudo bem?

    Bom meu nome é Natália tenho 19 anos, e quero muito fazer faculdade de Design de interiores, porém quero saber se p/ fazer design tem q saber desenhar?

    Obrigado.

  188. Olá Paulo, primeramente gostaria de dizer que esse topico foi muito esclarecedor para mim, pois tinha algumas duvidas sobre design de interiores. Bem, estou no 3º ano, sempre gostei muito dessa area de progetar ambientes, decorar, antes não tinha comenhecimento sobre o curso de design de interiores, então estava certa em fazer arquitetura, pois tinha um pouco de decoração, etcs, porém conversei com pessoas de fizeram arquitetura e vi que realmente tem uma diferença entre esses cursos, e fiquei muito confusa, então gostaria de saber sua opinião, se compensa eu fazer arquitetura e depois me especializar em desig de interiores, ouf azer design de interiores, porque eu gosto de progetar, imaginar mais espaços de interior e não externo.
    Muito Obrigada.

  189. Paulo, parabéns pelo blog!

    Só para conhecimento:
    No Brasil há três tipos de graduação, que são reconhecidas pelo MEC como graduações tradicionais:

    Graduação Bacharelada – Recebe o título de Bacharel – É diplomado
    Graduação Tecnológica – Recebe o título de Tecnólogo – É diplomado
    Graduação Licenciada – Recebe o título de Professor (dos Ensinos Fundamental e Médio) – É diplomado.

    Toda graduação (que são três no Brasil), são cursos superiores e nem todo curso superior é graduação.

    Curso Superior Sequencial – Certificado – (Não recebe título de graduado, portanto não pode fazer, pós – graduação);
    Curso Superior Continuidade – Certificado – (Não recebe título de graduado, portanto não pode fazer, pós – graduação).

    Com o título de Graduado podemos fazer a Pós – graduação, que se divide em:

    LATO SENSU – (do latim: sentido largo) – Recebe o título de ESPECIALISTA;

    MBA (do inglês: Master Business Administration – Mestre em Administração de Negócios) – Recebe o título de ESPECIALISTA
    Curso de formação de executivos nas diversas disciplinas da administração, como marketing, finanças, RH e contabilidade. Apesar de o MBA ter grau de mestrado profissional em diversos países, a exemplo dos Estados Unidos, no Brasil a Resolução nº. 1 de 2001 do CNE (Conselho Nacional de Educação) regulamenta o curso como uma Pós, Lato Sensu – Especialisação e;

    STRICTO SENSU – (do latim: sentido restrito) – recebe o título de MESTRE.

    Após o Mestrado, podemos fazer:

    DOUTORADO – Recebe o título de DOUTOR;
    Ph.D – (do latim: Philosophiae Doctor – Doutor em filosofia) – Recebe o título de DOUTOR e/ou Ph.D;

    Depois do doutorado podemos fazer:

    PÓS DOUTORADO – Profissional com título de DOUTOR e/ou Ph.D, que tem dedicação exclusiva em alguma Instituição de Ensino Superior – IES.

    Obs.: Os cursos superiores SEQUÊNCIAL e CONTINUIDADE, aos poucos estão sendo ou já foram eliminados no Brasil, ficando só as graduações.

    Att,
    Ridenor Araújo

  190. Ola Paulo tudo bem ? Gostaria de saber seu e-mail, pois preciso tirar umas duvidas pessoais/profissionais. No aguardo, obg. att Juliana .

  191. bem … li todo seu post sobre design de interiores ! por sinal muito bom e satisfatorio em relação as minhas duvidas sobre a profissão em meio ao mercado de trabalho !!
    estou começando o curso em junho em nivel tecnico na FAUPE são 3 periodos ! pergunto se é aconselhavel fazer o curso tecnico para aqueles que não tem condições de pagar uma faculdade. se bem que é desponibilizado uma graduação com mais dois periodos.

  192. oi gostei muito de sua ideias estou entrando no mercado de Desing de Interiores.

    estou gostando…

    tenho algumas perguntas

    o cliente valorisa muito desenho a mao ou prefere no computador???

    uso meu nome ou um apelido???

  193. Olá,
    Muito bacana o artigo que você postou aqui, Design de interiores é uma das opções que eu tenho para faculdade, apenas tenho medo de fazer por não saber desenhar,mas como ja li aqui, você desenhava igual a mim (Casinhas e bonecos de palitinho) então tem salvação. Minha dúvida é o fato de não ser tão criativo assim, apesar de gostar da área, ter palpitado bastante na minha casa, sinto que não tenho a criatividade necessária, acha que isso desenvolve com o tempo,dentro do curso e tudo mais?

    Agradeço desde já!

  194. Estou em interessando por design de interiores e vou prestar vestibular no final deste ano na UFU em uberlandia – MG, gostaria de saber como é o curso de design de interiores basicamente e se eu terei de fazer prova especifica no vestibular deste. Será que voce poderia me ajudar?

  195. Boa tarde. Estou em interessando pelo curso de design de interiores e vou prestar vestibular no final deste ano na UFU uberlandia – MG, e gostaria de saber como é o curso basicamente e também se terei de fazer prova específica. Será que voce poderia me ajudar?

  196. Olá ,
    Para me formar em um designer de interiores , tenho que fazer arquitetura primeiro ?
    Ou posso fazer tecnologo ?
    Pretendo cursar em Paulínia , na faculdade São Marcos,´bom ?

    • Nici,
      nem para se formar e nem para atuar profissionalmente.
      Não conheço essa instituição portanto não posso opinar ok?
      abs e sucesso.

  197. Olá Paulo. De tudo o que já pesquisei sobre Desing, teu Blog é sem dúvidas o mais esclarecedor.
    Bem,sou apaixonada por Desing de Interiores e quero muito ingressar na UFRJ para aprender esta profissão. Penso que tenho dom e dedicação para harmonizar e decorar espaços , mas o grande problema é . . . sou muito ruim em desenhos. Não queria ter de optar por outra profissão , já que realmente é disso que eu gosto. Estou cursando o 3ºano do Ensino Médio e devido ao vestibular meu tempo tem sido realmente muito pequeno. O que você, brilhantemente, me aconselha?
    Desde já obrigada!

    • Larissa,
      nem de longe sou “brilhante”, sou apenas bem informado e formado.
      Dê uma lida nos comentários deste e de outros posts pois já respondi isso várias vezes ok?
      abs e sucesso.

  198. olá!

    Boa Tarde!

    Eu gostaria de saber se existe alguma idade
    pra comessar a fazer cursos de desiner de interiores?

    E se cursos pela internet vale a pena ou não?

    Abraços Muito Obrigado!

    • Amanda,
      não há idade, depende apenas do profissional a sua entrada e permanência no mercado de trabalho.
      sobre cursos pela web sinceramente eu não indico nesta área por ser uma bastante técnica que exige um apoio constante e presencial do professor bem como a participação do aluno nos laboratórios práticos.
      abs e sucesso.

  199. oii Paulo,
    eu estou deslumbrada com design de interiores..sei que vou amar cursar,nesse exato momento estou desistindo do meu curso atual que é petroleo e gás,eu entrei pela areas de trabalho que é muito ampla e só tende a crescer…mais o fato é que não curto muito e to resolvendo largar e fazer o que eu gosto,e eu queria saber sobre isso..sobre a área de trabalho é ampla,é boa,como é?é dificil arranjar emprego?onde vou trabalhar?pra quem?
    Obrigada :)

    • Juh,
      dê uma lida nos comentários acima que encontrará respostas diversas para as suas dúvidas ok?
      abs e sucesso!!!

  200. Ola Paulo
    hj pela manha atraves de uma pesquisa tive o prazer de conhecer
    sobre vc e seu trabalho.
    e muito gostoso e esclarecedor como vc escreve.
    sou formada em artes visuais pela unopar e pensando em voltar a estudar logo vi
    desing de interiores na mesma instituicao, mesmo conhecendo otimos trabalhos da Lilia Rodrigues tenho duvidas sobre a infra estrutura do curso.
    o que vc me orienta
    Muito obrigada
    beijos

    • Olá Camila, conterrânea, pé vermeio rsrsrs
      Para você será mais tranquilo o curso já que tem outro ligado à área.
      O curso da Unopar é muito bom mas, existem professores e Professores como em qualquer outra instituição. Vai de você ficar no pé deles e cobrar, questionar e exigir aprofundamento dos conteúdos.
      O curso foi recentemente remodelado e está bem melhor daquele que me formei. Mas ainda acho que merecia ser um bacharelado.
      Não sei se ainda estão lá mas o Ademir e a TT são bárbaros!!!!
      abs e sucesso!!!

  201. Oi Paulo, tudo bem!

    Eu faço curso de Design de Interiores em Florianopolis… e estou interessada em fazer um curso expecifico de autocad ou promob, vc saberia me informar onde eu posso fazer esse curso aqui na minha cidade???
    Se possivel gostaria da resposta enviada para meu email.

    Desde já agradeço

    att

    • Patricia,
      autocad geralmente o senac tem.
      já do promob, dê uma olhada no representante deles aqui no Brasil pois são eles quem oferecem este curso.
      abs

  202. Olá
    adorei suas explicações faceis de entender, sendo esclarecedoras.

    Bom eu tenho apenas 18 anos, terminei o colegial ano passado.
    Sempre gostei de cores, detalhes, atualidades, moda.
    pensava muito em ser arquiteta. Mas não sou muito bem a matematica.
    Então dois anos atras verificando mercados já pensando quando chegasse aqui, vi então sobre o design de interiores, mi endentifiquei.
    Esse ano até mesmo prestei e passei em piscicologia na unicamp , por indicação de proximos aonde sempre falaram a mim qui eu conseguia entender muito bem as pessoas assim resolvendo muitos problemas a qual chegava a mim.
    Foi outro motivo qui pensei, mi ajudar nessa area (DI).
    Porque no fundo eu mi endentifico mas a(DI),eu gosto de criar agir sabe?
    Mas temo pelo mercado, é uma aréa dificil de se conseguir trabalho?
    Meu namorado mi desencoraja a esse ponto i eu fico com grandes medo, pra onde seguir..
    Meu pai i dois tios, lidam com area de contrução, ele constroem a casa do começo ao fim,fazem todos os acabamentos, pinturas etc, etc. a muitos anos aqui na cidade de Limeira/SP já seria mão de obra a meu favor!
    Oque vc acha? mi ajude

    Desde já obrigada!!

    • Nalian,
      bom, se você sempre se deixar levar pelo que os outros dizem vai ser difícil e bastante indecisa a sua vida além de carregar várias frustrações pro resto da vida escolha a área que for.
      O seu namorado é da área? Caso não, qual é a autoridade que ele tem para dar alguma opinião sobre? Se for, ele tem certeza de que optou pelo que realmente gostaria de fazer profissionalmente ou o fez porque os outros achavam que ele deveria fazer?
      Você já tem um ótimo meio de entrada no mercado dentro da sua casa e da sua família empreiteira.
      Mercado há sim e muito bem valorizado porém isso só vai depender do seu profissionalismo e da sua coragem em enfrentar desafios e, novamente digo, seja em que área for.
      abs e sucesso

  203. Ola Paulo, gostaria de saber quais as diferencas entre a pessoa se formar como tecnico em design de interiores(curso tecnico) e ser formado em uma faculdade? Gostaria de saber tambem, se com o curso tecnico, a pessoa tambem e bem aceita no mercado de trabalho.

    obrigado.

    • Leandro,
      as principais diferenças são o aprofundamento da matriz curricular e o valor do canudo no mercado de trabalho.
      abs e sucesso.

  204. Paulo, tudo bem com você?
    Bom.. eu estou aqui por motivos de indecisão!
    estou cursando publicidade e propaganda, mas sempre tive uma quedinha por decoraçao, adoro decorar, enfeitar quarto( tipo fazer surpresas) eu me satisfaço fazendo isso.. e de uns tempos pra ka, eu me notei meia indecisa.. e procurei saber mais de design de interiores e eu achei seu blog, adorei… claro nao deu pra ter uma maior ideia do que seja o design, mas ja deu pra conhecer um pouco..
    assim… será que vc tem como me ajudar, me falando sobre o que vc acha dessa minha indecisao, ou no caso da minha troca de ramo?
    obrigada, espero ansiosamente sua pergunta.. e eu se possivel queria saber teu e-mail, queria saber bastante sobre design antes de tomar qualquer atitude, se for o caso, quero entrar bem conciente. obrigada mais uma vez! abraços

    • Mikaelle,
      aqui em meu blog você encontra muita coisa sobre a área. Dê uma olhadinha pois tem vários posts falando sobre assuntos diferentes dentro da mesma área ok?
      Quanto à sua indecisão fica complicado te forçar a algo pois vai que você não consegue se realizar profissionalmente depois da troca. Me terá como o culpado pela escolha errada e, se eu souber disso, me sentirei também culpado por ter direcionado você para algo que não te satisfaz e realiza.
      Isso é você quem tem de analisar e dicidir-se.
      Caso opte por DI, seja mais que bem vinda e sucesso na área!!!
      Caso opte por continuar P&P, idem!!!
      de qualquer forma, sucesso!!!

  205. Ei, tudo bem?

    Adorei o blog, pra mim tem sido extremamente esclarecedor…
    Bem, sou formada em Direito pela UFMG. Ja fui concursada pelo Tribunal de Justiça de MG e hoje atuo na direção administraiva de uma empresa de calçados… Mas na verdade sou apaixonada por design de interiores! Acho o curso incrivel, amo desenhar, adoro trabalhar com a criatividade e tenho sentido um vazio enorme por nao explorar essa area que amo tanto.
    Tenho 25 anos e ja nao sou nenhuma menina pre vestibulanda, no entanto queria muito ingressar nesse novo mercado.
    Queria te pedir sugestoes sobre o que ha de melhor relativo a esses cursos no mercado nacional e internacional. Andei pesquisando alguns cursos em milao e em florença, mas tenho receio de nao estar caminhando pelo caminho certo. Se tiver algo a me acrescentar, algum curso fora a sugerir, mesmo que apenas de verao, que ache interessante eu fazer, eu agradeceria muito…
    Quanto aos cursos tecnicos, vc os acha muito limitados, por terem duração de apenas 2 anos?
    Tenho receio de ingressar velha demais na carreira e acabar ficando pra tras… mas amo muito essa area e ano quero mais adiar essa mudança..

    Aguardo seu retorno…
    Muito obriagada!

    beijo grande Priscila

    • Priscila,
      adoro pessoas como você que não tem medo de desafios, a tirar pelas suas alterações já realizadas em sua vida profissional.
      Bom, se quer um curso de padrão internacional não precisa ir para fora pois aqui no Brasil tem o IED que é o único curso que tem reconhecimento internacional, além, claro, da excelência, qualidade.
      O tempo do curso (2 anos) citado por você vai depender da instituição. Tem cursos que são de 2 anos com uma aula por semana… outros com aulas todos os dias. Analise bem isso para não comprar gato por lebre.
      Quanto a idade, isso é o de menos. O que vale mesmo é o seu perfil profissional, a sua garra e gana para enfrentar e vencer novos desafios.
      abs e sucesso!!!

  206. Gostaria de saber, se posso fazer um curso no Snac de designer de interiores e ser proficional, sem fazer faculdade ? E se teria vagas no mercado de trabalho para mim, já que não ‘fiz’ faculdade e sim um curso.. (?)

    • Viviane,
      a única questão é que você terá muito o que pesquisar muito depois do curso para suprir as lacunas que ficaram abertas.
      vagas no mercado existem sim, isso vai depender apenas de você enquanto profissional.
      abs e sucesso.

  207. Parabens pelo site.Tenho algumas duvidas se vc puder me ajudar eu agradeco,tenho 30 anos e somente agora com as minhas filhas ja crescidinhas,pretendo voltar a estudar,meu sonho e projetar moveis,tenho umas ideias que nunca vi em lugar nenhum,isso se falando ate dos usa pq ja morei la,os moveis e objetos de decoracao surgem na minha mente e ate quado estou dormindo eles aparecem,acho que recebi esse dom,queria saber se adianta curso tecnico ou somente a faculdade?Alguma indicacao aqui pra curitiba…?obrigado e abs

  208. Mais uma perguntinha…e possivel vender ideias,para alguma industria moveleira ou para os designers formados,existe algo parecido ou estou viajando heheh…muito bom esse blog…

    • Miriam,
      só consertando o seu post:
      ” um curso técnico ou somente a faculdade”
      para
      “somente um curso técnico ou a faculdade”.
      Pois os cursos das faculdades são de nivel superior e os técnicos de nível médio (antigo 2° grau).
      è sempre melhor optar pela maior titulação possivel até mesmo porque os cursos superiores são bem mais completos e complexos.
      Sim, podemos desenvolver linhas de moveis para a industria mas é preciso que você foque isso durante o curso e cobre um aprofundamento de seus professores nessa área.
      grato pelo elogio.
      abs e sucesso.

  209. Oi Paulo, gostaria muito de ser design de Interiores, mas não sou muito boa em matemática, isto influência muito nesta profissão ?

    Obrigado.

    P.S : adorei seu post ! muito esclarecedor.

  210. Boa Tarde

    Já sou Graduada em Administração de Empresa, sempre gostei da área de Design de Interiores.
    Na cidade que eu moro tem o curso de tecnologo Design de Interiores(NIVEL SUPERIOR DE 2 ANOS)

    Estou pensando em fazer, mais a minha dúvida é:

    Quero trabalhar por conta própria, “como trabalhar”.

    você pode me ajudar a esclarecer essa duvida.

    Aguardo retorno

    • Rosana,
      é dificil dizer a você “como trabalhar” pois isso depende de varios fatores incuindo local onde pretende trabalhar, seu perfil profissional entre tantas outras coisas.
      abs e sucesso.

  211. Boa noite, quero muito fazer o curso de design de interiores,mas tenho duvida se é preciso já saber desenhar ou posso aprender tudo no curso,moro em salvador e quero fazer o curso de tecnologo na unifacs, tenho duvida também se é reconhecido no mercado de trabalho o tecnologo em design. AGUARDO RESPOSTA URGENTE POIS TENHO POUCOS DIAS P M INSCREVER NO CURSO. OBRIGADA

    • Lais,
      infelizmente só estou tendo tempo de responder os comentários agora e seu tempo já deve ter se esgotado.
      Como não sou de Salvador fica difícil dar uma opinião exata sobre o curso e a instituição. Olhando o site, eles indicam as grandes áreas da matriz curricular porém de forma geral, não apresentando as disciplinas de forma específica e tampouco os ementários. Assim, não tenho como dar um parecer negativo e, muito menos um positivo.
      abs

  212. Oi, é importante vc responder ok!
    Bem, tenho 19 anos e sempre gostei de desenhar, fazer modelos de casas de móveis,etc. e hj quero muito fazer o curso de design de interiores e no futuro arquitetura
    só que onde moro não tem facul. nem curso, e pesquisando na web, achei um curso à distância na IBDI com duração de um ano e 4 aulas presenciais para aplicação das provas.
    Pergunta: vale a pena fazer o curso à distância? ou seria perda de tempo, pq eu não veria o conteúdo necessário para trabalhar nessa área!?
    Parabéns pelo blog, tirou muitas duvidas e me fez querer ainda mais fazer o curso.
    link da ibdi http://www.ibdi-edu.com.br/

    • Pollyana,
      você ainda é nova e com isso pode arriscar-se até mesmo indo morar em outra cidade onde exista o curso de forma presencial.
      O curso referido é válido?
      Pode até ser mas acredito que não é a melhor opção pelo fato de Design de Interiores ser um curso extremamente técnico o que exige laboratorios e aulas praticas que, em apenas 4 aulas presenciais, não há a menor possibilidade dessa necessidade ser suprida.
      Não digo que não há qualidade, mas não posso negar que esta é no mínimo discutível.
      Analise melhor, reveja as suas possibilidades e a sua ingenuidade.
      Encoraje-se e enfrente o desafio de ir morar onde exista o curso de forma presencial, será bem melhor para você tanto como profissional quanto como pessoa pois essa vivencia acadêmica, especialmente a “fora do aconchego do lar”, é uma escola de vida em todos os sentidos e que só te fará bem.
      abs e sucesso!!!

  213. Ola bom dia a todos…

    Sou estudante do curso de Design de ambientes…Considero o curso excelente , pois podemos trabalhar em diversas eraeas, cenografias de cinemas filmes, vitrinismo, decoração artes efemeras alem de poder actuar tbm em espaços exteriores, arquitectura, construção etc..No começo foi por falta de opção visto que na minha cidade a faculdade que havia era na area de artes..depois me apaixonei…sinto algumas dificuldades em termos de tecnica arquitectonica pq nao tive base em Matemaática e sim em Portugues..mas sao detalhes que vou preenchendo a medida que desenvolvo mesu conhecimentosna area…
    Um design na Europa é muit bem reconhecido…Ganha-se bem…e pode crescer muito..no Brasil nao conheço bem como funciona a proffisao quais as saidas profissionais ond podemos arrajar emprego..
    Sera que algem poderia me ajudar??

    email deisefsc@hotmail.com

    Boa sorte a todos

    • Deise,
      por aqui atingir im nivel de reconhecimento depende unica e exclusivamente da pessoa.
      Ganha-se bem? Depende da pessoa…
      Pode crescer? depende da pessoa…
      Sobre arranjar emprego,isso vai depender do seu foco profissional, se quer ser empregado ou autonomo enfim, muitas variáveis.
      Mercado há sim, só depende de cada um.
      abs

  214. Nossaaaaaaaaaaaaaa…esse blog é perfeito!
    Parabéns! Era tudo o que precisava!
    Bom, ainda assim tenho minhas dúvidas…hehe

    Se não for abusar, Paulo, como você conhece bem do assunto, gostaria de pedir um conselho: Moro em Rio bonito(área litorânea do Rj), e para mim, ficaria mais viável fazer uma faculdade em Niterói, ou São gonçalo.
    Você saberia me informar qual dos vestibuares disponíveis é mais conceituado nessa área?

    Desde já , muito grata!!! Bjs!

    • Celina,
      estou bastante sem tempo tanto que as atualizações do blog estão paradas ja a algum tempo tanto que existem muitos cursos novos que não constam do post CURSOS.
      Estou tentando atualiza-lo mas está bem complicado.
      Assim que possível farei isso mas por hora, pesquisar sobre cursos que nem sei se existem, numa cidade distante da minha fica complicado.
      Procure se informar com quem já fez ou está fazendo estes cursos que vc pretende ok?
      abs e sucesso.

  215. Olá,
    Realmente o blog de vocês é bem esclarecedor.Adorei a explicação sobre design e designer. Estou cursando o primeiro semestre de Designer de Interiores na Belas Artes em São Paulo.Eu sempre apreciei essa área,sou libriana e meus olhos brilham com toda a transformação que podemos fazer usando o nosso bom gosto ,criatividade entre outros. A minha dúvida está relacionada a matéria de projetos, pois sempre fui muito mal em matemática,geometria na escola e estou achando que paara ser um bom design você precisa ter uma boa noção dessa matéria.Fiquei de exame em Projeto de Interiores e peguei DP direto em Desenho técnico.Estou muito chateada porque nas outras disciplinas eu vou super bem com média acima de 8,mas em projetos eu sou um fracassso.Aguardo um retorno para saber se continuo tentando ou paro por aqui mesmo.Obrigado Patrícia

    • Patricia, primeiramente parabéns pela escolha da universidade!!!! Não poderia estar em espaço melhor!!!
      Realmente a área de projetos é o coração da profissão e importantíssima. No entanto, não desmorone frente a essa dificuldade pois a nossa profissão é carregada de desafios e, se tudo na vida fosse fácil, seriam bem sem graça não é mesmo?
      Procure então dar mais atenção a estas disciplinas que você tem mais dificuldade e não as encare como obstaculos intransponíveis… desarme-se. Com este pensamento você já entra nas aulas com bloqueios, e bloqueios só servem para atrapalhar a nossa vida seja onde for.
      abs e sucesso!!!

  216. Muito esclarecedor o seu post e dá uma luz para quem pretende saber mais sobre a profissão. Mas muitas ainda são as armadilhas para nós, designers. A possibilidade de se inscrever no CREA veio em tempo, mas apenas os cursos com jornada superior a 1.200 horas dão esse direito. Pouco se fala sobre isso. Eu perdi um tempão em um curso de uma instituição, que não valia para a inscrição na ABD e não tem carga para inscrição no crea.
    Curso renomado, caro e sem os requisitos para registrar nos órgãos.
    Conclusão: vou ter que complementar meus estudos para conseguir a certificação necessária.
    E a certificação é necessária, sim. Aqui em Sampa, o CREA está multando obras sob supervisão de profissionais não isncritos na entidade.
    Mas a profissão é maravilhosa. O início é penoso, como em todas. Mas é gratificante.
    abraços.

    • Adriana,
      CREA é para engenheiros, arquitetos e outros, não para DESIGNERS.
      Se você olhar neste post, perceberá que até mesmo a ABD (até que enfim) já está se movimentando contra essa palhaçada.
      Eles não nos aceitam como associados, logo, NÃO TEM PODER ALGUM PARA NOS AUTUAR.
      Salvo nos casos em que comprovadamente haja alteração estrutural sem o acompanhamento de um engenheiro ou arquiteto.
      De resto, gesso, pintura, paisagismo, revestimentos e tudo o mais que aprendemos na universidade nos habilitam LEGALMENTE para o exercício profissional.
      Portanto, nada a temer.
      Mas, caso aconteça, bote a boca no trombone sim. Denuncie sempre assim como eu faço ha bastante tempo.
      Enquanto nos calarmos e nos submetermos aos desmandos eles continuarão a tentar se impor no grito.
      Vi que você tem um blog, portanto entendaque ele é uma ferramenta poderosa contra esse tipo de coisa.
      abs e sucesso.

  217. Olá? Sou administradora e planejo iniciar um outro curso, estava pensando em fazer Psicologia, porque daria para aproveitar a profissão de administradora e os dons que tenho em gostar de analisar ambientes e pessoas… Mas hoje, eu fui fazer minha inscrição no PROUNI para concorrer para esse curso mencionado; por felicidade minha, acabei encontrando o curso de DESIG DE INTERIORES na faculdade NOVAFAPI, que por me atraiu muito. Posteriormente, resolvi analisar a grade curricular e aprovei-a. E em seguida, recorri ao google para saber sobre o mercado para o profissional de Designer de Interiores e acabei encontrando esse site maravilhoso, rico em informações precisas. Parabéns! Agora, amigo, antes de me despedir, queria saber se você tem conhecimento a respeit0 dessa profissão no Piauí, como por exemplo, a renda aproximada mensal( que neste site informa que esse fator depende da região que a pessoa esteja inserida), vantagens e desvantagens desta profissão, como mais alguma que achar conveniente.
    Desde já, muito obrigada.

  218. Olá gostei muito destas informações… tenho 17 anos e estou terminando o ensino médio ano q vem pretendo começar uma faculdade… e estou pesquizando oq fazer? O Design… preciza dezenhar bem e lida com muita matematica ?

  219. Oi, bom eu tenho 15 anos e me identifiquei muito com Disign de interiores, mesmo sendo ruim nos desenhos quero me arriscar nessa profissão, pelo o que eu li você mesmo no começo não era bom e pelo que parece hoje entende muito do assunto, enfim. Minha pergunta é se voce conhece o curso tec. da etec carlos de campos e se tem alguma curso que indica para eu fazer em São Paulo, agradeço e estou vendo que vou frequentar muito aqui :D

    • Olá Vinicius,
      bom, para um curso técnico (nível médio) até que está bom sim este. Porém é técnico.
      Você ainda é novo, tem muito tempo pela frente. Não se acomode então.
      Se quiser faça este curso e depois busque um de nível superior para complementar a sua formação ok?
      abs e sucesso

  220. Ola!
    Adorei o seu site vc esta de parabéns.
    Vou fazer design de interiores o curso é aprovado pelo mec gostaria de saber se posso dar aula fazendo so esse curso?
    Obrigado desde ja!

    • Lara, isso depende de onde você pretende lecionar.
      Se for em cursos técnicos, geralmente somente com o curso técnico você já consegue vaga em algumas escolas tecnicas.
      Acho isso muito errado pois além do curso técnico não capacitar plenamente o profissional, as pessoas oriundas deste tipo de curso não tem noção alguma sobre metodologia, didática, etc.
      Já para lecionar nos cursos superiores, mesmo fazendo um curso superior, você teria de fazer ao menos uma especialização: metodologia e didática do ensino superior. Isso em tese e em IES sérias. Mas claro que tem várias “uniesquinas” que pegam qualquer um… aí já viu a qualidade do curso como fica né?
      Espero ter respondido.
      Abs e sucesso

  221. Olá
    Gosto muito de arquitetura em desing,mas quero saber precisa saber desenhar para atuar nessa profissão?
    aguardo respostas
    Obrigada!!!

  222. isso é uma pergunta.
    nunca fui mto boa em desenho. no momento estou trabando numa loja de ambientes planejados.
    e a gostaria mto de fazer o curso de design de interiores!!
    vc acho que eu tenho futuro , ou que vale a pena fazer?

  223. Paulo, que bom achar vc!
    Sou designer de interiores e fiquei super chateada quando fui levar meu portfolio a uma futura cliente (que soube do meu trabalho através de uma outra cliente) e tudo corria maravilhosamente bem, até que eu a corrigi dizendo que não era arquiteta e sim designer de interiores. Mostrei as vantagens do design em relação ao arquiteto referente ao projeto de decoração para o apartamento dela. Ela simplesmente disse que gostaria que fosse um arquiteto pra que o mesmo pudesse assinar o projeto e que na casa cor todos são arquitetos. Não adiantou nada explicar que nem todos eram e que EU assino todas os meus projetos e sou responsavel por eles tendo parcerias com engenheiros em alguns casos.
    Percebi que é crescente o caso aqui em São Paulo. Vi num jornalzinho da ABD que devemos até tomar cuidado pois o CREA pode até processar quem usa o nome arquiteta de interiores. Mas não seria esse o nome mais adequado à nossa profissão?
    Gostaria de ressaltar que minhas parcerias com engenheiros estão dando muito certo!!
    Muito obrigada pelo seu blog maravilhoso!
    Virei sua fã!

    • Ótimo este seu comentário Ana.
      Realmente a situação é bem essa mesmo. E olha que é apenas uma das inúmeras dificuldades que enfrentamos no mercado.
      Espero realmente que a ABD comece a olhar mais para a situação dos Designers de Interiores depois do ocorrido com a Brandalize em Curitiba e deixe de proteger os arquitetos uma vez que estes já tem seu conselho que os defenda: o sistema CREA/CONFEA.
      Se aí já está difícil, imagine aqui no interior.
      Mas cabeça erguida e vamos em frente.
      abs e sucesso.

  224. Olá! Quaze 1 ano depois do meu primeiro post! sr..
    Queria falar que o curso em sí de design de interiores é otimo! Mas no meu caso foi decepcionante! Os professores por serem ARQUITETOS falavam mal do curso por ser de 2 anos e meio.E realmente é ruim porque aprende tudo na carreria, aqui onde moro em Goiânia, é meio dificil porque são poucos os designer que realmente trabalham na area de planejamento e desenvolvimento do ambiente!
    Ou eles acabam sendo CADISTA ou VENDEDORES DE LOJAS DE MOVEIS! o que me deixa bastante decepcionado! Casa cor daqui ouvi poucos design!
    Infelismente ainda as pessoas não acreditam na capacidade profissional de um design e acabam dando creditos a ARQUITETOS! Que por sua vez acabam falando mal dos design! é essa guerra desleal!

    • Olá Patrick,

      Essa questão da formação variada dos professores é realmente um problema sério e não só aí na tua região. Os cursos que tem a maioria dos docentes arquitetos realmente acabam deixando a desejar. Já aqueles onde a maioria é Designer estão sempre a frente.
      Também passei por esse tipo de coisa durante meu curso e só foi a duras penas e muito bate boca dentro da sala que conseguiamos arrancar algo mais aprofundado deles.
      Quanto a segunda parte do teu comentário, isso tem sim um motivo e a maioria dos profissionais tem culpa: falta de união.
      É muito difícil reunir os profissionais de Design de Interiores para tentar alguma ação positiva para a nossa profissão. Uma hora alegam falta de tempo, outra que não se interessam, outra que não querem se indispor com ninguém, outra simplesmente não participam pois se acham bons demais para isso e assim por diante.
      Mas vamos caminhando, levante a cabeça e não desista de seus sonhos.
      abs e sucesso.

  225. Olá, em primeiro quero ser mais uma a elogiar sua página, muito esclarecedora !
    Queria saber qual a duração do curso? E também, saber se existe integral ou noturno?
    Obrigada !

  226. Ola Paulo, parabens pelo site e por este post que com certeza esta ajudando muitos perdidos.
    Estou me formando em Engenharia Ambiental mas infelizmente, dps de anos estudando descobri que nao é minha praia. Agora estou pesquisando e me interessando muito por design de interiores. Tenho duas perguntas quais os pre-requisitos que uma pessoa deve ter para fazer o curso de design, por exemplo a pessoa tem que ser criativa, ter facilidade com desenho, com calculos, gostar de arte. Tenho um serio problema com combinação de cores, é dificil o meu gosto agradar alguem e é nesse ponto que estou me segurando para ir fundo no curso. Será que com a faculdade é possivel trabalhar o arranjo de cores, a criativadade?
    E a segunda pergunta voce conhece algum programa para desenho para ser usado em MAC (apple), pq o software é diferente do Windows. Ate tempos atras nao existia AutoCad para Mac. Voce teria alguma informaçao sobre isso?

    Grata
    Carla

    • Carla, vamos por partes.
      creio que um dos principais requisitos para um Designer de Interiores é ter noção espacial. Depois temos a criatividade (que pode ser desenvolvida com exercícios), desenho (aprimorado com cursos extras, arte (fundamental) e o bom e velho bom gosto.
      Quanto às cores, perceba que um dos maiores nomes nacional usa e abusa das cores: Marcelo Rosenbaum
      Durante o curso você certamente irá aprender a coordenar estes elementos todos e criar a sua linguagem e estilo profissional.
      Tem um amigo meu, o Vinícius (pedireitoduplo – o link esta no blogroll ao lado =====>) que tem um estilo bastante forte, marcante, pessoal e autoral. Eu não consigo projetar como ele, mas adimiro demais o trabalho do cara e ele faz coisas lindas nos projetos!
      Sobre softwares, creio que o CAD já existe para MAC. Não sei informar pois nao uso MAC então estou “desatualizado” sobre o assunto.
      Grato pelos elogios.
      abs e sucesso.

  227. oi tenho 17 anos e estou terminanado o 3°colegial.. e pretendo me tornar uma designer
    moro no interio de sp, em Araçatuba e gostaria de saber se conhece a faculdde toledo… e a unica q tem ese curso.. e tbm possue apenas cursos tecnicos…vc saberia me diser se a faculdade aki da minha cidade e uma escolha boa?

    • Carolina,
      não conheço a instituição e, quando tentei verificar os dados do curso (matriz curricular especialmente) na página da instituição dá erro. Não tenho como avaliar.

  228. Paulo, boa noite!

    Assim como os demais, gostaria de parabenizá-lo pelo blog.

    Tenho 21 anos, resido em Porto Alegre / RS e cursei até o segundo semestre em Hotelaria. Área na qual já trabalho há quase dois anos.
    Em meio a minha falta de conhecimento no mercado de trabalho, entrei neste ramo praticamente de olhos vendados, e por fim percebi que não estou no caminho certo. Quero mudar de profissão. Desta vez, estou de fato entrando numa onda de pesquisas afim de não cometer o mesmo erro.
    Tenho habilidades com desenhos, gosto de mudanças, de uma boa estética nos ambientes, etc. Pelo que li até o momento, tenho me interessado bastante pelo bacharelado em Design de Interiores.
    Em relação ao salário de um designer, li que você comentou uma média de R$700,00 mais benefícios e comissão para um profissional com carteira assinada. Mas que há, também, uma variável em questão para os que fazem o “freelancer”.
    Na profissão em que estou atualmente, um dos fatores em que me decepcionei bastante, foi a questão do salário. Embora eu não esteja em busca de um ramo extremamente bem remunerado, e sim algo em que eu me sinta realizado profissionalmente, gostaria de saber, até quanto um designer pode ganhar por um projeto? É possível trabalhar em uma empresa e ao mesmo tempo ser um profissional autônomo? Considerando que deve haver um certo conhecimento para se ingressar neste mercado, assim como os demais, a partir de quando eu poderia começar a trabalhar/estagiar na área de design (uma média)?

    Obrigado e sucesso!

    • Olá Marcelo,
      Bom, essa média de salário (R$ 700,00) na verdade é relativo àqueles profissionais que optam por trabalhar em lojas. Tem-se um salário fixo mais ou menos nessa média acrescido de comissões.
      Já os profissionais que trabalham com projetos de forma autônoma podem vir a ganhar bem mais que isso, mas tudo vai depender da dedicação, empenho e marketing pessoal.
      A ABD em 2009 fez uma pesquisa e conseguiu levantar que os profissionais ganham em média (% dos entrevistados):
      até 1.500,00 – 11%
      de 1.500 até 2.000 – 10%
      de 2.001 até 3.000 – 14%
      de 3.001 até 4.000 – 16%
      de 4.001 até 5.000 – 15%
      de 5.001 até 6.000 – 9%
      de 6.001 até 7.000 – 6%
      de 7.001 até 10.000 – 9%
      de 10.001 até 15.000 – 6%
      de 15.001 até 20.000 – 2%
      de 20.001 até 30.000 – 1%
      acima de 30.000 – 1%
      Temos então uma média de R$ 5.200,00.
      Com relação ao valor por projeto, esta é uma discussão complicada pois (1) muitos cobram seguindo tabelas (m²), (2) muitos cobram dependendo da complexidade do projeto, 3) outros cobram por ambiente projetado… então não dá para dizer se isso é certo, aquilo é errado.
      Os valores de tabelas geralmente são impraticáveis, os clientes não pagam (e reclamam demais) por acharem abusivos os valores.
      Eu não consigo colocar para você um valor médio por projeto pois estou no segundo grupo, que acho o mais justo e correto para o profissional e para o cliente.
      O que não pode acontecer é o profissional começar a dar projetos de graça (como vem acontecendo e consequentemente prostituindo o mercado) em troca das comissões que as lojas pagam. Isso é canalhice e falta de ética e respeito profissional.
      Trabalhar numa empresa pressupõe que vc terá um horario diario a cumprir, logo ficará difícil conciliar as duas coisas, pois além de projetar, vc terá de acompanhar seus clientes nas compras para evitar que comprem coisas erradas ou se deixem levar por vendedores espertinhos. Além de ter a obrigação de se fazer presente nas obras para dar os encaminhamentos aos empreiteiros.
      Sobre o estágio, quanto antes conseguir começar mehor.
      Abraço e sucesso!

  229. oi paulo amei o seu blog!!!
    pois estava com um pouco de duvidas sobre esta profissao.

    gostaria de saber onde tem mais possibilidade para trabalho nessa area

  230. Parabéns pelo site, eu faço faculdade de Design de Interiores, ainda estou no 1º período, então foi ótimo ler tudo isso pra ter uma noção maior do que vou fazer!

  231. gostei muito das explicações, mais fiquei em dúvida de dois assuntos abordados. O que é traçar perfil psicológico/ social de um cliente, e como fazer isso? e como fazer está ligação com o painel de semântica, no qual vc citou, como fazer isso?
    vai me ajudar muito essas esplicações.

    • Thais,
      o perfil social/psicologico é o resultado da leitura que o profissional faz do brieffing. Um brieffing bem elaborado é capaz de fazer aparecer ou deixar claro este perfil do cliente.
      O resultado da interpretação do brieffing é quem vai te mostrar o estilo, gostos pessoais ou seja, a personalidade do cliente sobre a qual você terá de montar o projeto. São as diretrizes do projeto.
      O “painel de semântica” que citei no texto na verdade é o “concept board” que nada mais é uma placa onde você irá colar as imagens, tecidos e revestimentos que serão utilizados no projeto para facilitar a leitura e localização pelo cliente.
      abs

  232. Olá Paulo!
    Parabéns pelo blog e pelas dicas esclarecedoras!
    Tenho verdadeira paixão por design de interiores, quando ingressei na faculdade queria fazer arquitetura, porém cursei artes visuais que tbm gosto muito. Agora já faz um tempo que estou formada, não estou trabalhando na área.Com o tempo descobri que Design de interiores seria melhor que Arquitetura para mim. Estou pensando em me inscrever para um curso técnico em design de interiores, pois não tenho condições financeiras de pagar um curso superior e como já tenho formação não consigo nenhum beneficio do governo. Tenho conhecimentos e amo desenho, tbm já fiz curso de AutoCad. Vc acha que é uma boa saída para ingressar na carreira de Designer de Interiores?
    Desde já, muito obrigada!

    • Lilian,
      grato pelos elogios.
      Bom, pode ser sim dependendo de onde você vai fazer o surso.
      Assim como existem as “uniesquinas”, também existem escolas técnicas de qualidade duvidosa.
      Porém o primeiro passo você já deu: decidiu-se. E também tem o ponto chave de que pretende fazer o surso porque gosta e não porque está na moda ou é chique.
      Pesquise bem antes de entrar no curso ok?
      abs e sucesso.

  233. Amei seu blog!
    Tão detalhado, quase que não deixa dúvidas sobrre o assunto.Quero parabenizar…
    Minha filha tem 17 anos ,e ainda não tem certeza do que fazer, mas está pensando seriamente em design. Só tem um pouco de medo de não ter retorno financeiro imediato. O mercado de trabalho é difícil na grande BH? contrata-se recém formados com frequencia,ou só quem tem padrinho?

    • Renata,
      veja se o curso oferece estágio como obrigatório.
      Já no estágio sua filha irá começar a elaborar seus contatos e parceiros profissionais.
      Toda profissão tem seu inicio complicado e com o Design não é diferente.
      Vai do profissional atuar corretamente e saber abrir, manter e ampliar seus contatos.
      abs e sucesso a sua filha.

  234. Olá Paulo, esta de parabens pelo blog!

    Minha duvida eh na diferença dos cursos de design de interior e ambiente.
    Como vc mesmo postou no blog, eh comum dizer que design de interior, soh trabalha com o “lado de dentro”. Sei que isso eh mito.
    Mas o designer de interior eh mais minucioso do que o de ambiente? Tem uma qualidade específica em cada profissional que possa diferenciá-los? jah que na teoria fazem praticamente o mesmo trabalho ( nao sei se estou certa)

    Qual seria sua escolha?

    Obrigada

    • Design de Interiores nós chamamos aqueles cursos que não tem disciplinas como paisagismo, por exemplo. Os que tem, chamamos de Design de Ambientes.
      Veja bem, o termo Design de Ambientes vem sendo utilizado para mostrar que o conteúdo assimilado nos cursos nos deixam aptos para trabalhar em qualquer tipo de ambiente.
      Numa analogia, digamos que um estudante de medicina só faça suas aulas dentro de salas cirurgicas. Ele não poderá atuar num Samu ou socorrer uma vítima de acidente na rua por causa disso?
      É bastante ridículo dizer que um Designer só possa atuar entre 4 paredes, coisa de quem não sabe do que está falando.
      Eu fiz Interiores, mas trabalho e me apresento como Ambientes.
      No seu caso, opte pelo mais completo, mais amplo.
      abs e sucesso.

  235. Olá Paulo!!

    Moro em São Paulo capital.
    Sou apaixonada por Design de Interiores.
    Estava pesquisando na net sobre a profissão e adorei seu site!
    Estou com uma dificuldade, que está me empatando de ingressar no mercado que desejo.
    Meu sonho é cursar Design de Interiores, e trabalhar com o que eu gosto, com mais independência, criatividade e amor. Minha intenção é trabalhar na área como autonoma.
    Porém estou um pouco perdida, já que trabalho numa instituição financeira privada, tenho meu salário fixo e estabilidade. No momento está sendo bom, já que preciso arcar com meus compromissos financeiros. No momento não tenho condições de arriscar tanto.
    Preciso realmente de alguma ajuda de um profissional da área, preciso de orientação. Já tenho 24 anos de idade e tenho medo do tempo passar e ficar cada vez mais tarde para mudar completamente de profissão e obter sucesso.
    O que faço Paulo?? Me dá uma forcinha…

    Obrigada!

    • Clara,
      “Já tenho 24 anos”??? rsrsrs
      Fique tranquila.
      O que você pode fazer é de início pegar projetos pequenos que dê para você conciliar os dois trabalhos.
      Uma boa é começar como decoradora e, conforme for ganhando espaço e nome, a hora que já tiver uma carta de clientes formalizada, assuma o Design. Talvez assim você fique mais segura.
      O inicio, como em todas as outras profissões é complicado mas há espaço no mercado sim.
      abs e sucesso.

  236. ola por favor tire-me uma grande dúvida.
    pra faze o curso superior de design de interiores é preciso saber desenhar porque sou pessima em desenho mais gostaria muito de fazer este curso?
    responde o mais rapido possivel se puder
    beiijos

  237. Olá. Gostaria de saber quais seriam os melhores cursos de design de interiores no mundo, de preferêcia em países que falem inglês como o Canadá ou a Austrália.

    • Olá Natália,
      fica complicado fazer uma pesquisa dessas pois já estou com dificildades em manter atualizada a lista de cursos aqui pelo Brasil.
      Tente entrar em contato com a ABD, pode ser que eles te ajudem nesse sentido ok?
      abs

  238. Olá Paulo, peimeiramente parabéns pelo blog.
    Estou muito interessado em entrar pro mercado de Design de Interiores mas aqui aonde eu moro o mais curso mais perto que eu conheço é o da IBDI (Instituto Brasileiro de design de Interiores) e gostaria de saber se vc tem alguma informação sobre essa indtituição?

    Aguardo…

    • Jefferson,
      Isso já me rendeu diversas agressões e comentários maldosos aqui no blog e em outros espaços também.
      Veja bem, o curso do IBDI é um curso à distância.
      Eu e vários profissionais e professores que conheço, não conseguimos compreender qual o valor real de um curso numa área altamente técnica, sendo à distância.
      Se nos presenciais já são complicado e difíceis muitos dos conteúdos e, mesmo com o professor o tempo todo ao lado, os alunos ainda saem com dúvidas e erros, imagine num à distância.
      Se for um curso de Decoração de Interiores pode até ser à distância.
      Mas um de Design de Interiores, sinceramente, não funciona e não tem a menor possibilidade de funcionar. É o mesmo que um médico formado à distância.
      É a minha visão enquanto profissional, professor e pesquisador da área. Tem gente que discorda e tem muita gente que concorda com a minha opinião.
      Respondido?
      abs e sucesso.

  239. Estou Pensando em Fazer o Curso TEcnico De Design De Interiores pois me identifico Muito Porém Não Sei Fazer Desenhos A Mão Será Q Isso Pode Me Atrapalhar Muito No curso e Na CarreirA Se Decidir Prosseguir?
    REsponda Por Favor !!!

  240. Oi parabéns pelo blog, tenho 27 anos já partindo pro 28 pretendo fazer design de interiores na uva aqui do rio de janeiro, gostaria de saber se com essa idade consigo trabalhar nessa área, já que não tenho experiência.
    Aguardo seu contato. :)

    • Olá Joyce,
      pode ter certeza que sim e, assim como qualquer outra profissão, vai depender unica e exclusivamente de vc abrir o seu mercado.
      abs e sucesso!

  241. Olá, gostaria de começar ano que vem a fazer um curso técnico de design de interiores, mas o meu maior medo é não saber se é preciso saber desenhar para começar o curso.
    Aguardo resposta. Obrigada.

  242. Olá Paulo, meu nome é Nathália, tenho 16 anos e estou em dúvida sobre o curso de design. Eu moro em Maceió- AL, queria saber se o mercado daqui é realmente bom e se existe outros cursos que eu possa fazer quando terminar a faculdade para me especializar.
    Obriga pela atenção.

  243. Paulo , terminei o ensino médio esse ano e ja estou decidido em que area cursar , que obviamente é a de Desing de Interiores . Moro em Brasília e vi que aqui somente 3 faculdades oferecem o curso. A pergunta é , será a quantidade de faculdades influi no mercado de trabalho por aqui ?? E tbm como anda o mercado de trabalho nessa área hj em dia ??Ahh etbm queria saber a diferença entre graduação e o tecnologo

    • Paullo,
      “somente tres?”
      Não sei dizer se influencia no mercado, mas certamente pode ser um ponto positivo ao provocar a disputa pelo melhor curso entre as IES.
      De um modo geral, o mercado está em plena expansão em todos os cantos do país, acredito que aí em Brasília também esteja assim.
      Os cursos tecnólogos são de graduação.
      Deve estar perguntando sobre os cursos de bacharelado e tecnólogos.
      Bacharelado são cursos mais complexos, mais aprofundados inclusive em pesquisas. Te dão direito a fazer mestrado e doutorado.
      Os tecnólogos são mais concentrados e são eliminadas estas disciplinas voltadas à pesquisa e algumas outras não técnicas.
      Sucesso!!!

  244. ola, sou de matão sp

    parabéns pelo blog…vou começar um curço de desing de interiores no senac ou na faculdade Unip interior de SP.
    Os dois são técnicos, o do senac é de 3 anos e da unip de 2 anos
    eu gostaria de fazer um graduação, porém as faculdades perto da minha cidade ñ oferece esse curso.
    você acha que vale a pena fazer um curso técnico de desing de interiores.
    eu sei desenhar bem a mão livre, só que eu ainda não sei mexer com alguns programas de computador, por eu ñ saber mexer, você acha q eu vou apanhar um pouco nesse curso ?

    obrigado
    sou de matão sp

    • Renan,
      tem uma confusão em teu comentário:
      O curso do SENAC é técnico (nível médio)
      O curso da UNIP é tecnológico (nível superior)
      Não sei se é o caso do curso do SENAC aí perto, mas eles não tem aula todos os dias, por isso pode dar essa falsa impressão de por ser mais longo, melhor.
      Eu sempre indico os cursos superiores.
      Apesar de não ter conseguido acesso à matriz curricular do curso da UNIP, creio ser a melhor opção.
      Se já desenha bem, ótimo! Quanto aos rogramas, você vai aprendendo durante o curso. Mas eles não são fundamentais, são apenas mais uma ferramenta à disposição para o nosso trabalho ok?
      abs e sucesso.

  245. eaw… Paulo obrigado pela sua resposta
    você é muito prestativo…. parabéns

    você q é um grande profisional nessa área…
    eu gostaria de saber, um pouco sobre o mercado de trabalho .

    essa é uma profissão q tem mercado de trabalho
    no interior de SP ?

    e outra vez
    muito obrigado…
    renan

    • Bom Renan,
      de um modo geral o mercado esta forte e crescendo em todas as regiões.
      Tenho alguns amigos no interior de SP e ele não estão reclamando nao, pelo contrário.
      Sinal de que deve estar bom!
      abs

  246. na verdade nao é um comentario e sim uma pergunta.. gostaria de saber…que are o disign e mais valorizado- de moda ou de interiores ?? E minha outra pergunta e se o design de interiores e mais reconhecido aqui no brasil ou no exterior??

    obrigado desde ja !! ah e o site e otimo e bem objetivo.

    • Amanda,
      depende da região que você mora. Moda geralmente é uma excelente área quando se está proximo de polos industriais do setor, mas também tem como trabalhar estando longe.
      A minha irmã, por exemplo, mora em perto de Campinas e atende confecções do Brasil todo. Tudo depende da sua apresentação/colocação no mercado.
      Já interiores, tem mercado em todas as cidades, basta saber posicionar-se também.
      Sobre o reconhecimento, no exterior – em alguns países sérios – a área já foi devidamente regulamentada. Aqui no Brasil estamos na luta para alcançar isso também. Mas de uma maneira geral somos sim respeitados em nossas áreas. Só de vez em quando que aparece um orelhudo de outra área querendobotar pose de bambambam.
      Grato pelos elogios!!!
      abraços

  247. Paulo nao sei se ja fizeram esta pergunta aqui pq sao muitas nao da pra ler todas, mas atualmente e futuramente o formado em arquitetura nao vai “roubar” o emprego de um formado em disign? tenho medo de ingressar toal na carreira por isso. e existem muitos escritorios de design que pagam bem?
    muito obrigado

    • Samuel,
      não!
      Nos cursos de arquitetura ocorre uma vaga passagem por disciplinas do Design (geralmente ficam apenas na historia). Eles não entram em questões técnicas de Design, portanto, não são designers.
      Tem muitos que atuam na área, especialmente interiores, mas é fácil perceber quando o projeto é feito por um Designer ou por um arqui-dezáiner. Em questão de qualidade e exatidão projetual o Design é imbatível. Isso serve também para produtos e outras áreas que eles tentem trabalhar dentro do Design.
      Mas, como em todas as profissões, é o profissional que tem de lutar para abrir e conquistar o seu mercado, nada vem de graça.
      Existem sim escritórios já bem estruturados que pagam consideravelmente bem, basta procurar.
      Uma boa dica é aproveitar durante o curso e estagiar em algum deles ok?
      abs

  248. Ola Paulo….

    Paulo eu inicio, em 2011 um curso de design de interiores na UNiP.
    e eu entrei, essa semana em uma empresa de MOveis Planejados,
    daqui um certo tempo eu vou aprender planejar móveis.

    por se uma empresa de móveis planejados, vc acha, q vai
    me ajudar na faculdade de design de interiores ?
    moveis planejados é um bom caminho para um design de interiores
    q esta começando ?

    Renan
    Felis ano novo

    • Renan,
      bom, toda loja que trabalha com móveis é um grande aprendizado. Porém não se deixe prender pelas facilidades do PROMOB que é o software utilizados por elas. PROMOB qualquer um mexe e definitivamente não forma um designer portanto nãop se prenda apenas ao mundinho das lojas de planejado ok?
      Tem um lado positivo nisso: você irá formar uma bela carta de clientes futuros.
      Ah, e você depois de formado será um DESIGNER de interiores. DESIGN de interiores é a profissão. Designer, o profissional.
      Sucesso e um 2011 iluminado a vc!!!

  249. Olá, tudo bem?
    Bom fiz faculdade de comunicação (relações-públicas) infelizmente não por identificação. Hoje faço curso técnico em design de interiores e estou adorando, moro no interior da Bahia e aqui não tem curso superior de DI. A escola é muito bem conceituada (EBADE). Gosto muito da área artística, desenvolvo trabalhos relacionados à reciclagem de papel, não sou uma profissional no desenho, mas adoro desenhar e tudo relacionado à arte. Sem conhecimento prático na área de DI, ( eu digo assim não entendo nada de gesso, tintas, revestimentos, etc) é possível apenas com o curso técnico e com estágio, dominar as noções básicas da profissão?
    Obrigada e adorei o seu blog.

    • Silvana, o que vai te fazer uma profissional competente é a prática e o seu empenho pessoal num constante aprendizado/atualização.
      Existem cursos livres sobre estes outros assuntos que você citou que podem ser de grande ajuda. Dê uma busca aí na sua região sobre eles ok?
      abs e sucesso.

  250. Oie,meu nome é Karolina e estou na fase de “descobrir o que quero fazer da minha vida”, rs!

    E eu tenho um enorme interesse em Designer de interiores, aí eu achei seu blog através do google. Eu tenho algumas perguntas sobre o curso, a profissão e tudo mais. Será que você poderia me ajudar?
    – Eu queria saber se pra essa profissão requer muito desenho e tal, porque eu tenho algumas dificuldades para desenhar. Isso ia me dificultar muito?

    Bom, essa é uma dúvida que sempre me consome,rs, espero que você possa me ajudar.

    Obrigada pela atenção, Karolina.

  251. Olá, Paulo. Primeiro parabéns pelo site. É um ótimo trabalho. Sempre atualizado, bem escrito e limpo.
    Eu curso design de ambientes (bacharelado) na Uemg e tenho sentido bastante insegurança. Acredito que isso possa ser atribuído a falta de depoimentos de profissionais nessa área. Tenho várias dúvidas e percorrendo pelas páginas da internet, encontrei o seu site. Um feito que tem me transmitido segurança e esclarecimentos.

    Mas como são vários posts, não tive oportunidade de ler todos ainda e portanto, tomei a liberdade de expor a minha dúvida. Penso que um cliente ao contratar um designer, não pede para ver o seu diploma. Pra ele independe se o contratado é técnico, tecnológo ou bacharelado. Sendo assim, qualquer pessoa com experiências e afinidades na área seria “apto” a atendê-lo. Daí vem a minha dúvida. Vale a pena eu cursar 4 anos ao invés de 2?

    Você poderia comentar um pouco também sobre o mercado de trabalho? Há indícios de crescimento?
    Realmente vejo poucos profissionais dessa área. Muitos dos que eu conheço, acabaram por se ocupar com outras profissões, por isso a minha insegurança.
    Desde já agradeço a atenção, Vanessa.

    • Vanessa veja bem,
      existem sim diferenças entre os cursos e quanto mais longos – ao menos em tese – melhor preparado para o mercado o profissional sai da universidade por causa da carga horária e conteúdos.
      O curso que fiz foi tecnológico e posso te afirmar que tudo é tão corrido e apertado que muita coisa mal deu pra aprender em sala e tive de estudar e pesquisar “por fora ou em casa” mesmo por causa da carga horária extremamente pequena. Tivemos algumas disciplinas com CH de 40h, outras 30h e assim por diante.
      Se eu não tivesse estudado sozinho ou feito cursos de aperfeiçoamento teria ficado na marolinha…
      Então, aproveite ao máximo estes seus 4 anos. Eu só fiz um de 2 por falta de opção de um maior aqui perto.
      O mercado está sim crescendo, é só observar a quantidade de prédios sendo levantados e “o fervo” dentro dos condomínios fechados (horizontais). O que acontece é que não temos uma classe (odeio essa palavra rsrsr) unida, que lute junto em defesa da profissão, que exija da mídia o repasse de informação correta sobre o profissional, que cobre dos parlamentares a regulamentação entre muitas outras variáveis que influenciam nisso.
      Também vejo diversos formados abandonando a área e reclamando muito, mas quando tento conversar sobre se juntar a mim na defesa da profissão pulam fora… lamentavelmente.
      Acho que é isso. Se você ainda é estudante faça como a Nathalia Lopes e conscientize-se desde já e também trabalhe em defesa da profissão que escolheu para viver.
      abraços e sucesso!!!
      ;-)

  252. Olá!Eu fiz design de interiores no senac foi muito bom ,porem achei muita coisa interessante para aprender em tao pouco tempo,o curso deveria ser mais longo mas eu recomendo.ainda quero fazer o superior pois so vou agregar mais conhecimento e é isso que eu quero.Parabéns pelo blog esclarecedor,este com certeza ajudará muito os interresssados em fazer design.o curso é maravilhoso!Dificuldades existen em qualquer area.Entao vamos em frente!!!

    • Maria,
      sou um defensor ferrenho dos cursos superiores exatamente por essas questões que você levantou em seu comentário.
      Tem áreas que não cabem cursos técnicos e muito menos EAD. E interiores é um destes casos.
      Mas espero que faça mesmo o superior e que alcance o tão esperado sucesso ok?
      abs e grato pelos elogios.

  253. Ei paulo. então, eu sempre quis direito a vida toda, e agora quis mudar de curso e escolhi design porque sempre gostei de decorações e etc.. mas eu nao tenho base nenhuma em nada de design, nao sei nada sobre, e nao sei desenhar profissionalmente! Voce acha que daria certo isso? rs. tenho condições de aprender a desenhar? quero muito esse curso, mas tenho medo de nao ser uma boa profissional porque nao conheço nada a respeito.
    obrigada

    • Katriny,
      ninguém nasce sabendo tudo. A vida é um constanta aprendizado.
      Procure uma boa universidade, um bom curso e certamente verá que estas barreiras são transponíveis.
      Abra um reader exclusivo para blogs e sites referentes a Design e leia-o diariamente.
      abs e sucesso

  254. Olá. Ótimo blog, adorei ler tudo que você disse aqui. Tirou quase todas as minhas dúvidas, dúvidas que ninguém conseguia tirar.
    Estou no 2º do EM, estudo no SESI. E há uns 2 anos atrás, eu já tinha começado a pensar no que fazer, tinha optado pelo Designer de Modas, mas comecei a me interessar por Design de Interiores. Tenho um amigo que é Designer, e tenho conversado com ele desde quando queria Designer de Modas, ele disse que qualquer área de Design não lucra muito. Então optei por Arquitetura, mas confesso que quando me falam de Design, “meus olhos brilham”, porque é meu interesse maior. Ainda tenho praticamente 2 anos para decididir, mas estou procurando alguns Designers para porder conhecer mais o trabalho, e depois não me arrepender pela minha escolha.
    Eu moro em Curitiba-PR, e gostaria de conhecer alguns profissionais e seus trabalhos. Se pudesse me ajudar, eu fico grata.

    Obrigada desde já.

    • Giovanna,
      como qualquer outra área, a questão do lucro depende única e exclusivamente do empenho do profissional em entrar e manter-se no mercado. Saber relacionar-se e manter uma grande rede social.
      As redes sociais da WEB são uma excelente ferramenta para isso.
      Em Curitiba, procure conhecer o trabalho – e se possível pessoalmente – da Fernanda Brandalize. Tenho certeza de que vai gostar.
      abs

  255. Olá! Tenho 16 anos e farei vestibular no fim desse ano. Eu gostaria de saber a que curso devo recorrer no vestibular para poder fazer design de interiores, pois em muitas faculdades (como UFPR,UTFPR, UFSC e UDESC), que são as que eu me interesso, oferecem apenas o curso de “design” que abre um leque de opções. Devo me inscrever para design e depois que me formar fazer alguma especialização em design de interiores? ou apenas o curso de design já me torna qualificada para exercer a profissão de designer de interiores? Estou muito confusa em relação a isso mas tenho medo de perguntar para alguém e parecer burra. Desde já agradeço a ajuda!

    • Patricia,
      infelizmente as IES públicas (em sua grande maioria) ainda não aceitaram os cursos de formação tecnológica. São bem poucas realmente. Por causa dos catedráticos arrogantes, as diretorias de graduação encontram muitas barreiras para a implantação desta modalidade.
      Sobre o que fazer fica difícil te falar. Pode sim fazer Design, mas procure então direcionar o seu foco para a área de Interiores/Ambientes já na graduação e depois faça uma especialização ou um tecnológico para complementar com as disciplinas que faltarão num curso de Design tradicional.
      O curso de Design (desenho industrial) não forma o Designer de Interiores/Ambientes pleno, apenas em partes. Faltam disciplinas como sistemas prediais por exemplo, que são fundamentais para o exercício profissional na área de interiores. Portanto você precisará sim da complementação.
      abs e sucesso

  256. queria saber se é uma profissao que esta em alta hoje em dia? se é um curso bastante concorrente ou nao? e qual é o salario inicial…

    • John,
      depende do que é “estar em alta” para você.
      É sim uma área que está aberta para bons profissionais e que pode lhe render um bom “salário” no final de cada mês.
      Porém tudo vai depender única e exclusivamente do profissional.
      Os cursos estão sim bastante concorridos por – infelizmente – estar na moda e muitos que adentram aos mesmos pensar que trata-se de um cursinho daqueles antigos de decoração apenas pra aprender a combinar almofadas e coisas similares. Mas já aviso: Design de Interiores/Ambientes exige bastante do acadêmico que realmente leva a sério o curso e deseja ser um profissional respeitado futuramente.
      Abs

  257. Ola gostaria de saber se o curso de design de interiores da estacio é bom? estou pensando seriamente em me matricular na estacio mas antes gostaria de saber do nivel do curso. gostaria de me forma em designer e abrir um negocio proprio sera que tem futuro a profissão?

  258. Ola, eu estou no segundo ano de um curso profissional de Design de interiores/Exteriores aqui na Europa, (Portugal), pretendo dar continuidade em uma faculdade no Brasil (Londrina-Paraná) e gostaria de saber quais os exames que podem vir a pedir ou ser necessários, se há alguma media para entrar, e com que idade! Ainda não sou de maior. Obrigada

    • Olá Barbara,
      eu não sei te responder isso pois cada universidade tem seus metodos.
      Nesse caso, aqui em Londrina a única universidade que oferece este curso é a UNOPAR.
      Entre em contato direto com a Profª Lilia Paula Simioni Rodrigues que é a coordenadora do curso na Unopar pelo e-mail: lilia.rodrigues@unopar.br
      Abs e seja bem vinda ao Brasil!!!
      ;-)

  259. Olá Boa Noite!

    Estava pensando em fazer graduação Teconóloga em Design de interiores, para ver se é isso mesmo que quero!

    O que você acha sobre este tipo de graduação para a área de Design?

    Desde de já, muito obrigada ^^

    • Tabata,
      “para ver se é o que eu quero”?? Se for assim nem comece então.
      A escolha de um curso superior é muito importante e não deve ser levada como uma loteria ou aposta – dele vai depender o seu futuro. ;-))
      Sobre os cursos tecnológicos, não vejo problema algum desde que a universidade que o oferece seja séria e trate o curso com respeito.
      abs

  260. boa tarde,gostaria de saber sobre faculdades em lisboa portugal
    visitei algumas,esad foi uma delas sao 3 anos a faculdade
    gostaria de saber se cursando la posso atuar no brasil livremente
    bjos

  261. Paulo a faculdade que eu visitei em Portugal
    é a ESAD
    uma faculdade de belas artes que encloba varios cursos
    o de desing de interiores sao tres anos a licenciatura.
    Voçe tem alguma informaçao sobre os estudos em Portugal?
    muito obrigada tenha uma boa noite

    • Micheline,
      não conheço as IES de Portugal mas geralmente as escolas de Belas Artes são boas.
      É melhor você tentar contatar com o pessoal de lá mesmo ok?
      abs e sucesso

  262. Ola!Boa Noite!
    olha! vou te dizer uma coisa,vôce quase me desanimou quando comecei ler seu blogrsrsrs.tenho trinta e quatro anos terminei o supletivo agora e quero ser “desagner de interiores´´´sera que eu consigo? não esta muito tarde? Sempre gostei de decoraçaõ,mas não e´a mesma coisa né.
    Adorei suas respostas bem objetivas e diretas para quem ta indeciso
    abraço

    • Ei Eliane
      Eu trabalhei em agencia de publicidade por 20 anos e me formei no INAP em design de interiores no ano passado em julho com 53 anos. E não fiquei sem serviço até agora. Tenho um escritório com uma sócia e estamos pensando em contratar um estagiário. Acho que você tem que procurar caminhos criativos. Fazer um blog, mostrar do que você é capaz. Fazer projetos de graça para amigos e parentes enquanto esta na faculdade ou mesmo depois… se qualificar, que é o principal, para não ser apenas mais um… isso vale para qualquer profissão não é??? Não se esqueça nosso mestre maior está com 104 anos Oscar Niemeyer . Boa sorte.

      • É isso aí Ana,
        “tudo vale a pena quando a alma não é pequena”,
        basta querer e, FAZER ACONTECER!
        abs e sucesso ;-)

  263. Olá Sr. Paulo, tudo bem?

    Amo design de interiores, estudo por conta própria há uns 10 anos, aprendi a desenhar em 3D sozinha e não vejo a hora de colocar a mão na massa. Trabalho em uma empresa de sistemas de energia. Em parelelo, estou abrindo um escritório e tenho dúvidas no que se refere ao negócio propriamente dito. Quero me dedicar só ao DI [e viver disso], mas para isso, preciso obter o retorno financeiro. Se tiveres alguns conselhos e dicas para me dar sobre captação de Clientes, fidelização, algumas dicas de como atingir o público-alvo, te agradeço. O que é importante dizer para os Clientes, para atraí-los, etc. Já conversei com alguns profissionais da área, arquitetos, futuros concorrentes, possíveis parceiros e ninguém se abre de verdade para mim. Se tiveres um tempinho, dá uma olhadinha no meu site [www.saiuri.com.br] e me dá um feedback? Desde já agradeço a tua atenção e aguardo um retorno. Um abraço!

  264. Olá Paulo, quero parabenizá-lo por este espaço no qual possamos esclarecer muitas dúvidas e nos informar sobre a profissão.
    As dúvidas que eu tinha algumas já foram esclarecidas pois li e reli todos os cometários acima. Uma delas seria sobre o curso do Senac SP ou curso superior, o que já foi dito que o superior é bem mais complexo além de ser mais reconhecido no mercado.
    Mas no meu caso seria a escolha de um curso técnico, pelo fato de não ter mais 17 anos e nem 20, nem 30, e nem…40 ! Estou com 42 anos mas tenho o grande sonho de cursar o Designer.O meu grande receio é o mercado de trabalho, pois estou fora dele há muito tempo, como captar clientes, após o término do curso, a idade logicamente influenciaria, abrir um escritório seria muito arriscado?
    Por gentileza, aguardo o seu retorno o qto antes. Muito obrigada desde já pela atenção.
    Um abraço
    Marta

    • Olá Marta,
      bom, o tempo que você vai levar para fazer um curso técnico, levará o mesmo se optar por um sequencial ou tecnológico. No entanto, a formação, no caso dos dois de nivel superior, é bem melhor e mais aprofundada.
      Você pode estar fora do mercado de trabalho, porém, tenho certeza que não se afastou de seu círculo social. Comece a buscar clientes dentro dele ok???
      Sobre abrir um escritório, comece com um home office. É mais seguro até você estabilizar-se e conseguir “um lugar ao sol” no mercado.
      Sucesso!!!

  265. Muito obrigada Paulo pelo retorno ! São pouquíssimas as pessoas que são atenciosas e querem ajudar outras pessoas na parte profissional. Valeu !!!

  266. Oi Paulo, desculpe mais uma vez mas me surgiram algumas dúvidas, vc comentou sobre trabalhar home office e é justamente o que eu estaria pensando para o começo. Mas a minha dúvida seria, caso algum cliente precise e exija nota quanto ao meu orçamentdo projeto, como eu poderia conseguir sem firma aberta?
    E se por acaso eu consiga um cliente para realizar um projeto que precise alterar a estrutura como uma parede, eu não poderia realizar isso, só com o aval de um arquiteto ou engenheiro?
    Qual seria um meio interessante com algum retorno para conseguir entrar no mercado de designer?
    Desculpe incomodá-lo novamente, mas estas informações são muito importantes e eu não tenho outro meio para adquiri-las
    muito obrigada
    Marta

    • Marta, vamos por partes:
      1 – Home Office exige também a abertura da empresa. Infelizmente não somos contemplados com o Simples e temos de abrir no modelo normal. Mas para orçamento não necessita a emissão de NF. Só para projeto contratado. O que você pode fazer também é cadastrar-se na prefeitura de sua cidade como profissional autônoma e assim, poderá emitir as suas NF.
      2 – Derrubar paredes: probleminha chato esse e que eu questiono muito. Conhecemos o suficiente de estruturas para saber se podemos ou não derruba-las, mas precisamos da guarda de um profissional “habilitado” para tal. Creio que, se for pouca coisa (1 ou 2 paredes distantes por exemplo) não haveria problema algum. O caso é que o CREA fica em cima de nós profissionais “invasores de áreas” mas não olha para as vilas onde os puxadinhos e alterações são feitas por pedreiros livremente, e estes mesmos órgãos fiscalizadores fazem “vista grossa”, especialmente depois que acontecem desastres. É um ponto bastante incoerente este mas, para evitar problemas com as obras, é sempre bom ter um profissional parceiro que cubra esta parte ok?

  267. Boa tarde Paulo, quero lhe parabenizar pelo seu blog e ajuda!
    Bem, faço faculdade de design de Produto e estou cursando o ultimo ano total de 4 anos, e tenho grande interesse em trabalhar como designer de interiores, eu já trabalho em lojas de móveis, faço projetos de ambientes, porém gostaria de saber se posso fazer uma pós graduação em design de interiores, para futuramente eu trabalhar autônoma, ou abrir um escritório de design de interiores, assinando meus projetos.

    Desde já eu agradeço pela sua atenção!

  268. Oi Paulo, você conseguiu ler a minha última pergunta?
    Estou para decidir ainda este mês sobre o curso…estou super em dúvida.
    Além daqui estou pesquisando muito sobre a profissão com outras pessoas, para depois eu não me arrepender, pois agora tenho que acertar no alvo, a minha idade não me permite outro deslize !!!
    Por gentileza se pudesse me responder só mais esta perguta eu lhe agradeço muito !
    Desde já obrigada e desculpe o incômodo.
    Um abraço
    Marta

  269. Olá Paulo,
    há algum tempo venho estudando a possibilidade de entrar pra facul de DI, sou contadora e abri um pequeno escritório com meu marido mas não exerço o quanto deveria se fosse realmente apaixonada pela profissão e quero fazer algo que me dê realmente prazer, DI é uma área que me atrai muito, gosto de arte (faço pequenos trabalhos artesanais), gosto de criar e de desenho (apesar de não ser ótima desenhista), estou cada vez mais empolgada com a ideia de me tornar designer, tenho lido muito sobre assuntos pertinentes na internet, revistas e até livros, também procurei ver a grade curricular da FBV (aqui de Recife-PE) para me certificar que as disciplinas iriam ser atraentes, enfim estou com TUDO pra começar e me “jogar” de fato neste mundo maravilhoso que a profissão oferece. Fiquei um pouco receosa no início quanto à questão da (não)regulamentação e sobre as “confusões” com decoração e arquitetura, mas agora depois de ler alguns blogs, especialmente o seu, fico mais tranquila.
    Você é realmente um profissional fantástico, não somente pelo seu trabalho (que nõ conheço mas deve ser de primeira), mas também pelo fato de você dividir experiências e conhecimentos tão humilde e pacientemente aqui com pessoas interessadas. Parabéns por isso, a vida te recompensará por esta boa ação!

    Minhas dúvidas (maiores) são em relação aos locais onde poderei atuar, fazendo estágios e/ou cargo efetivo, pois não gostaria de começar logo como autônoma, porque apesar de ter vantagens, gostaria primeiro de agregar mais conhecimento e experiência como empregada. Então, eu pretendo me especializar em residências e ambientes corporativos e depois que li sobre LD (conheci aqui com você) também me interessei bastante, onde poderei deixar meus currículos ao longo do curso??

    Obrigada antecipadamente, você escreve muito bem e esclarece “de verdade” as dúvidas elencadas.
    SUCESSO SEMPRE!

    • Jully,
      grato pelos elogios ;-)
      Bom, pra começar você pode – ainda durante o curso – estagiar em lojas ou escritórios. O primeiro caso é mais indicado pois você lidará com clientes que serão seus prospects quando se formar.
      Mas, é sempre melhor lojas onde sejam feitos projetos, não apenas vendas de produtos.
      Acredito ser a melhor opção antes de lançar-se no mercado como autônoma.
      abs e sucesso

  270. Olá Paulo estava procurando informações sobre
    design de móveis,de interiores ,ambiente enfim
    quero seguir uma dessas áreas
    tenho 16 anos e
    atualmente estou terminando o ensino médio
    também trabalho em uma empresa fazendo controle de
    patrimonio,entao ja estou bem envolvida na área

    Gostaria de saber o que fazer
    pra começar design de ambientes
    o que procurar primeiro
    não sei por onde começar

    Gostari que você me desse dicas
    lembrando que
    tenho poucos recursos.

    Abraço,adorei o seu blog
    Parabéns pelo belo trabalho e
    pelo seu cuidado e atenção de responder cada pergunta!

  271. Ola Paulo, gostei muito sobre todos os assuntos e explicações do blog parabens!
    Gostaria de saber qual a melhor ou a mais indicada faculdade para o curso de Desing?

  272. Boa noite! Acabo de me inscrever para um curso Técnico de Design de Interiores e estou bastante empolgada. O curso é de apenas 3 semestres e me sinto perdida, uma amiga que fez apenas um módulo com duração de 3 meses e q não sabia desenhar NADA, me mostrou seus trabalhos e esta finalizando com uma maket linda… isto me incentivou ainda mais e por isso, vim buscar algo na net e achei muito válido o seu trabalho, de uma atenção com todos, indispensável. Parabéns, visto q vc faz tudo com amor! Porém, lendo, vi q o melhor seria cursar uma faculdade na área, q não será o meu caso no momento… Portanto, gostaria de saber uma opinião de quem entende e acho q ninguém melhor do q vc, Paulo! Poderia me ajudar? Muito obrigada e q Deus continue abençoando o seu trabalho, para q vc possa ajudar futuros designers com eu!

    • Elisangela,
      você sem saber tocou num ponto bastante serio dos cursos técnicos: o que é ensinado.
      Um curso jamais deve impor a composição sobre o desenho nem vice-versa.
      Fazer maquete é o de menos no trabalho de um designer. Não é fazer bem isso que forma o profissional e sim outras questões bem mais sérias que envolvem um projeto.
      Realmente se você puder optar por um curso superior será bem melhor.
      abs

  273. Oi Paulo, gostei muito do seu blog e mais ainda desse post sobre Design de interior, principalmente porque é meu sonho fazer esse curso mas tenho algumas dúvidas a respeito. Pra ser mais sincera tenho é um pouco de medo mesmo. Já sou formada em uma faculdade que além de não me dar nenhum retorno financeiro, não é nada do que eu gostaria trabalhar pra vida toda (sim, fiz uma escolha errada) e agora com 26 anos, quero realmente fazer o que me interessa e o que tenho certeza que vou ser muito feliz profissionalmente. Mas aí surge a dúvida: Arquitetura ou Design de Interior? Tanto um quanto outro, eu iria amar fazer. Se eu fizer arquitetura, vai ser pra me especializar em Design de Interior. Porém, com o Design, eu iria direto ao ponto, gastaria bem menos $ com faculdade e com o tempo do curso, já que arquitetura são 5 anos e Design são 2 (graduação tecnóloga). Mas o meu receio é o mercado de trabalho mesmo e o retorno financeiro. Claro que fazendo o que gostamos, o retorno financeiro é consequência, mas não quero “perder tempo”, entende? Será que é a mesma coisa? Ou será que arquitetura é uma melhor opção, já que terei uma visão mais ampla das coisas e quem sabe até descobrir outro ramo da área que eu goste. Não conheço nenhum profissional de Design pra discutir sobre o assunto, mas arquitetos conheço uns 10 e é lógico que a opinião deles é que eu faça arquitetura. Se puder me ajudar, ficarei muito grata!

    Abraço
    Fernanda

    • Fernanda,
      vou te responder o que sempre digo a todos que tem essa mesma dúvida:
      Você quer construir? Faça Arquitetura
      Você quer trabalhar os ambientes: faça Design de Interiores.
      Não, arquitetura não forma designers. Quem diz isso provavelmente não sabe nem definir arquitetura.
      O mercado de trabalho é igual nas duas áreas, com a diferença que arquitetura não sofre uma invasão de designers.
      Mas espaço tem para todos no mercado.
      abs e sucesso ;-)

  274. Olá Paulo,

    Vou fazer Design de Interiores ano que vem, e ainda não decide qual faculdade é a melhor, gostaria de saber onde você fez e quais são as melhores, moro em São Paulo capital, grata desde ja… beijoos

  275. Paulo, gostei mesmo da sua franqueza e praticidade, porém me senti uma merda, pois estounfazendo um curso na escola Criart em Porto Alegre RS, de decoração de interiores e pelo que vi (li) de nada vale, é isso mesmo? voce conhece este cuso? o que teria a me dizer? (ah sou musicista tenho 30 anos)

    • Michele,
      Não conheço a fundo a Criart. Conheço apenas o que eles apresentam no site e é por ele que analiso a situação.
      Se tem tempo e dinheiro disponivel para um curso desse, deveria ter optado por um outro mais completo – mesmo que técnico (nivel medio).
      Algum valor todo curso tem – não me entenda mal – porém a sua formação certamente será deficitária e você não estará preparada para diversas situações que nos deparamos no dia a dia profissional.
      Bom, se está com 30 anos, então ainda tem tempo para fazer um curso superior (agora ou após a finalização deste).
      E, bem vinda à área colega 2x: tbm sou musicista. Fiz música na FAP em Curitiba antes de fazer Design.
      abs e sucesso
      ;-)

  276. Entendi….. mencionei a maquete, pq realmente eu tinha esse ponto de vista q vc alertou!!! MAs q eu fiquei maravilhada eu não posso negar!!! Obrigada mais uma vez pelas dicas………….. Abs

    • Elisangela,
      maquete é um elemento que enche os olhos de qualquer pessoa, especialmente quando são bem feitas e detalhadas.
      Mas repito: Interiores/Ambientes não se resume apenas a isso ok? Isso é apenas um dos meios de expressão.
      abs e sucesso!!

  277. Oi Paulo, primeiramente Parebéns pelo blog, pois, tem me elucidado em vários sentidos.

    Bom eu não tempo tempo em cursar uma graduação, por isso, pensei em optar pelo curso de Design de Interiores da ABRA (Academia Brasileira de Arte), já ouviu falar??

    abraços!

    • Daniele,
      não só ouvi falar como tenho amigos formados lá.
      É um curso bom? Sim, porem sempre os vejo buscando ajuda em coisas que para o pessoal dos cursos superiores é coisa comum.
      abs

  278. Paulo, tudo bem?

    Muito bom seu blog, parabéns!
    Estou querendo iniciar o Curso de Design de Interiores, se eu fizer um curso Técnico e após fazer uma faculdade, você acha que vale a pena?
    Inclusive andei pesquisando na ABRA (Academia Brasileira de Arte) que a Danielle sitou acima. E também no Senac, e como ela também não tenho tempo em cursar uma graduação no momento.

    E em relação a tatuagens ela impede o profissional dessa área de conseguir um emprego?

    Abraço
    Rafaela.

    • Olá Rafaela,
      Eu sempre indico os cursos de nivel superior – seja um tecnológico ou bacharelado – pois são bem mais completos.
      Com relação ao tempo, se você vai dispensar tempo em um curso técnico, creio que consiga fazer um superior. Pense bem sobre isso ok?
      Sobre as tatoos, acredito que não interferem. Basta você ser uma boa profissional. Esta é a imagem que realmente vale.
      abs e sucesso

  279. Olá Paulo,

    Estou querendo fazer o curso de técnico em design interior, aqui em Recife. O que você acha do curso técnico? é preciso saber desenhar? você sabe quanto ganha aproximadamente um técnico de design? desculpa tantas perguntas.

    • Madalena,
      sempre indico cursos de maior titulação, no caso, os de nivel superior.
      São mais complexos e te dão maior amplitude profissional.
      Os ganhos não sei dizer pois isso depende da região, e sou aqui de baixo, do sul…
      Quanto ao desenho, irá aprender no curso mas se ja souber algo é sempre melhor.
      abs

  280. Oláa Paulo, tudo bom?
    Vim recorrer a você pois estou com uma dúvida que não consegui sanar no google. Bom, eu já faço curso superior de Design de Ambientes. Se eu decidir cursar Arquitetura depois que eu formar, poderei eliminar algumas matérias, correto? O que eu queria saber é quanto tempo, em média, vou conseguir encurtar do curso de arquitetura? Precisava de uma noçao mesmo porque eu sei que pode variar dependendo do grade.

    Obrigada, Vanessa.

    • Vanessa,
      esse é o tipo de informação que o santo Google realmente nao consegue responder… nem eu.
      Tudo depende da faculdade. Você terá de apresnetar o seu historico na faculdade de arquitetura para verificação do que pode ou não ser eliminado. Cada uma vê de uma forma diferente.
      Você pode eliminar 2 anos, 1 ano ou nada. Depende muito da faculdade de arquitetura.
      abs

  281. gostei bastante de tudo que você escreveu, mais eu tenho uma pergunta, eu quero fazer faculdade de design de interiores, mais eu sou péssima em matemática, e pelo que eu saiba pra fazer essa faculdade tem que ser boa ou bom em matemática, meu amigo me disse que é melhor eu desisitr já que sou muito ruim em matemática, você acha que eu devo desistir ? ou não ? to com muita dúvida, pois eu ADORO tudo que tem a ver com design, será que eu desisto, por favor me ajuda com essa dúvida. muitoi obrigada e espero que você possa responder minha pergunta.

    • Monycalira,
      tem sim bastante de matemática no curso, nao posso negar. Porém não é nenhum monstro não.
      Não desista nunca de seus sonhos.
      O que vc pode fazer é, após formada, firmar parcerias com outros profissionais que atuam melhor nas areas que exigem calculos.
      abs

  282. Oie, adorei seu blog.
    Eu gostaria de saber se iria me dar bem nessa profissão?
    Adora mudar as coisas de lugar,decorar,dar palpites sobre onde vai ficar o que e como vai ser,
    inclusive ajudei minha amiga que esta montando a casa dela na decoração, conforto e praticidade.

    Porem apesar de me dar rasuavelmente bem com a matematica eu sou um desatre em desenhos
    livres, e ai o q devo fazer?

    Desde ja agradecida.

    • Raine,
      desenho e matemática são essenciais mas não são nenhum monstro nao…
      faça o seguinte, procure fazer antes de entrar na faculdade, cursos livres de desenho. Vai te ajudar bastante ok?
      abs

  283. Paulo, se possível, você poderia citar alguns nomes dos principais designers de interiores tanto nacionais quanto internacionais?
    Gostaria de conhecer o trabalho e o currículo deles. Seriam boas referências e motivadores de um estudante, como eu.

    Livros e revistas também são muito bem-vindos.

    Obrigada, Vanessa.

    • Bom, vamos por partes..
      Não gosto de idolatrar ninguém e tampouco usar quem quer que seja como padrão de espelhamento.
      Mas, sempre existem nossos preferidos:
      Uma menina que eu adoro o trabalho dela: Adriana Scartaris http://www.adrianascartaris.com.br/
      Um menino que também tem muita identidade em seus projetos: Vinicius Alberto Moraishttp://www.facebook.com/profile.php?id=100000197312669&sk=wall
      Um “ídolo”?
      Marcelo Rosenbaum. Simplesmente pela coragem, ousadia e criatividade. Não é a toa que é conhecido como o Criativo. http://www.rosenbaum.com.br/
      Sobre revistas:
      – Lume arquitetura
      – L+D
      – todas as eletronicas sobre iluminação das industrias da Europa
      – Projeto Design
      Livros, dê uma vasculhada aqui em meu blog que já tem bastante dicas espalhadas pelos posts ok??
      abs e sucesso
      ;-))

  284. Olá, faz uns dois meses que conheci o blog, e quero muito agradecer o Paulo pelas informações que tenho adquirido através de suas respostas.

    Eu realmente iria fazer um curso técnico, minha desculpa era o tempo, mas pensei melhor ( vc Paulo me ajudou muito) e direcionar o tempo que tenho em algo mais sólido, por isso, farei graduação e após pesquisar muito pela intenet, fui em duas instituições aqui de São Paulo, gostaria muito de fazer na Belas Artes, mas o valor do curso é inviavel para mim, por isso farei pela Unicid, é um curso tecnologo mas é graduação e posso fazer uma pós, bom conversei bastante com a coordenadora do curso (isso tem de ser feito) e na internet há bons comentários sobre os professores e métodos de ensino, por isso, decido fazer lá e só o tempo e o meu esforço me mostrará se realmente valeu a pena ou não.

    Bom, este mês estou de férias e vou fazer um curso livre de desenho para ir me aquecendo!!! rs

    Abraços para todos e para o Paulo parabéns novamente pela iniciativa!!!

  285. Olá meu nome é Fernanda e tenho 15 anos. Penso muito em ser uma Design de Interiores e com sua explicação consegui tirar algumas dúvidas e gostei mais da profissão.
    Mas, ainda fiquei com um pouco de dúvida sobre o portfólio… como posso fazer um sem ter feito nada de verdade?
    Por favor me explique com detalhes.

    Obrigada e parabéns pelo blog! :)

    • Fernanda,
      o portfolio você vai criando com o decorrer de sua vida acadêmica e profissional.
      Trabalhos acadêmicos já contam como estudos e podem entrar no portfolio.
      Depois, cada trabalho que você for fazendo vai entrando automaticamente em seu portfolio.
      abraços

  286. Eu ainda nem sai da escola, só que essa é uma profissão que me desperta um grande interesse. Acho que pelo fato de tratar com ambientes internos, mas também acho que seja pelas maravilhas que podem criar um designer de interiores. Sempre fui louco por móveis e decorações.
    A minha pergunta é: De quanto tempo é uma faculdade de design de interiores?
    Precisa, antes, fazer uma faculdade de arquitetura?
    Qual a relação entre design de interiores e arquitetura?
    Bom agradeço pela atenção, e espero que seja muito bem sucedido em sua profição, e saiba que eu a admiro muito!

    • Gabriel,
      depende do curso que você escolher:
      – Nível superior: bacharelado (4 anos) ou tecnólogo (2,5 anos a 3 anos).
      Não precisa fazer arquitetura a não ser que você queira sair construindo casas depois.
      A relação é que são áreas complementares. A arquitetura não existe sem interiores e vice-versa.
      abraços e sucesso.

  287. E ai Paulo, tudo bem?
    Meu nome é Bruno, tenho 30 anos, sou formado em Ciências Biológicas, mas deixei de lado minha profissão, pois recentemente descobri o mundo dos projetos após criar (idealizar) com idéias próprias o projeto interno de meu apartamento na planta é claro que com a ajuda de um projetista experiente em Promob em uma loja de planejados.
    Tenho muito interesse e vontade em desenvolver uma carreira na área de arquitetura, projetos de ambientes e indústria moveleira e maquete eletrônica, mas não ser decorador, quero criar e projetar. Estou terminando o curso de Desenho Técnico no SENAC e em agosto começo o de Autoca 2D e 3D.
    Estou entre Arquitetura (pensei em fazer uma faculdade mais barata (ex: FMU) pois não tenho grandes recursos e mais pra frente mudar para uma melhor), Design de Interiores e até um Técnico em Edificalções.
    Quais dicas você pode me dar quanto ao rumo que devo traçar, pois já tenho certa idade, e não posso mais errar, mas tenho certeza que esta é minha paixão e vocação.
    Abraço!

    • Olá Bruno,
      Bom, primeiro não considere o trabalho de promobistas ou projetistas de lojas de planejados como sinônimo do trabalho de um arquiteto ou de um designer. Nossos trabalhos são bem mais complexos que meros programas possam resolver.
      Pense no seguinte:
      – você quer construir? Faça arquitetura.
      – Vc quer trabalhar ambientes internos e externos sem lidar com estruturas? Faça Design.
      Para as estruturas existem engenheiros e arquitetos parceiros ok?
      Pelo seu comentário percebe-se que seu foco é mais para Design que Arquitetura.
      Abraços e sucesso!!!

  288. olá
    tenho 14 anos e minha vontade é fazer faculdade de desing
    gosto muito dessas coisas de decorar e arrumar adooro
    mais fico com medo de começar a fazer faculdade de desing e ñ gostar
    mais aqui eu li tudo e gostei d+
    só fazendo pra ver…

  289. Olá, meu nome é Júlia tenho 15 anos, sempre fiquei com dúvidas sobre designer de interiores, e gostei muito do seu blog, pois ele tirou todas as dúvidas que eu tinha até então.
    Sou muito nova para escolher o que vou ser quando crescer, mas já faz muito tempo em que venho pesquisando sobre sites e blogs como o seu, que explicam bem e cada detalhe sobre a profissão. Mas queria saber se existem Faculdades Públicas de Designer de Interiores, e também queria saber se essas faculdades são boas! Espero Respostas! Grata Júlia.

  290. Olá Paulo , to terminando o ensino medio e quero muito fazer Design de Interiores moro na cidade de Campos dos Goytacazes so que eu não to achando nenhuma faculdade que ofereça essa graduação onde eu achei foi na Estacio de Sá a duração e de 2 anos se você souber alguma a mais me manda por favor , e queria saber se com essa profissão pode trabalhar fora do brasil e queria saber alguma contrutora americanae queria saber se graduação em faculdade ou curso técnico e melhor ? Obrigado

    • Yago,
      dê uma olhada neste post aqui que tem uma lista de cursos de nivel superior.
      Quanto à poder trabalhar no exterior, pode sim, desde que você passe nos exames das associações – coisa que infelizmente não acontece aqui no Brasil.
      Opte sempre pela maior titulação possível (nivel superior).
      abraços e sucesso ;-)

      • Obg Paulo me esclareceu muito mais se você souber alguma faculdade de campos dos goytacazes ou mais proximo que tenha esse curso superior de design de interior me falo por favor !

    • Yago,
      eu sempre indico a maior titulação: nível superior.
      O curso técnico sempre deixa muito a desejar, a formação não é completa.

  291. Oi Paulo, sempre estive em duvida sobre o que queria fazer no futuro, mas ultimamente tenho me interessado bastante em design de interiores. Você acha que a Belas Artes é uma boa opção?

  292. ola Paulo oliveira,tudo bem?? Desde ja quero te parabenizar pelo seu belo trabalho e por toda atenção que voce tem com quem precisa! Muito bom seu blog! Tirei muitas duvidas, mais eu gostaria de perguntar a voce! o que voce acha dos cursos tecnicos de Design de ambiente aplicados pelo SENAI? Voce indicaria o curso tecnico? Logicamente que uma faculdade seria melhor, mais na falta da faculdade o curso tecnico seria uma boa indicação? E desde ja muito obrigado, espero resposta! E novamente parabens e q voce continue fazendo esse belo trabalho! tudo de bom pra voce, fica com deus

    • Evandro,
      primeiramente, grato pelos elogios.
      Bom, geralmente eu não gosto de indicar cursos técnicos.
      PORÉM, os cursos do SENAI geralmente tem uma excelente qualidade.
      Confesso que desconheço o curso oferecido por eles (na verdade nem sabia que estavam oferecendo este curso – vou procurar me informar melhor sobre o mesmo).
      Bom, na falta de um curso superior, é claro que se a pessoa deseja mesmo atuar na área e não tem outro disponível por perto ok. Porém tenha consciência de que a formação não será a mesma de um curso superior e, caso um dia a regulamentação profissional aconteça, as suas atribuições profissionais serão limitadas, bem diferentes das dos profissionais que tem curso superior.
      Então comece a pensar em como compensar esta lacuna através de outros cursos complementares ok?
      abraços e sucesso.

  293. OLÁ PAULO!
    TENHO 12 ANOS E PRETENDO ME FORMAR EM DESIGN,MAS EU TENHO ALGUMAS DÚVIDAS COMO UMA BOA FACULDADE,O SALÁRIO QUE UM DESIGNER RECEBE E SE ESSA PROFISSÃO É PROMISSORA.
    Obrigada pela atenção!

    • Juliana, dê uma navegada pelo blog e leia também os comentários dos posts que encontrará diversas respostas para as dúvidas ok???
      abraços

  294. Amazing o seu blog!!! Me diga uma coisa, o que tu acha que eu devo fazer; pois eu ja tenho 28 anos e estou fora do Brasil ha 9 anos… estarei retornando para o mesmo neste final de ano e quero voltar a estudar em 2012. Eu amo arte, decoracao.. mudancas, renovo.. porem detesto matematica. Eu gostaria muito de fazer Arquitetura, mas acho que apos 9 anos fora ficaria pesado para minha mente um curso superior assim de “cara”, dai entao estou pensando em fazer desing de interiores ( tecnologico na CESUSC .. e recomendavel?? ) .. e dai entao fazer o superior de Arquitetura e Urbanismo.. ou tu acha que vale a pena comecar com Arquitetura.. ( afinal ja nao sou mais uma adolescente que pode ficar escolhendo ne.. ).. sei que os valores de mensalidades sao diferentissimos.. mas acredito que os salarios e responsabilidades tambem .. me da um HELP.. obrigada.

  295. Oi Paulo, amei seu blog, consegui tirar várias dúvidas. Porém queria saber um pouco mais sobre a área de trabalho.
    É dificil de arrumar lugares para se trabalhar? Como foi isso para você, arrumar embrego e clientes?

    Gostaria muito de saber, pois tenho grande interesse em Desing de Interiores.
    Obrigada

    • Olá Andressa,
      depende do que você entende por trabalho.
      Eu nunca pensei em fazer o curso ou entrar para a área para atuar como vendedor em lojas. Sempre foquei no trabalho como profissional liberal/autônomo.
      Já sobre arrumar clientes, é uma luta diária, trabalho de formiguinha mesmo. Isso depende exclusivamente de cada profissional e seu empenho e seriedade profissionais.
      abs

  296. Oi Paulo,tudo bem?

    Gostaria de saber de sua pessoa,se devo fazer o tecnico de desing de interiores (SENAC) ou ja parti para um superior?

    Estou indecisa.rs

    Ateciosamente
    Su

  297. Bom dia! Paulo estou cursando a faculdade de administração mais quero transferir para design de interiores.. Queria saber se tem como trasferir e em qual periodo de design de interiores consigo estágio??? Grata!

    • Kênya,
      nossa, que pergunta complicada de responder essa.
      Eu sinceramente não faço a menor idéia de como pode ser feito o aproveitamento de curso já que são áreas bastante distintas e com disciplinas muito diferentes.
      Isso você tem de conversar diretamente com a coordenação do curso de interiores que pleiteia entrar.
      Já sobre estágios, tem curso que não exige isso (absurdo!!) e outros variam desde o primeiro período até os dois últimos.
      Abraços

  298. Olá,
    Eu gostaria de cursar Design de Interiores ou Arquitetura. Porém, não sou muito boa em desenhos, (não sou péssima, tenho noções rs), então, gostaria de saber se é realmente necessário saber desenhar ou se hoje em dia, com a ajuda do autoCAD esse problema está resolvido?
    E eu estou procurando um curso de GRADUAÇÃO de Design mas não consigo achar perto da minha cidade. Então, achei um curso Tecnólogico na Universidade Cruzeiro do Sul, de 2 anos. Vale a pena fazer?!
    Muito obrigada, desde já.

  299. Olá Paulo, primeiramente parábens pelo seu blog que nos informa e incentiva muito nessa área de Desing de Interiores.
    Bom eu tenho 14 anos,e estou um pouco indecisa com que vou fazer,mas gosto muito dessa parte de decorações e artes, e vejo que nessa profissão isso é um dos fatores principais,e estou pensando em fazer o curso tecnico (ETEC)ate mesmo porque sou nova; mas estou insegura porque nao sei se quando sair de lá vou ter um mercado de trabalho bom (um trabalho fixo )e tambem se vale apena.
    Gostaria que me ajudasse!
    Desde já agradeço
    Beijos

    • Yasmin,
      bom, você ainda é nova e não passou pelo nível médio. Então é uma boa opção o curso técnico na área.
      Mas posteriormente você terá de atualizar-se e deve fazer outros cursos (que possivelmente irá eliminar disciplinas por causa do técnico).
      Quanto ao mercado, está em expansão e há sim lugar ao sol para aqueles que se dedicam, são competentes e éticos.
      abs

  300. oi Paulo, estou encantada com essa area, so que tenho uma pequena duvida sempre achei que o curso de arquitetura é mais amplo do que o de desigh de interires e fico na duvida de qual fazer pois nao quero sair projetando casas quero decora-las. Fico com receio em relaçao ao mercado de trabalho qual dos cursos da mais oportunidade de emprego!
    Obrigado pela sua atençao!
    Abs

  301. Para fazer a faculdade de Design de Interiores é obrigatório fazer antes uma faculdade de Arquitetura? Caso a resposta for negativa, o que você indica: Fazer somente a faculdade de Design de Interiores ou fazer faculdade de Arquitetura e depois Design de Interiores?

    • Leticia,
      você quer construir? Então faça arquitetura
      se você não quer construir, faça apenas Design de Interiores/Ambientes.
      Não há a menor necessidade de fazer arquitetura para trabalhar com interiores.
      abs e sucesso.

  302. Olá Paulo, como vai?
    Gostaria de saber sua opnião sobre o mercado de trabalho em Belém para o profissional de Designs de Interiores e quais as possibilidades que este profissional pode abranger ou melhor, que nichos de mercado pode explorar, quando houver excasses de trabalho ou quando a concorrência é detida por um círculo de profissionais já renomados? Qual é a estratégia para se manter atuante numa situação como a tal?

    • Claudia,
      difícil te responder isso pois desconheço o mercado aí da sua região.
      Sobre nichos, a resposta já está aí no texto acima e ainda tem outros que não estão neste post mas você encontrará facilmente aqui no meu blog.
      Tenha ciência de que você ainda não é renomada, portanto não queira – e nem tente – disputar mercado com os já renomados. Atue no seu tamanho, sempre.
      abs

  303. Paulo, obrigada pela resposta franca.

    Me faça a gentileza de indicar bons livros da área e, se póssivel, comentar sobre as feiras, eventos, congressos, nacionais ou internacionais que se possa expor trabalhos e/ou projetos em design ambientalmente sustentáveis?

    Atenciosamente.

  304. Bom dia Paulo,
    Parabéns pelo site!

    Vou tentar resumir um pouco minha história… sou formado em administração, sempre trabalhei em escritório, mais agora dei uma giro de 360 graus na minha vida, nisso inclui uma mudança para o Paraguay (Cidade de Leste), casamento, e também um novo trabalhando em loja de móveis de uma grande industria brasileira. Estou muito bem aqui, e acho que finalmente estou na área que gosto.
    Na faculdade UDC de foz do Iguaçu, existe o curso de Pós-graduação – MBA em Design de Interiores, você acha que seria uma boa opção para me especializar? Pelo fato de ser formado em outra área, teria dificuldades em fazer esse curso?
    Desde de já muito Obrigado.

    • Bom, vamos lá Lucas.
      Só uma correção: quanto vc dá um giro de 360° (círculo completo), acaba voltando ao mesmo ponto rsrsrsr é um vício de linguagem popular errado.
      Sinceramente?
      Se você for muito bom em desenho e já mexer com decoração ha um bom tempo (conhecer a parte de estruturas, elétrica, hidráulica, etc), os cursos de especializações e MBAs são uma boa opção.
      Se você não tem conhecimentos nessa área (e trabalhar numa indústria de móveis não lhe dá esse conhecimento) é melhor fazer um curso superior específico na área. É bem mais completo, você terá mais tempo para assimilar os conteúdos e tirar as dúvidas (que serão muitas) que num curso de especialização você não conseguirá.
      Dificuldades vc terá algumas no curso MBA, porém facilmente superadas. Mas a formação profissional será certamente falha exatamente por você não ser de uma área correlata.
      abraços e sucesso ;-)

  305. Bom dia Paulo,
    Escrevi semana passada mais sumiu meu comentario… rsrs
    Enfim… gostaria de saber se você conhece o curso de pós graduação MBA em design de interiores, da UDC de Foz do Iguaçu?

    Sou formado em administração, você acha que vou ter dificuldades em acompanhar o curso? obs. não sou formado na área mais trabalho em uma grande rede de móveis planejados…

    Abraço e Parabens pelo Blog.

  306. OI , MEU NOME É MOEMA . ADOREI O SITE.. PARABÉNS. QUERO TRABALHAR COM CENOGRAFIA, NA VERDADE GOSTARIA DE SABER COMO POSSO DIRECIONAR O CURSO PARA A ÁREA DE ARTES? COMO UM DI PODE TRABALHAR COM ARTE? VC TEM UM SITE, ARTIGO PARA INDICAR? UM CURSO QUE POSSA COMPLEMENTAR? ESTOU MEIO PERDIDA.E MAIS UM VEZ PARABÉNS PELO SITE.

    • Olá Moema,
      bom, existem cursos específicos em cenografia, especialmente em São Paulo e Rio de Janeiro (capital).
      Uma boa dica é você acessar o site da revista Luz&Cena que sempre tem a agenda atualizada e os cursos indicados são de boa qualidade.
      abs

  307. Mas para trabalhar na area de design é preciso também ter um curso ou uma faculdade de arquitetura,gestão e marketing?E para ter seu proprio comercio?È possivel começar por ai?

    • Tamara,
      de maneira alguma.
      Não precisa fazer arquitetura para trabalhar com Design de Interiores/Ambientes não. Também não precisa fazer gestão & marketing.
      Não entendi a parte do comercio… você quer fazer exatamente o que?

  308. Olá Paulo!!!

    Adorei seu site, me tirou muitas dúvidas.
    Sou formada em Matemática e após 13 anos trabalhando em Multinacionais estou desempregada.
    Tenho interesse na área de Design de Interiores. Por questões financeiras e de tempo, tenho filhos pequenos, pretendo fazer o curso técnico. Haverá muito preconceito no mercado quanto à minha formação técnica e não tecnológica?
    Aqui em Santo André tem a ABRA, tem alguma consideração à ser feita? Bom ensino, etc.
    Outra dúvida, por inicialmente trabalhar home office ou está área implica em ter um escritório para recebimento dos clientes e apresentação dos trabalhos?

    Obrigada e muito sucesso à vc!!

    Abs,
    Michele

  309. Olá, parabéns pelas explicações tão esclarecedoras. Gostaria de saber se você conhece a qualidade do curso de Design de Interiores (Bacharel) na FAESA em Vitória/ES. Obrigada desde já.

  310. Olá,
    Faço design industrial mas sempre quis fazer arquitetura. Primeiro estava pensando em fazer primeiro design e depois arquitetura, mas isso levaria no mínimo 9 anos. Agora estou pensando em fazer ambos juntos. Já cursei um ano de design e começaria arquitetura agora inicio do ano. O que você acha disso? são áreas muito diferentes pra serem feitas juntas? Você acha que eu deveria fazer apenas um e ir me especializando? é perca de tempo fazer um e depois outro?
    Gostaria de uma ajuda pois estou realmente confusa. Agradeço desde já.

    • Érika,
      responda para si mesma:
      Você quer construir, levantar edificações?
      Se sim, faça arquitetura e trabalhe com arquitetura.
      Se não, faça interiores/ambientes e trabalhe com ambientes.
      Se seu problema é uma maior liberdade para mexer nos projetos, faça um técnico em edificações e tire seu CREA, assim estará livre para derrubar paredes sem encheção de saco de quem for.
      abs

  311. Olá, preciso que você me explique, pois estou em dúvida, a UFG aqui de Goiânia onde moro o curso de Design era chamada de : Design de ” Interiores” agora mudou o nome e ficou como : Design de ” Ambientes” e eu li aqui no teu blog a diferença entre eles e não entendi perfeitamente, mas pretendo mesmo é fazer o Desgin de Interiores que é o que me interessa mais e como mudou de nome onde pretendo fazer na UFG que mudou o curso pra de “Ambientes” o que devo fazer? Tem a ver esse curso de Interiores com Ambientes? Devo fazer esse curso? Me explique esclarecendo as coisas, agradeço desde já e aguardo sua resposta. Abraços e adorei teu blog !

    • Amanda, me assusta um pouco o curso ser uma habilitação dentro do curso de artes visuais (assim como o design grafico) sendo que tem um outro curso de Design separado: o de moda.
      Também me assusta o enquadramento do curso dentro da área “linguística, letras e artes” sendo que tem outras áreas onde ele se encaixaria melhor.
      Porém a matriz curricular é interessante, falha mas é.
      Sobre as diferenças não esquente pois você sairá designer de ambientes podendo trabalhar tranquilamente com interiores ok?
      abs

  312. Bom dia Paulo, tudo bem?
    Bom amigo, estou aqui para que tire uma insegurança minha, tenho 19 anos, e apos pensar e pensar… e pensar mais um pouco hehe… Sei que Design de interiores é o que eu realmente eu gosto, vi seus comentários, dando sempre prioridade para um curso superior certo? eu moro em Florianópolis-SC, eu cheguei a pagar matricula em um curso técnico na escola Geração, porem me ligaram adiando o inicio do curso devido a falta de alunos, isso foi um sinal divino talvez, pois subi de cargo na minha empresa e esta bem viável fazer o Tecnólogo na Univali, poderia me dar alguma opinião?
    Obrigado pela atenção abs.

    • Rafael,
      se agora pode fazer o de nivel superior, não pestaneje, FAÇA!
      Tenho certeza que será bem melhor para você ok?
      abs e sucesso no curso ;-))

  313. Olá Paulo
    Primeiramente meus parabéns pelo site, textos muito esclarecedores.
    Sou de Gravataí, Rio Grande do Sul, trabalho longe da área de design, mas sempre mostrei muito interesse na profissão, sempre gostei muito de desenho e de mudar ambientes, mas antes de realmente engrenar nessa área, gostaria de ter certeza se valera a pena investir nisso, se é algo promissor e se rendera.
    Tenho algumas duvidas quanto a mercado de trabalho e faixa salarial, mas como é a profissão com que mais me vejo trabalhando e me dedicando ao trabalho.
    Se poder esclarecer essas duvidas fico grato dez de já.

    abraço.

    att

    Bruno Pulz.

  314. Olá Paulo,
    Eu sempre gostei muito do conteúdo que relaciona e aborda quem trabalha com design, principalmente o design de interiores.Mas tenho muitas duvidas em questão de me colocar no mercado de trabalho, tenho certo medo de investir nisso e não render frutos, entende.
    Teria alguma diga ou algo a comentar sobre isso?

    Já agradeço a atenção.

    Att

    • Olá Paulo, sou Josiane, tenho apenas 15 anos. Mas amo Design de Interiores. Quando acabar os estudos vou fazer faculdade de Design de Interiores, mas por enquanto procuro saber cada vez mais sobre o assunto. Eu sempre gostei de Decoração de Interiores, antes eu tinha duvida, por que gostava também de Edificações e procurava saber sobre Engenharia Civil, mas vi que o que realmente gosto é de Design de Interiores. E gostei muito do texto explicando o que é ‘Design de Interiores’. Gostaria muito de receber via meu e-mail mais informações sobre ‘Design de Interiores’, pois pretendo trabalhar nessa área.
      Meu e-mail: ane_catlove@hotmail.com

      Desde já agradeço, um grande abraço!

      • Josiane,
        para receber as atualizações de meu blog é só inscrever-se no espaço que tem ali em cima (lado direito)chamado EMAIL SUBSCRIPTION, ou então me seguir pelo facebook.
        abs e sucesso ;-))